Abrir menu principal
Flégon de Trales
Nascimento Século II
Aidim
Morte Século II
Ocupação historiador, escritor

Flégon de Trales foi um escritor grego romanizado, ativo no século II.

Sua principal obra é Olimpíadas, um compêndio histórico em dezesseis volumes, tratando da história dos Jogos Olímpicos desde sua origem até o ano de 137. Também escreveu obras menores, entre elas o Livro das Maravilhas, sobre fatos bizarros e criaturas fantásticas, o Livro das Pessoas Velhas e Maravilhosas, uma lista de indivíduos que ultrapassaram os cem anos de idade, uma Descrição da Sicília, uma Topografia de Roma, um compêndio dos vencedores dos Jogos, e um livro sobre festivais romanos.

Segundo Fócio, ele era um liberto do imperador Adriano.[1] Fócio criticou Flégon por listar nomes e conquistas dos vencedores olímpicos e dar muita importância a oráculos.[1]

Referências

  1. a b Flégon de Trales, Coleção de crônicas e lista de vencedores olímpicos, preservada por Fócio, Biblioteca de Fócio [em linha]

Ligações externasEditar