Francis Scott Key

Francis Scott Key (Condado de Carroll (Maryland), 1 de agosto de 1779Baltimore, 11 de janeiro de 1843) foi um juiz e um poeta amador estadunidense, mais conhecido pela autoria do atual hino dos Estados Unidos, The Star-Spangled Banner.

Francis Scott Key
Nascimento 1 de agosto de 1779
Condado de Carroll (Maryland)
Morte 11 de janeiro de 1843 (63 anos)
Baltimore
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Ocupação Poeta

BiografiaEditar

Francis Scott Key era filho de Ann Phoebe Penn Dagworthy e do Capitão John Ross Key, um advogado e oficial do Exército Continental - uma família de ascendência inglesa. Nasceu na propriedade da família, Terra Rubra, localizada no Condado de Frederick, em Maryland. Cursou direito no Colégio St. John's, sob a supervisão de seu tio Philip Barton Key, membro da Câmara dos Representantes.

Durante a Guerra de 1812, Key, acompanhado do também advogado John Stuart Skinner, jantaram a bordo do navio britânico HMS Tonnant a convite dos oficiais Alexander Cochrane, George Cockburn e Robert Ross. Skinner e Key também almejavam negociar a libertação de dois prisioneiros americanos, um deles o Dr. William Beanes. Os três não estavam autorizados a retornar às suas corvetas, pois tinham de se familiarizar com a frota da Royal Navy (prestes a atacar Baltimore). Sem outra alternativa, Key teria de assistir a Batalha de Baltimore e a consequente derrota das tropas americanas no Fort McHenry. Durante o conflito, Key avistou uma bandeira americana ainda tremulando em meio à destruição das tropas americanas e sentiu-se inspirado a escrever um poema. Assim nasceria, no seu retorno à Baltimore, o hino dos Estados Unidos.

Em 1832, Key serviu como advogado de Sam Houston, durante seu julgamento na Câmara dos Representantes, por agredir outro congressista. Francis Scott Key veio a falecer no ano de 1843, na casa de sua filha em Baltimore. A causa da morte teria sido pleurisia.

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.