Feilis (feylis) ou failis (fayli) é uma tribo iraniana ora associada aos curdos ora aos luros[1]. Os failis habitam o oeste do Irã, principalmente as províncias do Lorestão, Quermanxá e Ilão, e também o leste do Iraque.

DialetoEditar

O dialeto feili é considerado parte da língua luri no Irã, enquanto no Iraque é visto como um dialeto curdo meridional. Assim, é possível que seja um dialeto de transição entre as duas línguas, semelhante ao Bakthiari e ao Laki.[2]

HistóriaEditar

Grande parte da população curda no sul da Cordilheira de Zagros foi gradualmente perdendo sua identidade étnica curda. No século XI, algumas autores medievais passam a diferenciar os curdos e luros. Deste então, a população local aos poucos passou a identificar-se como luri, e não curda, o que também refletiu-se na alteração da língua. Assim, hoje, o vocabulário da língua luri é ainda basicamente curdo, e a sintaxe e o sistema verbal é mais próxima do Farsi.[3]

Curdos FailiEditar

Os failis são curdos xiitas que vivem principalmente na parte sul de Bagdá e na província vizinha de Uacite. Durante o regime do partido Baath no país, muitos foram perseguidos, exilados e assassinados pelo governo.

No início dos anos 80, uma campanha massiva de perseguição aos failis foi realizada, resultado na deportação forçada de mais de 600 mil famílias para o Irã, sem o porte de quaisquer documentos de identificação iraquianos, por estes serem considerados estrangeiros pelo governo. Além disso, milhares foram mortos ou presos.

Após a queda de Saddam Hussein, cerca de 15 mil retornaram inicialmente para o Iraque. No entanto, ainda hoje muitos deles não possuem seus documentos de cidadania iraquiana. Em novembro de 2010, a Alta Corte Criminal do Iraque declarou que os curdos failis foram vítimas de limpeza étnica no país[4].

Atualmente, não há nenhum dado oficial do tamanho da população curda em Bagdá. No entanto, o número de curdos failis em todo o Iraque é estimado entre 200 e 250 mil habitantes.

Referências

  1. Kennett Loftus, William. Travels and Researches in Chaldaea and Susiana (em inglês). [S.l.]: Robert Carter & Brothers, 1857. p. 356 
  2. Kurdish language Encyclopædia Iranica. Pesquisa em 16/05/17
  3. The Kurds: A Concise Handbook (Izady, Mehrdad) Pg. 94. Pesquisa em 16/05/17
  4. Faili Kurds feel ‘expelled’ from Baghdad (em inglês) Rudaw. Pesquisa em 22/02/19