Febe (Bíblia)

Febe (grego koiné Φοίβη) foi uma cristã mencionada por Paulo de Tarso em sua Epístola aos Romanos (Romanos 16:1)[1].

Santa Febe
Diaconisa
Nascimento século I d.C.
Morte século I d.C.
Veneração por Igreja Católica
Festa litúrgica 3 de setembro na Igreja Católica e na Igreja Ortodoxa
25 de outubro na Igreja Luterana
Gloriole.svg Portal dos Santos

Vida e obrasEditar

Febe era uma cristã, descrita na Epístola aos Romanos como "estando a serviço" da Igreja em Cencreia. Dependendo da versão, ela aparece como uma "serva", que se utiliza de uma versão geral ao invés de uma mais específica do original grego. Outros já traduzem o termo como "diaconisa"[1].

A palavra grega diakonon, utilizada para descrever Febe, é uma forma masculina do substantivo, que poderia ser traduzido como "diácono" em vez de "diaconisa"[2].

Enquanto alguns estudiosos afirmam que Paulo tenha restringido o cargo de diácono aos homens (Veja "Não permito à mulher"), outros contestam essa afirmação. Quando descrevendo as qualidades que os que ocupam o cargo de "diácono" devem ter, Paulo escreveu que as gunaikas ("mulheres") devem «...ser sérias, não maldizentes, sóbrias, fiéis em tudo.» (1 Timóteo 3:11). Combinado com o fato de que Paulo chamou Febe de diakonos da igreja, a instrução do apóstolo para as "mulheres" em 1 Timóteo pode indicar que havia uma ordem entre os servos na igreja primitiva que incluía membros homens e também mulheres.

Alguns estudiosos acreditam que Febe foi a responsável por entregar a Epístola aos Romanos para os membros da comunidade em Roma[1][3].

Referências

  1. a b c «St. Phoebe» (em inglês). Catholic Online. Consultado em 23 de abril de 2011 
  2. Veja a transliteração do original grego aqui
  3. Por exemplo Borg, Marcus e John Dominic Crossan (2009). The First Paul: Reclaiming the radical visionary behind the church's conservative icon (em inglês). London: SPCK. p. 51 
  Este artigo sobre a biografia de um(a) santo(a) ou um(a) beato(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.