Abrir menu principal

Ex libris da Biblioteca Nacional do Brasil

Nesta imagem não tem visualização do Brasão de Armas Nacionais dentro da esfera do canto superior.

O Ex libris da Biblioteca Nacional do Brasil é uma peça da cultura de símbolo gráfico bibliófilo para identificar determinado livro da instituição[1].

Índice

História e descriçãoEditar

O símbolo foi construído pelo artista Eliseu Visconti em 1902[2] sendo tendo predominante do estilo art déco com elementos de bibliofilia, pena de escrever, empilhamento de livros, mesa de escrivaninha; peças da geografia: o globo terrestre destacando o mapa territorial do Brasil. Tendo também elementos da heráldica brasileira, por ter um representação do Brasão de Armas Nacionais no canto superior direito[3].

Reprodução filatélicaEditar

Em 1999 o Correio do Brasil emitiu um selo postal com homenagem filatélica ao Ex libris da Biblioteca Nacional, a emissão foi de 3.000.000 de selos e a feitura filatélica reproduz o referido ex libris[4].

Ver tambémEditar

Referências

  1. BRASIL, Museu de Arte Brasileira; Fundação Armando Alvares Penteado. Barão do Rio Branco: sua obra e seu tempo. São Paulo, 2002.
  2. POTTKER, Gisele. Ex Libris Resgatando marcas bibliográficas no Brasil[1]. Monografia ( Graduação em Curso de Design – Habilitação Design Gráfico). Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, 2006.
  3. ESTEVES, Manuel. O Ex Libris. Rio de janeiro; Laemmert, 1956.
  4. Ex-Libris da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro[2] Arquivado em 13 de fevereiro de 2015, no Wayback Machine.. correios. Acesso em 13 de fev de 2015