Abrir menu principal

Estação Ferroviária de Cerdeira

estação ferroviária em Portugal
Cerdeira IPcomboio2.jpg
Edifício da Estação de Cerdeira, em 2009.
Linha(s) Linha da Beira Alta (PK225,872)
Coordenadas 40° 30′ 41,69″ N, 7° 02′ 50,14″ O
Concelho Sabugal
Serviços Ferroviários Logo CP 2.svgBSicon LSTR orange.svgR
Horários em tempo real
Serviços Serviço de táxis
Sala de espera
Acesso para pessoas de mobilidade reduzida


Logos IP.png
BSicon CONTfa grey.svg
BSicon HST grey.svgRochoso (Sentido Pampilhosa)
BSicon BHF grey.svgCerdeira
BSicon HST grey.svgMiuzela (Sentido Vilar Formoso)
BSicon CONTf grey.svg

A Estação Ferroviária de Cerdeira é uma interface da Linha da Beira Alta, que serve a Freguesia de Cerdeira, no Distrito da Guarda, em Portugal.

Índice

Vista geral da Estação, em 2009.

CaracterizaçãoEditar

Localização e acessosEditar

A Estação tem acesso pela Rua do Frei Miguel, junto à localidade de Cerdeira.[1]

Descrição físicaEditar

Em Janeiro de 2011, possuía duas vias de circulação, com 463 e 427 m de comprimento, e duas plataformas, com 137 e 109 m de extensão, e 50 e 45 cm de altura.[2]

 
Antigo armazém de mercadorias.

HistóriaEditar

A Linha da Beira Alta entrou ao serviço, de forma provisória, em 1 de Julho de 1882, tendo a linha sido totalmente inaugurada no dia 3 de Agosto do mesmo ano, pela Companhia dos Caminhos de Ferro Portugueses da Beira Alta.[3]

Em 1932, a Companhia da Beira Alta construiu os muros de vedação, no lado de Guarda,[4] e em 1935, levou a cabo grandes obras de reparação no edifício da estação e nas retretes, e da casa de habitação do chefe do 5.º lanço.[5]

O edifício de passageiros da estação de Cerdeira foi substituído na primeira metade do Século XX, tendo o novo prédio sido construído no estilo tradicional português.[6]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Cerdeira - Linha da Beira Alta». Infraestruturas de Portugal. Consultado em 19 de Maio de 2017 
  2. «Linhas de Circulação e Plataformas de Embarque». Directório da Rede 2012. Rede Ferroviária Nacional. 6 de Janeiro de 2011. p. 71-85 
  3. TORRES, Carlos Manitto (16 de Março de 1958). «A evolução das linhas portuguesas e o seu significado ferroviário» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. 71 (1686). p. 133-140. Consultado em 25 de Fevereiro de 2013 
  4. «O que se fez nos Caminhos de Ferro em Portugal no Ano de 1932» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. 46 (1081). 1 de Janeiro de 1932. p. 10-14. Consultado em 1 de Março de 2012 
  5. «Os Nossos Caminhos de Ferro em 1935» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. 48 (1153). 1 de Outubro de 1935. p. 5-9. Consultado em 25 de Fevereiro de 2013 
  6. NUNES, José de Sousa (16 de Junho de 1949). «A Via e Obras nos Caminhos de Ferro de Portugal» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. 62 (1476). p. 418-422. Consultado em 19 de Maio de 2017 
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre a Estação de Cerdeira

Ligações externasEditar