Abrir menu principal

Estação Ferroviária de Celorico da Beira

estação ferroviária em Portugal
Celorico da Beira IPcomboio2.jpg
IPestacao.jpg
Linha(s) Linha da Beira Alta (PK 167,919)
Coordenadas 40° 39′ 54,87″ N, 7° 22′ 57,22″ O
Concelho Celorico da Beira
Serviços Ferroviários Logo CP 2.svgBSicon LSTR orange.svgRBSicon LSTR green.svgICBSicon LSTR pink.svgSE
Horários em tempo real
Serviços Ligação a autocarros Serviço de táxis Bilheteiras e/ou máquinas de venda de bilhetes
Telefones públicos Sala de espera
Acesso para pessoas de mobilidade reduzida Lavabos Lavabos adaptados


Logos IP.png
BSicon CONTfa grey.svg
BSicon BHF grey.svgF. de Algodres (Sentido Pampilhosa)
BSicon BHF grey.svgCelorico da Beira
BSicon HST grey.svgBaraçal (Sentido Vilar Formoso)
BSicon CONTf grey.svg

Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a Estação na Linha da Beira Alta. Para a Estação desactivada na Linha do Tâmega, veja Estação Ferroviária de Celorico de Basto.

A Estação Ferroviária de Celorico da Beira, originalmente denominada de Celorico, é uma gare da Linha da Beira Alta, que serve o Concelho de Celorico da Beira, no Distrito da Guarda, em Portugal.

Índice

CaracterizaçãoEditar

 
Desenho da Estação de Celorico da Beira, nos primeiros anos.

Localização e acessosEditar

Situa-se junto ao Largo da Estação de Caminhos de Ferro, na localidade de Celorico da Beira Gare.[1]

Descrição físicaEditar

Em Janeiro de 2011, possuía duas vias de circulação, com 471 e 435 m de comprimento, e duas duas plataformas, com 40 cm de altura, e 309 e 242 m de extensão.[2]

HistóriaEditar

 
Anúncio de 1903, onde esta estação surge com o nome original, Celorico.

A Linha da Beira Alta foi aberta à exploração, de forma provisória, no dia 1 de Julho de 1882, tendo sido totalmente inaugurada em 3 de Agosto do mesmo ano, pela Companhia dos Caminhos de Ferro Portugueses da Beira Alta.[3]

Em 1913, a estação era servida por carreiras de diligências até Boa Vista, Celorico da Beira e Prados, e Torres, Chafariz do Vento, Rio de Mel, Trancoso, Castaíde, Vila Novinha, Benvende, Cunha, Granjal, Vila da Ponte, Rua, Moimenta da Beira e Lamego.[4]

A gare de Celorico da Beira foi premiada no concurso de 1934 das estações floridas da Companhia da Beira Alta, tendo o chefe da estação recebido seis dias de licença.[5]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Celorico da Beira - Linha da Beira Alta». Infraestruturas de Portugal. Consultado em 22 de Maio de 2017 
  2. «Linhas de Circulação e Plataformas de Embarque». Directório da Rede 2012. Rede Ferroviária Nacional. 6 de Janeiro de 2011. p. 71-85 
  3. TORRES, Carlos Manitto (16 de Março de 1958). «A evolução das linhas portuguesas e o seu significado ferroviário» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. 71 (1686). p. 133-140. Consultado em 5 de Fevereiro de 2014 
  4. «Serviço de Diligencias». Guia official dos caminhos de ferro de Portugal. 39 (168). Outubro de 1913. p. 152-155. Consultado em 24 de Fevereiro de 2018 
  5. «Linha da Beira Alta» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. 46 (1120). 16 de Agosto de 1934. p. 418. Consultado em 1 de Março de 2012 
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre a estação de Celorico da Beira

Ligações externasEditar