Fats Navarro

Theodore (Fats) Navarro (Key West, Flórida, 24 de Setembro de 1923Nova Iorque, 6 de Julho de 1950), foi um trompetista de jazz norte-americano. Foi um dos pioneiros do bebop, e do jazz de improvisação, nos anos 40. A sua carreira foi de curta duração, mas teve influência em vários músicos, como Clifford Brown

Fats Navarro
Fats Navarro, cerca de 1947.
Informação geral
Nascimento 24 de setembro de 1923
País  Estados Unidos
Morte 6 de julho de 1950 (26 anos)
Gênero(s) Jazz
Bebop
Ocupação(ões) Músico
Instrumento(s) Trompete

BiografiaEditar

Fats Navarro nasceu em Key West, na Flórida, filho de pais de origem cubana e chinesa.[1] Começou a tocar piano com 6 anos, e trompete aos 13. Termina os seus estudos com 17 anos, e junta-se a grupos de dança, dando concertos na região do centro-norte dos EUA.

Após tocar com várias bandas, e ter ganho experiência, Navarro decide ficar a morar em Nova Iorque, em 1946, e é nesta cidade que a sua carreira realmente se inicia. Toca, entre outros, com Charlie Parker. O seu virtuosismo, que rivalizava com Dizzy Gillespie, dá-lhe a oportunidade de tocar com Kenny Clarke, Dexter Gordon, Coleman Hawkins, Benny Goodman, Bud Powell, e Tadd Dameron.

A sua origem cubana, e consequente capacidade de falar espanhol, levam-no a tocar em em clubes latinos de Nova Iorque, e a gravar músicas com essa influência como Jahbero, Casbah ou Stop, esta última composta pelo saxofonista tenor, Don Lanphere.

A par da sua fraca saúde agravada pela tuberculose, Navarro torna-se consumidor de heroína. Lentamente, o músico acaba por falecer com apenas 26 anos.

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «Navarro, Fats (Theodore)» (em inglês). Jazz.com. Consultado em 15 de junho de 2016