Abrir menu principal



Estado Livre do Líbano
[[Líbano|]] Flag of Lebanon.svg
1979 – 1984
Flag Brasão
Bandeira Brasão
Continente Ásia
Região Médio Oriente
País Líbano
Capital Marjayoun
Língua oficial Árabe e Francês
Outros idiomas Hebraico
Religião Cristianismo
Islão
Drusos
Governo República
Período histórico Guerra Fria
 • 1979 Fundação
 • 1984 Dissolução

O Estado Livre do Líbano (em árabe: دولة لبنان الحر/‎Dawlat Lubnān al-Ḥurr) foi de facto um estado não reconhecido, declarado por Saad Haddad, político libanês e comandante do Exército do Sul do Líbano durante a Guerra Civil do Líbano[1]. A declaração do Estado foi efectuada a 18 de abril de 1979, exercendo a sua autoridade no sul do Líbano[2]. O estado não conseguiu reconhecimento internacional de nenhum país, com a excepção de Israel que apoiava o Exército do Sul do Líbano e reconheceu o Estado Livre[1].

Com a morte de Saad Haddad em 1984, o Estado Livre entrou em colapso, sendo substituído pela Zona de Segurança do Sul do Líbano onde Israel e o Exército do Sul do Líbano exerciam autoridade política e militar[2][3].

Referências

  1. a b Barak, Oren (28 de setembro de 2017). State Expansion and Conflict: In and between Israel/Palestine and Lebanon (em inglês). [S.l.]: Cambridge University Press. ISBN 9781108415798 
  2. a b Publications, Europa (2 de setembro de 2003). A Political Chronology of the Middle East (em inglês). [S.l.]: Routledge. ISBN 9781135356736 
  3. Luft, Gal (1 de setembro de 2000). «Israel's Security Zone in Lebanon - A Tragedy?». Middle East Quarterly (em inglês)