Abrir menu principal

Final da Copa Libertadores da América de 2012

A Final da Copa Libertadores da América de 2012 foi a decisão da 53ª edição da Copa Libertadores da América. Foi disputada entre o Sport Club Corinthians Paulista, do Brasil e o Club Atlético Boca Juniors, da Argentina nos dias 27 de junho e 4 de julho. Na primeira partida, disputada no Estádio La Bombonera, em Buenos Aires, empate por 1–1.[1] Jogando em casa na partida decisiva, o Corinthians venceu por 2–0 no Estádio do Pacaembu, em São Paulo, e conquistou seu primeiro título de Copa Libertadores de maneira invicta.[2]

Final da Copa Libertadores da América de 2012
Evento Copa Libertadores da América de 2012
Jogo de ida
Data 27 de junho de 2012
Local Estádio La Bombonera, Buenos Aires
Árbitro ChileCHI Enrique Osses
Jogo de volta
Data 4 de julho de 2012
Local Estádio do Pacaembu, São Paulo
Árbitro ColômbiaCOL Wilmar Roldán

TransmissãoEditar

No BrasilEditar

No Brasil, os jogos foram transmitidos pela Rede Globo na TV aberta, além do canal fechado Fox Sports.

Outros paísesEditar

As partidas foram transmitidas pela Fox Sports para toda a América Latina e para os Estados Unidos. E, além disso, mais de cem países em todo o planeta assistiram as partidas da grande final da Copa Libertadores 2012.

Caminho até a finalEditar

Os finalistas classificaram-se diretamente para a segunda fase do torneio, a fase de grupos, sem necessidade de passar pela primeira, também conhecida como "pré-Libertadores", no Brasil ou "play-offs de la Copa", como é mais conhecida na América Latina.

Segunda faseEditar

Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Corinthians 14 6 4 2 0 13 2 +11
  Cruz Azul 11 6 3 2 1 11 4 +7
  Nacional 4 6 1 1 4 6 13 –7
  Deportivo Táchira 3 6 0 3 3 4 15 –11
Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Fluminense 15 6 5 0 1 7 4 +3
  Boca Juniors 13 6 4 1 1 9 3 +6
  Arsenal de Sarandí 6 6 2 0 4 6 7 –1
  Zamora 1 6 0 1 5 0 8 –8

Fase finalEditar

Corinthians
Adversário Local Placar
  Emelec Fora 0–0
Casa 3–0
  Vasco da Gama Fora 0–0
Casa 1–0
  Santos Fora 0–1
Casa 1–1
Boca Juniors
Adversário Local Placar
  Unión Española Casa 2–1
Fora 2–3
  Fluminense Casa 1–0
Fora 1–1
  Universidad de Chile Casa 2–0
Fora 0–0

DetalhesEditar

Jogo de idaEditar

27 de junho Boca Juniors   1 – 1   Corinthians Estádio La Bombonera, Buenos Aires
21:50 (UTC-3)
Roncaglia   72' Relatório Romarinho   84' Árbitro:  CHI Enrique Osses
     
 
 
Boca Juniors
     
 
 
Corinthians
G 1   Agustín Orión
LD 23   Facundo Roncaglia   19'
Z 2   Rolando Schiavi
Z 6   Matías Caruzzo
LE 3   Clemente Rodríguez
V 18   Leandro Somoza
M 16   Pablo Ledesma   82'
M 11   Walter Erviti   88'
M 10   Juan Román Riquelme     42'
A 7   Pablo Mouche   87'
A 19   Santiago Silva   85'
Reservas:
G 13   Sebastián Sosa
Z 5   Juan Sánchez Miño
Z 14   Gastón Sauro
M 8   Diego Rivero   82'
M 21   Cristian Chávez
A 20   Darío Cvitanich   87'
A 24   Lucas Viatri   85'
Técnico:
  Julio César Falcioni
G 24   Cássio
LD 2   Alessandro
Z 3   Chicão   74'
Z 4   Leandro Castán
LE 6   Fábio Santos   87'
V 5   Ralf
V 8   Paulinho
M 12   Alex   90+2'
M 20   Danilo     83'
A 11   Emerson Sheik
A 23   Jorge Henrique   39'
Reservas:
G 1   Júlio César
Z 10   Marquinhos
LD 18   Welder
Z 25   Wallace   90+2'
M 15   Douglas
A 9   Liédson   39'
A 21   Romarinho   83'
Técnico:
  Tite

