Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2011). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Fender Mustang
Fender Mustang
Fabricante Fender
Período 1965-1982, 1990-presente
Construção
Corpo Sólido
Escala 22.5" ou 24"
Madeiras
Corpo Poplar, Basswood, Alder, Ash, Mahogany
Braço Maple
Escala Rosewood, Maple
Ferragem
Cavalete Fender Dynamic Vibrato
Captadores single coil
Cores disponíveis
Azul Daphne, Vermelho Dakota, Branco Olímpico, Vermelho Competition, Azul Competition, Laranja Competition, Sunburst
Portal:Guitarra
Projeto Guitarra

A Fender Mustang é uma guitarra elétrica da Fender Musical Instruments Company, introduzida em 1964 como linha estudante, composto pela Musicmaster e Duo-Sonic. Produzida até 1982 e re-introduzida em 1990, ganhou status de cult graças ao seu uso por Kurt Cobain do Nirvana. Tem o maior valor colecionável entre as guitarras de escala curta da Fender.

HistóriaEditar

Em agosto de 1964, foi lançada uma nova guitarra chamada Mustang, um modelo econômico visando estudantes de música mais avançados. Tinha estilo próximo a Musicmaster e Duo-Sonic, que foram redesenhadas aproventando-se o corpo da Mustang. A escala curta podia ser de 22,5 ou 24 polegadas, ou seja, o braço era mais curto que na famosa Stratocaster. Em 1982 a Fender encerrou a produção da Mustang, o que tornou as fabricadas nesse período muito valorizadas entre colecionadores. A Mustang ganhou status cult no início dos anos 90 com Kurt Cobain, que a tinha como guitarra favorita. Aproveitando a popularidade crescente a produção foi retomada na fábrica no Japão.

Em 1990, a Fender reeditou a Mustang, em grande parte como resultado do movimento vintage predominante na época. Entre os guitarristas do grunge e punk rock, os modelos descontinuados da Fender (modelos de orçamento como o Duo-Sonic e modelos de alta qualidade, como o Jazzmaster e Jaguar) tornaram-se extremamente populares. Esses modelos tinham qualidade Fender, mas eram mais baratos em segunda mão do que os antigos Stratocasters e Telecasters.

A Mustang reeditada é fabricado no Japão e está disponível apenas na escala de 24 polegadas. Enquanto os Mustang originais usavam principalmente poplar madeira para o corpo (com alguns casos raramente documentados de mogno), as reedições MG-72 Mustang são feitas de similar tilia, ou as reedições mais recentes do MG-65 revertem para o álamo original. O re-lançamento de MG-77 com acabamento natural é feito de fraxinus.[1]

Em 2011, a Fender lançou um novo modelo Mustang na série Pawn Shop, chamado Mustang Special. O modelo apresenta uma forma de corpo de Mustang offset e um pescoço de escala de 24 polegadas, mas com captadores humbucking e uma ponte Stratocaster hard-tail.

HardwareEditar

A Fender Mustang possui 2 captadores single coil (bobina simples) angulados com seletores individuais, um controle de tom e um de volume. Os seletores permitiam usa-los em série ou em paralelo, e também fora de fase. A ponte utilizada é chamada de Fender Dynamic Vibrato , que é uma ponte do tipo flutuante, que permite o vibrato

FamososEditar

Referências

  1. Ross, Michael; James Nash (September 2011). «Fender Pawnshop Series and 60th Anniversary Telecaster». Guitar Player. pp. 108–14  Verifique data em: |data= (ajuda)