Abrir menu principal

Fernando Colunga

Ator e dublador mexicano
Fernando Colunga
Fernando em 2012.
Nome completo Fernando Colunga Olivares
Nascimento 3 de março de 1966 (53 anos)
Cidade do México, D.F., México
Nacionalidade Mexicano
Ocupação Ator
Dublador
Atividade 1987—presente

Fernando Colunga Olivares (Cidade do México, 3 de março de 1966) é um ator mexicano. Conhecido no Brasil por seus papéis como Luis Fernando em Maria do Bairro, Carlos Daniel Bracho em A Usurpadora, Eduardo Juarez Cruz / Franco Santoro em A manhã é para sempre e José Miguel Montesinos em A Dona.

BiografiaEditar

Começou a estudar engenharia civil, tinha uma loja de material de construção, era uma loja de automóveis, trabalhou como barman e administrador. "Eu sempre tive o sonho de ser um ator, mas não cheguei diretamente à Televisa", disse o ator que começou em 1988, trabalhando como dublê do ator Eduardo Yáñez na telenovela Dulce Desafío. A partir daí, optou por continuar estudando no Centro de Artes da Educação (CEA) da Televisa em 1990. Nos inicio de sua carreira seu rosto se tornou popular em muitos lares, graças a um papel na versão mexicana do popular programa infantil Plaza Sésamo. Apareceu em outras telenovelas como Cenizas y diamantes e Madres egoístas. Conhecido no Brasil por sua atuação ao lado de Thalía, sua ex-namorada, na novela Maria do Bairro pela qual se tornou famoso, conhecido também como Carlos Daniel em A Ursupadora, atuando ao lado de Gabriela Spanic e Liberdad Lamarque, e em 1997 estrelando ao lado de Letícia Calderon em Esmeralda. Também teve participações nas novelas Maria Mercedes e Marimar.

Mais tarde, ele participou da telenovela Nunca te olvidaré, onde ele retrata um personagem que nunca deixou de amar a jovem Esperança e luta por ela contra sua mãe e Silvia. Mas obstáculos tem de superar para consumar o seu amor com Esperança (sua amiga de infância). Além disso, foi o par romântico de Gabriela Spanic em A Usurpadora, interpretando Carlos Daniel Bracho, também com Letícia Calderón em Esmeralda, Adela Noriega em Amor Real, Aracely Arámbula em Abraça-me muito forte, Lucero em Alborada e Soy tu dueña, e Susana González em Pasión.

No ano de 2004, Fernando ganhou o prêmio de melhor ator protagonista, pela telenovela Amor Real, onde trabalhou ao lado de Adela Noriega, Letícia Calderón e Chantal Andere, entre outros.

Em 2008, Fernando foi par romântico de Silvia Navarro na telenovela Mañana es para siempre[1].

Em 2010 foi o protagonista de Soy tu dueña, repetindo par romântico com Lucero, com quem já havia atuado em Alborada. Também atuou novamente com a atriz venezuelana Gabriela Spanic, a antagonista na história, que regressava à Televisa após 9 anos.[2]

Em 2012, Juan Osorio convidou para protagonizar Porque el amor manda, junto com Blanca Soto, Erick Elías e Claudia Álvarez.[3]

Em 2015 regressa à televisão como o antagonista principal da novela Pasión y poder, pela brilhante atuação Colunga venceu o premio de melhor ator antagonista.[4]

Vida pessoalEditar

Sua vida pessoal é discreta. Até os dias de hoje é visto eventualmente nas baladas sem nenhuma mulher, conheceu atrizes e cantoras, mas nunca quis se casar e nem tem filhos, apenas manter relacionamentos sem compromisso.[5]

Seu namoro mais famoso e mais divulgado pela mídia foi com a cantora Thalía, de 1995 a 1997. Anos mais tarde confessou: "Ter sido namorado de Thalía foi a pior experiência amorosa que já tive em minha vida. Sim, foi uma má experiência, porque o amor que desfruta com seu par, não quer desfrutar com 50 mil pessoas que nem entendem sua relação", disse Fernando Colunga à Terra Networks.[6]

CarreiraEditar

TelenovelasEditar

CinemaEditar

TeatroEditar

MiniseriesEditar

ProgramasEditar

Vídeos ClipesEditar

Prêmios e nomeaçõesEditar

Prêmios ACEEditar

Premios TVyNovelasEditar

Categoria Telenovela Resultado
2016 Melhor ator antagonista Pasión y Poder Vencedor
2011 Melhor ator protagonista Soy tu dueña
2010 Manãna es para Siempre Nomeado
2008 Pasión
2006 Alborada Vencedor
2004 Amor Real
2001 Abrázame muy fuerte Vencedor
Melhor beijo (com Aracely Arámbula) Nomeados
2000 Melhor ator protagonista Nunca te olvidaré Nomeado
1999 La Usurpadora
1998 Esmeralda
1994 Melhor ator revelação Más alla del puente

Prêmios El Heraldo do MéxicoEditar

Prêmios JuventudeEditar

Prêmios People en EspañolEditar

Referências

  1. «Confirmado Fernando Colunga para la nueva telenovela de Nicandro Díaz». Todo TVN. 18 de junho de 2008. Consultado em 4 de fevereiro de 2015 
  2. «Fernando Colunga en "La dueña de tu Amor"» (em espanhol). Todo TVN. 18 de janeiro de 2010. Consultado em 3 de fevereiro de 2015 
  3. «Fernando Colunga Sera 'El Secretario' de Juan Osorio». Novela Lounge. 14 de maio de 2012. Consultado em 3 de fevereiro de 2015 
  4. «¡FERNANDO COLUNGA REGRESA COMO VILLANO!» (em espanhol). Tv y Novelas. 28 de julho de 2015. Consultado em 3 de fevereiro de 2015 
  5. «Astro de "A Usurpadora" garante que não é gay». Na Telinha. 25 de janeiro de 2015. Consultado em 3 de fevereiro de 2015 
  6. «No quiere ni acordarse» (em espanhol). Terra. 30 de novembro de 2000. Consultado em 3 de fevereiro de 2015 

Ligações externasEditar