Abrir menu principal

Francisco Amintas da Costa Barros

Francisco Amintas da Costa Barros (Aracati, 1841Natal, 22 de fevereiro de 1899), conhecido como Amintas Barros, foi magistrado e político brasileiro.

Era sobrinho-neto de Pedro José da Costa Barros, ex-presidentes da província do Ceará.

Bacharelou-se em ciências jurídicas pela Faculdade de Direito de Recife, em 1863, na mesma turma de Raimundo Teodorico de Castro e Silva (presidente do Piauí em 1884), Franklin Távora, José Joaquim Domingues Carneiro e Trajano Viriato de Medeiros.[1]

Foi o primeiro juiz da comarca de Pau dos Ferros, de 1875 a 1885, sendo substituído por Joaquim Cavalcanti Ferreira de Melo.[2]

Foi 1º vice-presidente da província do Rio Grande do Norte,[3] nomeado por carta imperial de 8 de dezembro de 1887, tendo assumido a presidência interinamente por duas vezes, de 10 de agosto a 14 de outubro de 1888 e de 15 de junho a 18 de junho de 1889. Já na república assumiu a presidência do estado de 2 de março a 13 de junho de 1891.

Casou-se com Rita Garcia, irmã de Augusto Carlos e José Alexandre de Amorim Garcia, ex-deputados provinciais, com quem teve, ao que se sabe dois filhos.

Referências

  1. «Portal da História do Ceará: Fatos Históricos». Ceara.pro.br 
  2. «Juízes de direito que passaram pela comarca de Pau dos Ferros». Jotamaria-comarcadepaudosferros.blogspot.com 
  3. «IAPHACC». www.culturanatal.com.br. Consultado em 26 de junho de 2009. Arquivado do original em 19 de junho de 2009 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar