Farol de Sagres

Farol de Sagres
Sagres22.jpg
Número nacional
440
Localização
Coordenadas
Banhado por
Endereço
Localização
Altitude
53 m
História
Período de construção
1894 (1.ª instalação)
Inauguração
1960 (torre actual)
Entrada em serviço
Automatização
1983
Estatuto patrimonial
Incluído em sítio classificado (d)Visualizar e editar dados no Wikidata
Arquitetura
Altura
13
Material
Altura focal
53 m
Material
Equipamento
Ótica
4.ª ordem 250 mm
Lâmpada
500 W
Alcance luz
Luz característica
Identificadores
№ Faróis de Portugal
440
internacional
D-2170
№ da ARLHS
POR-043
№ da NGA
113-3620[1]
MarineTraffic

O Farol de Sagres, é um farol português, situado na ponta e fortaleza do mesmo nome, na freguesia de Sagres, concelho de Vila do Bispo, na região do Algarve, em Portugal.

O edifício consta de uma torre quadrangular com lanterna e varandim de serviço, anexa a um edifício térreo para equipamentos. A lanterna é branca com cúpula vermelha.[carece de fontes?]

HistóriaEditar

A primeira estrutura de apoio à navegação naquele local foi um farolim provisório, instalado em Março de 1894, por ocasião das comemorações do quinto centenário do Infante D. Henrique.[2] Segundo o periódico O Progresso do Sul de 11 de Março, foi construído a pedido da comissão responsável pela organização dos festejos, cumprindo assim uma petição da Câmara Municipal de Vila do Bispo.[2] O aparelho terá entrado em funcionamento no dia 4 de Março.[2]

Porém, a luz de resguardo da Ponta de Sagres começou logo desde o seu primeiro acendimento e pelo seu diminuto alcance a provocar justos reparos e reclamações da numerosa navegação que ali passava. Muito mais avançado para o sul e tendo menos trinta metros de altitude que o Cabo de São Vicente, não era com uma luz de três milhas de alcance luminoso que se devia ter assinalado o promontório de Sagres.[carece de fontes?]

O Aviso aos Navegantes N.º 3 de 3 de Março de 1894 indica que a luz é fixa vermelha, com um alcance de cinco milhas, utilizando um candeeiro a petróleo. Em 28 de Novembro de 1906 o aparelho de luz foi substituído por outro de maior alcance. O aparelho é de luz fixa vermelha, de horizonte, com candeeiro de duas torcidas e 12 milhas de alcance luminoso. Em 30 de Junho de 1923 começou a funcionar o novo farol de Sagres.[carece de fontes?]

O edifício constava de uma torre quadrangular de alvenaria branca, com anexos de um só pavimento, para habitação de faroleiros e depósito de material. A torre media 5,5 metros de altura, desde o terreno até à aresta superior da cornija. A fonte luminosa é um candeeiro de nível constante. A rotação da óptica era produzida através de um mecanismo de relojoaria e o alcance luminoso é de 14 milhas.[carece de fontes?]

A 1 de Abril de 1960 começou a funcionar o novo farol de Sagres (3.ª torre), cuja construção foi orçada em 146.890$00 (€ 733,00), tendo sido demolido o anterior.[carece de fontes?]

O farol foi electrificado e automatizado em Agosto de 1983, ficando a ser monitorizado a partir do farol de São Vicente, deixando de estar guarnecido de faroleiros.[carece de fontes?]

Informações técnicasEditar

1.ª Torre de 1894:

  • Ano de construção: 1894
  • Alcance: 12 Milhas Náuticas

2.ª Torre de 1923:

  • Localização: No interior da fortaleza de Sagres [37º 59' N; 8º 56' W]
  • Ano de construção: 1923
  • Altura: 5,5 m
  • Altitude: indisponível
  • Luz: indisponível
  • Alcance: 14 Milhas Náuticas

3.ª Torre de 1960:

  • Coordenadas: [36º 59' 40.8" N; 8º 56' 56.4" W]
  • Ano de construção: 1960
  • Ano de automatização: 1983
  • Altura: 13 m
  • Altitude: 53 m
  • Alcance: 11 Milhas Náuticas
  • Lâmpada: 500 W
  • Luz: Iso R 2 s
  • Optica: Aparelho catadióptrico de 4ª ordem, pequeno modelo em tambor
  • Encontra-se a funcionar neste local a estação DGPS de Sagres, na frequência de 305,5 kHz, inaugurada a 9 de Dezembro de 2002.[3][4]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Ponta de Sagres». NGA List of Lights - Pub. 113 - Aid No. 3620 (em inglês). NGA - National Geospatial-Intelligence Agency. 26 de setembro de 2009. Consultado em 31 de agosto de 2010 
  2. a b c «Pharolim de Sagres» (PDF). O Progresso do Sul. Faro. 31 de Março de 1894. p. 3. Consultado em 19 de Dezembro de 2021 – via Hemeroteca Digital de Faro 
  3. «Informações». Associação Náutica da Marina do Parque das Nações. 20 de Dezembro de 2002. Consultado em 1 de Abril de 2009 
  4. «Novo Sistema de Radionavegação de Base Terrestre». Marinha Portuguesa. 21 de Outubro de 2005. Consultado em 1 de Abril de 2009 
  • «Farol de Sagres». Revista da Armada. Marinha de Guerra Portuguesa. Maio de 2006. Consultado em 26 de Fevereiro de 2009 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre o Farol de Sagres
  Este artigo sobre um farol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.