Abrir menu principal

Fortuna de Minas é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Sua população estimada em 2004 era de 2.515 habitantes.

Município de Fortuna de Minas
Bandeira de Fortuna de Minas
Brasão de Fortuna de Minas
Bandeira Brasão
[[1]]
Aniversário 1 de março
Fundação 1 de março de 1963
Gentílico fortunense
Padroeiro(a) Santo Antônio[1]
CEP 35760-000 a 35762-999[2]
Prefeito(a) Patrick Diniz (PV)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Fortuna de Minas
Localização de Fortuna de Minas em Minas Gerais
Fortuna de Minas está localizado em: Brasil
Fortuna de Minas
Localização de Fortuna de Minas no Brasil
19° 33' 39" S 44° 26' 49" O19° 33' 39" S 44° 26' 49" O
Unidade federativa Minas Gerais
Mesorregião Metropolitana de Belo Horizonte IBGE/2008[3]
Microrregião Sete Lagoas IBGE/2008[3]
Região metropolitana Belo Horizonte
Municípios limítrofes Cachoeira da Prata, Inhaúma, Maravilhas, Pequi, São José da Varginha, Esmeraldas, Paraopeba
Distância até a capital 100 km
Características geográficas
Área 198,070 km² [4]
População 3 442 hab. Censo IBGE/2013[5]
Densidade 17,38 hab./km²
Altitude 448 m
Clima Tropical Tropical
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,716 alto PNUD/2000[6]
PIB R$ 23 056,305 mil IBGE/2008[7]
PIB per capita R$ 9 102,37 IBGE/2008[7]
Página oficial
Prefeitura www.fortunademinas.mg.gov.br
Câmara www.cmfortunademinas.mg.gov.br

Conta a história que os vaqueiros da Fazenda Santo Antônio indo à procura de várias cabeças de gado que haviam se desgarrado, foram encontrá-las nas proximidades do Ribeirão Macacos (no local onde se situa a sede do Município), lambendo uma substância branca da qual não queriam se afastar. Era o sal-gema. Os vaqueiros ficaram surpresos com a robustez do gado e exclamaram: "Isto é uma fortuna!". Daí em diante, o nome foi passado de boca em boca e todos passaram a chamar o local de Fortuna, que veio a se chamar definitivamente Fortuna de Minas, de acordo com a lei que emancipou a cidade. [8]

Referências

  1. Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC). «Lista por santos padroeiros» (PDF). Descubra Minas. p. 4. Consultado em 14 de setembro de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 14 de setembro de 2017 
  2. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  3. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  5. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  7. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  8. História da Cidade

Ligações externasEditar