Farsanses

Farsanses (em grego: Φαρσάνσες; romaniz.: Pharsánses) foi um oficial militar sassânida de origem laze do século VI, ativo durante o reinado do Cosroes I (r. 531–579). Em 548, quando esteve em desavença com o rei Gubazes II (r. 541–555), foi chamado pelo oficial Fabrizo para ajudá-lo a assassinar o rei, contudo, ao invés de consumar o plano, revelou a Gubazes II, que então revoltou-se contra a suserania persa e solicitou ajuda do Império Bizantino.[1]

Farsanses
Nacionalidade
Derafsh Kaviani.png
Império Sassânida/ Império Bizantino
Ocupação General
Dracma de Cosroes I (r. 531–579)

Em 556, manteve alto posto na corte de Lázica, comandando as tropas palacianas com o título de "mestre" (em latim: magister), que correspondia ao romano mestre dos ofícios. Participou do lado bizantino na Guerra Lázica contra o Império Sassânida e no verão de 556, ao lado de Varazes, comandou temporariamente a expedição contra os misimianos.[1]

Referências

  1. a b Martindale 1992, p. 1016.

BibliografiaEditar

  • Martindale, John R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1992). The Prosopography of the Later Roman Empire - Volume III, AD 527–641. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press. ISBN 0-521-20160-8