France Télévisions

Emissora de TV Estatal Francesa

France Télévisions (pronúncia em francês: ​[fʁɑ̃s televizjɔ̃]) (estilizado como France.tv) é a emissora de televisão pública francesa. É uma empresa pública formada a partir da integração dos canais de televisão públicos France 2 (anteriormente Antenne 2) e France 3 (anteriormente France Régions 3), mais tarde unidos pelos canais legalmente independentes France 5 (anteriormente La Cinquième), France Ô (antiga RFO Sat) e France 4 (anteriormente Festival).

France Télévisions
Sociedade anônima com um conselho de administração público
Atividade Comunicação social
Fundação 7 de setembro de 1992 (28 anos)
Sede Paris, Ilha de França
 França
7, Esplanade Henri de France, 75015, 15º arrondissement
Área(s) servida(s)  França
Departamentos ultramarinos franceses
Proprietário(s) Governo da França
Pessoas-chave Delphine Ernotte-Cunci (diretor executivo)
Patrice Duhamel (vice-presidente e diretor geral de radiodifusão)
Empregados 11.400
Produtos Televisão
Website oficial http://www.france.tv/
http://www.francetvinfo.fr/

A France Télévisions é atualmente financiada pelas receitas das taxas de licença de televisão e publicidade comercial. Recentemente, a nova lei da radiodifusão pública está eliminando gradualmente a publicidade comercial nos canais de televisão públicos (primeiro à noite, depois gradualmente ao longo do dia).

A France Télévisions é uma apoiadora da iniciativa de transmissão de TV de banda larga híbrida (HbbTV) que está promovendo e estabelecendo um padrão europeu aberto para decodificadores híbridos para recepção de programas de TV aberta e multimídia de banda larga com uma única interface de usuário e foi escolhido o HbbTV por sua interatividade com notícias, esportes e previsão do tempo, e há planejamentos para adicionar capacidade de compartilhamento de mídia social e de TV.[1]

HistóriaEditar

 
Stand da France Télévisions

De 1964 a 1974, os serviços de rádio e televisão franceses foram monopolizados por meio de uma empresa pública conhecida como Office de Radiodiffusion Télévision Française. Em um esforço para estimular a concorrência, a organização foi dividida em 1975 para que os três canais independentes - TF1, Antenne 2 e FR3,mas eles ainda pertenceriam ao governo francês por algum tempo,até que uma das empresas fosse privatizada. No entanto,por apresentar operações deficitárias, a TF1 foi privatizada em 1987 e o aumento da concorrência com a abertura do mercado para dois novos radiodifusores privados( Canal+ e La Cinq) levaram a um declínio de audiência dos dois canais públicos restantes, que em apenas dois anos (1987 e 1989 ) perderam um share de mercado de mais de 30%.[2][3] No entanto, os canais foram salvos da privatização quando a fusão das duas emissoras foi anunciada,criando a France Télévisions. Elas foram rebatizadas em 1992 como France 2 e France 3, respectivamente.[4]

Em agosto de 2000, a France Télévisions S.A. formou-se como uma holding para os canais de televisão públicos da França, absorvendo o controle da France 2, France 3 e de um outro canal público La Cinquième (mais tarde renomeada France 5). Em 2004, a Réseau France Outre-mer (RFO) foi absorvida pela France Télévisions se tornando a France Ô. A partir de 2008, o Presidente da França assumiu o dever de indicar o presidente do sistema público de televisão; eles eram indicados previamente pelo Conseil supérieur de l'audiovisuel.

CanaisEditar

NacionaisEditar

Actualmente, a France Télévisions é constituída pelos seguintes canais:

