Abrir menu principal
Localização da floresta
A floresta, por volta de 1915
O vale de Argonne, visto em 2015

A Floresta de Argonne é uma grande floresta no nordeste de França. Dela faz parte uma grande superfície arborizada e vários formações montanhosas.

Em 1792 Charles François Dumouriez contra-atacou as forças invasoras do Duque de Brunswick nesta floresta, antes da Batalha de Valmy.

Durante a Primeira Guerra Mundial, a floresta foi novamente palco de movimentações militares. Neste local várias batalhas foram travadas entre os alemães e os franceses, no outono e inverno de 1914, verão de 1915 e outono de 1918.[1] Durante a Ofensiva de Meuse-Argonne, vários soldados do Exercito dos Estados Unidos ganharam a Medalha de Honra, incluindo o Coronel Nelson Miles Holderman,[2] o Major Charles White Whittlesey,[1] o Sargento Alvin C. York e William Henry Johnson.

Um monumento norte-americano está erguido na floresta, simbolizando a liberdade e o esforço de guerra norte-americano.[3]

Referências

  1. a b «Charles Whittlesey - Commander of the Lost Battalion». www.worldwar1.com. Consultado em 30 de agosto de 2016 
  2. «Colonel Nelson M. Holderman, Medal of Honor Reicipient». www.militarymuseum.org. Consultado em 30 de agosto de 2016 
  3. «MONTFAUCON AMERICAN MONUMENT IN ARGONNE». Consultado em 30 de agosto de 2016