Francisco Munis Barreto de Aragão

Francisco Munis Barreto de Aragão, 2.º barão e 1.º e único Visconde de Paraguaçu (Bahia, 11 de agosto de 1813Hamburgo, 25 de julho de 1901) foi um diplomata brasileiro.[1]

O Visconde de Paraguaçu

Filho de Salvador Munis Barreto de Aragão, 1º barão de Paraguaçu. Foi cônsul do Brasil em Hamburgo, faleceu solteiro.

Agraciado cavaleiro da Imperial Ordem de Cristo, grande dignitário da Imperial Ordem da Rosa, comendador da Ordem do Libertador Bolívar, da Venezuela, cavaleiro da Ordem Grã-Ducal de Baden e do Leão de Zaehingen. Agraciado barão em 17 de julho de 1872, elevado a visconde em 10 de novembro de 1883.

Referências

  1. «CATARINA PARAGUAÇU - Casa da Torre - Garcia D'Avila - PATRIMÔNIO». www.casadatorre.org.br. Consultado em 19 de dezembro de 2017 

Ligação externaEditar

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.