Abrir menu principal

Final da Copa do Mundo FIFA de 1990

A final da Copa do Mundo FIFA de 1990 foi disputada em 8 de julho no Stadio Olimpico, na cidade de Roma na Itália. A Alemanha Ocidental venceu a Argentina por 1–0 e se tornou tricampeã do mundo. A final foi uma reedição da final da Copa do Mundo anterior, quando a Argentina venceu por 3-2.

Final da Copa do Mundo FIFA de 1990
Stadio Olimpico 2008.JPG
Evento Copa do Mundo FIFA de 1990
Data 8 de julho de 1990
Local Stadio Olimpico, Roma
Árbitro México Edgardo Codesal
Público 73 603

Alguns fatos curiosos sobre esta partida:

  • A Argentina tornou-se a primeira seleção a não marcar gols em uma final de Copa.
  • Também foi a primeira finalista a ter dois jogadores expulsos[1].
  • Foi a primeira vez que uma seleção se tornou finalista com mais do que o dobro do número de gols marcado pelo rival na campanha (Alemanha com 14, e Argentina com 5).[2]
  • A Argentina chegou a final com o pior ataque de todos os tempos (fez apenas 5 gols).[2]
  • Pela primeira vez, os dois finalistas precisaram da prorrogação e dos pênaltis nas semifinais para se classificarem à Final[3].

Índice

Performances dos finalistasEditar

  Argentina Fase   Alemanha Ocidental
Oponente Resultado Fase de grupos Oponente Resultado

  Camarões

0-1 Rodada 1

  Iugoslávia

4-1

  União Soviética

2-0 Rodada 2

  Emirados Árabes Unidos

5-1

  Romênia

1-1 Rodada 3

  Colômbia

1-1
Grupo B J V E D GP GC SG Pts
  Camarões 3 2 0 1 3 5 -2 4
  Romênia 3 1 1 1 4 3 1 3
  Argentina 3 1 1 1 3 2 1 3
  União Soviética 3 1 0 2 4 4 0 2
Resultado final
Grupo D J V E D GP GC SG Pts
  Alemanha Ocidental 3 2 1 0 10 3 7 5
  Iugoslávia 3 2 0 1 6 5 1 4
  Colômbia 3 1 1 1 3 2 1 3
  Emirados Árabes Unidos 3 0 0 3 2 11 -9 0
Oponente Resultado Fase final Oponente Resultado

  Brasil

1-0 Oitavas de final

  Países Baixos

2-1

  Iugoslávia

0-0 (3–2 pen) Quartas de final

  Tchecoslováquia

1-0

  Itália

1-1 (4–3 pen) Semifinais

  Inglaterra

1-1 (4–3 pen)

Detalhes da partidaEditar

8 de julho de 1990 Argentina   0 – 1   Alemanha Estádio Olímpico de Roma, Roma
20:00 (UTC+2)
Relatório Brehme   85' (pen) Público: 73 603
Árbitro:  MEX Edgardo Codesal
     
 
 
Argentina
     
 
 
Alemanha
G 12 Sergio Goycochea
LB 20 Juan Simón
Z 18 José Serrizuela
Z 19 Oscar Ruggeri   46'
V 13 Néstor Lorenzo
MD 4 José Basualdo
M 7 Jorge Burruchaga   53'
M 21 Pedro Troglio   84'
ME 17 Roberto Sensini
SA 10 Diego Maradona     87'
CA 9 Gustavo Dezotti     5', 87'
Substituições:
A 3 Abel Balbo
Z 5 Edgardo Bauza
M 6 Gabriel Calderón   53'
Z 15 Pedro Monzón   65'   46'
G 22 Fabián Cancelarich
Treinador:
Carlos Bilardo
G 1 Bodo Illgner
LB 5 Klaus Augenthaler
AD 14 Thomas Berthold   73'
Z 6 Guido Buchwald
Z 4 Jürgen Kohler
AE 3 Andreas Brehme
M 10 Lothar Matthäus  
M 8 Thomas Häßler
M 7 Pierre Littbarski
CA 9 Rudi Völler   52'
CA 18 Jürgen Klinsmann
Substituições:
Z 2 Stefan Reuter   73'
G 12 Raimond Aumann
A 13 Karl-Heinz Riedle
M 15 Uwe Bein
M 20 Olaf Thon
Treinador:
Franz Beckenbauer

Bandeirinhas:
  Armando Perez Hoyos
  Andrea Listkiewicz

  A Wikipédia possui o
Portal Futebol

Referências

  1. copadomundo.uol.com.br/ Destaques da Copa de 1990
  2. a b globoesporte.globo.com/ Alemães repetem 1990 e chegam à final com dobro de gols da Argentina
  3. goal.com/ Três prorrogações seguidas! Croácia chega na final fazendo o que ninguém conseguiu e vai lutar contra retrospecto ruim

Links ExternosEditar


  Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.