Árbitros assistentes:
  Francisco Mondría
  Carlos Astroza
Quarto árbitro:
  Patricio Polic

Regras da partida

  • 90 minutos
  • 7 substitutos
  • Máximo de 3 substituições

Jogo de voltaEditar

4 de julho Corinthians   2 – 0   Boca Juniors Estádio do Pacaembu, São Paulo
21:50 (UTC-3)
Emerson   53',   72' Relatório Público: 37 959[3]
Árbitro:  COL Wilmar Roldán
     
 
 
Corinthians
     
 
 
Boca Juniors
G 24   Cássio
LD 2   Alessandro  
Z 3   Chicão   4'
Z 4   Leandro Castán   70'
LE 6   Fábio Santos
V 5   Ralf
V 8   Paulinho
M 12   Alex   88'
M 20   Danilo
A 11   Emerson   90+1'
A 23   Jorge Henrique   90+2'
Reservas:
G 1   Júlio César
Z 10   Marquinhos
Z 16   Ramon
Z 25   Wallace   90+2'
M 15   Douglas   88'
A 9   Liédson   90+1'
A 21   Romarinho
Treinador:
  Tite
G 1   Agustín Orión   32'
LD 4   Franco Sosa
Z 2   Rolando Schiavi   51'
Z 6   Matías Caruzzo   54'
LE 3   Clemente Rodríguez
M 16   Pablo Ledesma   65'
V 18   Leandro Somoza
M 11   Walter Erviti
M 10   Juan Román Riquelme  
A 7   Pablo Mouche   4'   81'
A 19   Santiago Silva   44'
Reservas:
G 13   Sebastián Sosa   32'
Z 5   Juan Sánchez Miño
Z 14   Gastón Sauro
M 8   Diego Rivero
M 21   Cristian Chávez
A 20   Darío Cvitanich   65'
A 24   Lucas Viatri   81'
Treinador:
  Julio César Falcioni

Árbitros assistentes:
  Abraham González
  Humberto Clavijo
Quarto árbitro:
  José Buitrago

Regras da partida

  • 90 minutos
  • 7 substitutos
  • Máximo de 3 substituições

EstatísticasEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Romarinho volta a brilhar e dá empate ao Corinthians contra o Boca na primeira final». UOL Esporte. 27 de junho de 2012. Consultado em 5 de julho de 2012 
  2. «Predestinado, Emerson Sheik decide contra o Boca e dá a sonhada Libertadores ao Corinthians». UOL Esporte. 4 de julho de 2012. Consultado em 5 de julho de 2012 
  3. Vinicius Paiva (6 de julho de 2012). «Teoria dos Jogos - 2012: o ano do fim da bolha». Globoesporte.com. Consultado em 24 de janeiro de 2013 
  4. «Libertadores ficha Boca Juniors–Corinthians». Fox Sports. 27 de junho de 2012. Consultado em 28 de junho de 2012 
  5. «Corinthians tem 40% da posse de bola, finaliza a metade, mas empata». Globo. 28 de junho de 2012. Consultado em 29 de junho de 2012 
  6. «Libertadores ficha Corinthians–Boca Juniors». Fox Sports. 4 de julho de 2012. Consultado em 5 de julho de 2012 
  7. «Timão ganha nas finalizações, tem mais roubadas de bola e leva a taça». Globo. 5 de julho de 2012. Consultado em 5 de julho de 2012