Fernanda Baronne

Atriz e dubladora brasileira

Fernanda Baronne (Rio de Janeiro, 25 de outubro de 1977), anteriormente conhecida por Fernanda Fernandes é uma atriz, dubladora e diretora de dublagem brasileira. É conhecida por dublar as atrizes Scarlett Johansson, Anna Paquin, Jennifer Garner e Eva Green em seus filmes, bem como séries animadas de sucesso como Kim Possible, X-Men: Evolution e Digimon.

Fernanda Baronne
Nome completo Fernanda Fernandes Saddy
Nascimento 25 de outubro de 1977 (42 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileira
Parentesco Flávia Saddy (irmã)
Ocupação
Período de atividade 1991–presente

BiografiaEditar

Fernanda é filha e irmã das também atrizes, dubladoras e diretoras de dublagem Marlene Costa e Flávia Saddy. Sua avó materna,[1] foi uma famosa cantora de Rádio Brasileira entre 1950 e 1960.

CarreiraEditar

Possui formação teatral na Escola de Teatro Martins Pena, Tablado e Casa de Cultura Laura Alvim. Faz parte da premiada Companhia Preto no Branco dedicada ao teatro infanto-juvenil.

Fernanda começou sua carreira bem cedo, fazendo pequenas participações como dubladora em filmes ainda criança. Seu primeiro papel de destaque foi a personagem Valéria na dublagem da primeira versão da novela mexicana Carrossel exibida pelo SBT em 1991.[1][2]

Suas personagens em desenhos animados mais conhecidas são Vampira da Marvel (nos filmes e nos desenhos do X-Men), Kim em Kim Possible,[3] Velma na série Que Legal, Scooby-Doo!, Cinderela em Cinderela 2 e Cinderela 3,[3] Zarina em Tinker Bell: Uma Aventura no Mundo das Fadas Vanessa em Bee Movie: A História de uma Abelha, Mavis nas sequências do filme Hotel Transilvânia, Barbie Butterfly em Barbie Butterfly: Uma Aventura em Fairytopia e Peach em Procurando Nemo.

Ela é a dubladora oficial das atrizes Jennifer Garner, Emily Blunt, Charlize Theron, Kaley Cuoco em Big Bang: A Teoria e Eva Green.[4]

Entre as inúmeras novelas mexicanas que dublou, ficou conhecida por emprestar a voz as atrizes Adela Noriega, Ana Patricia Rojo e Mónika Sánchez.

Em julho de 2006, ganhou o Prêmio Yamato, também conhecido como "Oscar da Dublagem", de melhor dubladora pela personagem Kim do desenho Kim Possible,[5] realizado em São Paulo no evento Anime Friends e em 2011 a de melhor dubladora coadjuvante da personagem Irene (Rachel McAdams), no filme Sherlock Holmes.

DublagensEditar

TelessériesEditar

Atriz Série
Tyra Banks Um Maluco no Pedaço (Jackie Ames)[4]
Kaley Cuoco Big Bang: A Teoria (Penny)[4]

Desenhos/AnimesEditar

Personagem Desenho/Anime
Sheila Caverna do Dragão (2ª voz - terceira temporada)[6]
Sidney Bristow Alias[6]
Vampira X-Men e X-Men: Evolution[6]

Referências

  1. a b «Fernanda Baronne - Conhece essa voz?». Grandes filmes. Consultado em 26 de fevereiro de 2016 
  2. «Filmes e séries em português ganham espaço e revelam histórias sobre a dublagem no Brasil». O Globo. Consultado em 26 de fevereiro de 2016 
  3. a b «Por Trás do Microfone - Entrevista com Cinderela & Fernanda Baronne». O Camundongo. Consultado em 26 de fevereiro de 2016 
  4. a b c Jackson Tavares. «Dubladores: As 50 vozes que você já ouviu!». Música & Cinema. Consultado em 26 de fevereiro de 2016 
  5. David Denis Lobão (22 de junho de 2006). «História do Oscar da dublagem 2009». ohaYo. Consultado em 29 de fevereiro de 2016 
  6. a b c Clarice Monteiro. «Dubladora de personagens da "Caverna do Dragão" e "X-Men" fala sobre a profissão durante a Catsu». Correio de Uberlândia. Consultado em 26 de fevereiro de 2016 

Ligações ExternasEditar