Abrir menu principal

Filippo Galli

futebolista italiano
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Filippo Galli (Monza, 19 de maio de 1963) é um ex-futebolista italiano, que atuava como zagueiro.

Filippo Galli
Filippo Galli
Informações pessoais
Nome completo Filippo Galli
Data de nasc. 19 de maio de 1963 (56 anos)
Local de nasc. Monza,  Itália
Altura 1,81 m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Zagueiro
Clubes de juventude
1981–1982 Itália Milan
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1982–1996
1982–1983
1996–1998
1998–2001
2001–2002
2002–2004
Itália Milan
Itália Pescara (emp.)
Itália Reggiana
Itália Brescia
Inglaterra Watford
Itália Pro Sesto
217 (3)
28 (2)
54 (2)
93 (2)
28 (1)
38 (1)
Seleção nacional
1984–1987 Flag of Italy.svg Itália Sub-21 7 (0)

CarreiraEditar

Em sua carreira, Filippo Galli jogou a maior parte no Milan, entre 1982 e 1996, participando de 217 partidas e marcando 3 gols. No período, chegou a defender o Pescara por empréstimo. Enquanto o sueco Nils Liedholm era o técnico dos rossoneri, integrou a defesa que já contava com os experientes Franco Baresi e Mauro Tassotti, além de um jovem Paolo Maldini. Porém, com a chegada de Arrigo Sacchi, perdeu espaço com a ascensão de Alessandro Costacurta. Sem espaço no Milan, assinou com a Reggiana em 1996.

Atuou também por Brescia, Watford e Pro Sesto, onde parou de jogar em 2004, aos 41 anos. Voltou ao Milan em 2006, para comandar as categorias de base, função que exerceu até 2014. Em 21 anos como profissional, conquistou 17 títulos.

Carreira internacionalEditar

Sem chances na Seleção Italiana principal, defendeu a equipe Sub-21 entre 1984 e 1987. Pelos Azzurrini, jogou as Olimpíadas de 1984.[1]

TítulosEditar

Milan

Referências

  1. «Convocazioni e presenze in campo: Galli, Filippo». figc.it (em italiano). FIGC. Consultado em 1 de abril de 2015. Arquivado do original em 1 de agosto de 2017 

Ligações externasEditar