Abrir menu principal

Estação Ferroviária de Ródão

estação ferroviária em Portugal

DescriçãoEditar

Localização e acessosEditar

Esta interface situa-se junto à localidade de Vila Velha de Ródão, possuindo acesso pela Rua da Estação.[1]

Vias de circulação e plataformasEditar

Em Janeiro de 2011, a Estação dispunha de 4 vias de circulação, com 607 a 302 metros de comprimento; as duas plataformas tinham 187 e 201 metros de extensão, e 90 e 45 centímetros de altura.[2]

ServiçosEditar

Esta interface é utilizada por serviços Regionais e InterCidades da operadora Comboios de Portugal.[3]

HistóriaEditar

 
Anúncio de 1902 das Companhias Real e da Beira Alta, onde esta interface surge com a denominação original, Rodam.

InauguraçãoEditar

Esta interface encontra-se entre as Estações de Abrantes e Covilhã da Linha da Beira Baixa, tendo este troço começado a ser construído nos finais de 1885, e entrado em exploração no dia 6 de Setembro de 1891.[4]

Século XXEditar

No ano de 1933, o edifício de passageiros desta estação sofreu obras de reparação e melhoramento.[5]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Ródão - Linha da Beira Baixa». Infraestruturas de Portugal. Consultado em 17 de Junho de 2016 
  2. «Linhas de Circulação e Plataformas de Embarque». Rede Ferroviária Nacional. Directório da Rede 2012: 71-85. 6 de Janeiro de 2011 
  3. «Intercidades/Regional - Linha da Beira Baixa» (PDF). Comboios de Portugal. 13 de Dezembro de 2015. Consultado em 17 de Junho de 2016 
  4. TORRES, Carlos (16 de Janeiro de 1958). «A evolução das linhas portuguesas e o seu significado ferroviário» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. 70 (1682): 61-64. Consultado em 17 de Junho de 2016 
  5. «O que se fez nos Caminhos de Ferro em Portugal no Ano de 1933» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. 47 (1106): 49-52. 16 de Janeiro de 1934. Consultado em 17 de Junho de 2016 
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre a Estação de Ródão

Ligações externasEditar