Logótipo Canal Descrição Fundação
France 2 É um canal generalista, transmitindo notícias, séries, entretenimento,esportes,eventos especiais, e na maior parte dos casos dá lugar a produção local.É o segundo canal em audiência no país (depois da TF1). 21 de dezembro de 1963 (56 anos)
France 3 Focado na programação regional,apesar de também ter espaços nacionais em sua grade.Tal como a France 2,é generalista. Também transmite entretenimento,além dos informativos regionais e culturais. 31 de dezembro de 1972 (47 anos)
France 4 O primeiro nome do canal era "Festival", estando exclusivamente disponível apenas na televisão digital.O formato do Canal é baseado na BBC Three com foco na população acima dos 16 anos.Na sua grade estão eventos esportivos, sitcoms, artes, música e entretenimento. 24 de junho de 1996 (24 anos)
France 5 É um canal de utilidade pública,transmitindo programas com temas que são relacionados a interesses coletivos da população e da sociedade francesa como saúde,educação,cultura e a integração de pessoas com deficiência.Além de estar reservado para a transmissão de talk-shows. 13 de dezembro de 1994 (25 anos)
La 1ère É um canal exclusivo para os departamentos e territórios ultramarinos franceses.Tal como a France 2 é um canal generalista e tem um sinal específico vindo de Paris para cada um dos territórios.Além de transmitir diversos programas produzidos na França Metropolitana,há o espaço em sua grade para a produção de diversos programas locais. 14 de setembro de 1954 (66 anos)
France Ô É o canal via-satélite da Outre-Mer 1ère, apresentando apenas a programação local produzida nos territórios ultramarinhos para a França Metropolitana e também para os outros territórios via Televisão Digital Terrestre. 25 de março de 1998 (22 anos)
France Info É o canal exclusivo de notícias que opera no regime 24x7 ao vivo, tem o apoio da Radio France, da France World Media e do Instituto Nacional do Audiovisual. 1 de setembro de 2016 (4 anos)

InternacionaisEditar

Logótipo Canal Descrição Fundação
Euronews Estação televisiva de informação multilingue e pan-europeia, sediada em Lyon e originalmente transmitida nas 13 línguas oficiais da União Europeia. Foi o primeiro canal do mundo a difundir em várias línguas. A missão da Euronews é a cobertura internacional dos eventos numa perspectiva europeia, evitando o uso do sensacionalismo e permitindo que cada espectador possa criar uma opinião livre sobre o Mundo. A France Télévisions foi uma das emissoras fundadoras do pool em 1992 e agora mantém uma participação minoritária através do grupo SECEMIE. 1 de janeiro de 1993 (27 anos)
Arte Canal de televisão cultural,sendo uma joint-venture entre a empresa e a ARD da Alemanha,o foco é em uma programação pan-europeia. 30 de maio de 1992 (28 anos)
TV5Monde Canal internacional da francofonia, disponível no cabo e satélite em nível mundial. 1 de janeiro de 1984 (36 anos)
Mezzo Canal temático que transmite música clássica (incluindo ópera e ballet), jazz e world music. 21 de março de 1998 (22 anos)

A France Télévisions ainda detém 45% da holding ARTE, juntamente com o Governo Francês (25%), a Radio France (15%) e o INA (Instituto Nacional do Audiovisual) (15%). A France Téléevisions e o sistema alemão ARD-NRD formam o Consórcio ARTE que administra o canal de mesmo nome que transmite sua programação pan-europeia nas duas línguas (o ARTE compartilhava seu canal analógico com a France 5, mas desde a implementação do sinal digital, ambos os canais têm serviços separados em tempo integral).

A France Télévisions também controla o novo sinal multiplex R1 que atualmente hospeda a France 2, France 3, France 5, Arte e o Canal do Parlamento. A France 4 estava originalmente no multiplex R1, mas foi movida para o R2 para permitir espaço para canais regionais no R1.

SubsidiáriasEditar

Referências

  1. http://onlinereporter.com/2011/09/13/french-public-broadcaster-goes-for-hbbtv/
  2. Rollet, Brigitte. "Television in France", in Television in Europe, pp. 39–40. Eds. Coleman, James A.; Rollet, Brigitte. Intellect Books, 1997. ISBN 1-871516-92-7
  3. Rigourd, Serge. "France", in Western Broadcasting at the Dawn of the 21st Century, pp. 255, 270. Eds. Haenens, Leen; Saeys, Frieda. Walter de Gruyter, 2001. ISBN 3-11-017386-7
  4. Hart, Jeffrey A. Technology, Television, and Competition: The Politics of Digital TV, p. 46. Cambridge University Press, 2004. ISBN 0-521-82624-1

Ver tambémEditar

Ligações ExternasEditar

  Este artigo sobre televisão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.