Fernando Schüler


Fernando Schüler
Cidadania Brasil
Alma mater Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Ocupação professor universitário, consultor
Empregador Insper Instituto de Ensino e Pesquisa
Página oficial
http://fernandoschuler.com/

Fernando Luís Schüler é um filósofo, professor universitário, articulista e consultor de empresas e organizações civis nas áreas de cultura e ciências políticas. Schuler foi Secretário de Estado da Justiça e do Desenvolvimento Social[1] do Rio Grande do Sul e diretor do Insper,[2] no Rio de Janeiro. Schuler ainda é colunista do Estadão,[3] e da Folha de S.Paulo.[4] Schuler recebeu menção honrosa no Prêmio ANPOF para melhor tese em filosofia do País.[5] Em 2017 recebeu o Troféu Liberdade de Imprensa, concedido pela Revista e Portal IMPRENSA.[6][7]

Schuler é curador do projeto Fronteiras do Pensamento, que promove debates com pensadores internacionais a fim de abordar temáticas contemporâneas.[8]

LivrosEditar

  • Brasil contemporâneo: crônicas de um país incógnito - Fernando Schuler e Gunter Axt (2006) - ISBN 978-8574211381
  • Intérpretes do Brasil - Fernando Schuler e Edgar Decca (2007) - ISBN 978-8589344388
  • Pensar o Contemporâneo - Série Fronteiras do Pensamento - Fernando Luís Schüler e‎ Eduardo Wolf (2013) ISBN 978-8560171552
  • 21 Ideias do Fronteiras do Pensamento para Compreender o Mundo Atual - Fernando Schüler e Eduardo Wolf (2017) ISBN 8560171991

Notas e referências

  Este artigo sobre filosofia/um(a) filósofo(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.