Frederico Guilherme I, Duque de Saxe-Weimar

Frederico Guilherme I, (25 de abril de 1562, Weimar – 7 de julho de 1602, Weimar) foi um duque de Saxe-Weimar. Era o filho mais velho de João Guilherme, Duque de Saxe-Weimar e da princesa Doroteia Susana do Palatinado-Simmern.

Frederico Guilherme I
Duque de Saxe-Weimar
Duque de Saxe-Weimar
Reinado 1573–1602
Antecessor(a) João Guilherme, Duque de Saxe-Weimar
Sucessor(a) João II, Duque de Saxe-Weimar
 
Esposas Sofia de Württemberg
Ana Maria do Palatinado-Neuburgo
Descendência Doroteia Maria de Saxe-Weimar
João Guilherme, Príncipe-herdeiro de Saxe-Weimar
Frederico de Saxe-Weimar
Doroteia Sofia de Saxe-Weimar
Ana Maria de Saxe-Weimar
João Filipe, Duque de Saxe-Altemburgo
Ana Sofia de Saxe-Weimar
Frederico, Duque de Saxe-Altemburgo
João Guilherme, Duque de Saxe-Altemburgo
Doroteia de Saxe-Altemburgo
Frederico Guilherme II, Duque de Saxe-Altemburgo
Casa Wettin
Nascimento 25 de abril de 1562
  Weimar, Ducado de Saxe-Weimar, Sacro Império Romano-Germânico
Morte 7 de julho de 1602 (40 anos)
  Weimar, Ducado de Saxe-Weimar, Sacro Império Romano-Germânico
Pai João Guilherme, Duque de Saxe-Weimar
Mãe Doroteia Susana do Palatinado-Simmern

VidaEditar

 
Frederico Guilherme, em criança, com os pais e a irmã.

Na altura em que o seu pai morreu (1573), Frederico Guilherme ainda era menor de idade, o que tornou necessário nomear um governo de regência para o ducado. A sua mãe, a duquesa-viúva Doroteia Susana, tentou, mas não conseguiu impedir que o príncipe-eleitor Augusto da Saxónia - da linha Albertina - fosse nomeado regente em vez dela.

Em 1586, Frederico Guilherme foi declarado adulto e deu início ao seu governo independente de Saxe-Weimar. Cinco anos depois, em 1591, o príncipe-eleitor Cristiano I da Saxónia morreu e foi sucedido pelo seu filho mais velho Cristiano II. Uma vez que o novo príncipe-eleitor ainda era menor de idade, a regência foi atribuída a Frederico Guilherme. Com o título de Administrator des Sächsischen Kurstaates (Administrador do Eleitorado da Saxónia) Frederico Guilherme passou a viver em Torgau, e negligenciou o governo do seu ducado, que passou a ser governado pelo seu irmão mais novo, João, que, de acordo com a lei dos ducados ernestinos, era já responsável por uma parte do governo.

Em 1601, quando terminou o período de regência no Eleitorado da Saxónia, Frederico Guilherme regressou a Weimar. No entanto, uma vez que morreu apenas um ano depois, não deixou vestígios significativos na Histórica do ducado.

Casamento e filhosEditar

Em Weimar, a 5 de Maio de 1583, Frederico casou-se com a sua primeira esposa, a princesa Sofia, filha de Cristóvão, Duque de Württemberg. Tiveram seis filhos:

  1. Doroteia Maria de Saxe-Weimar (8 de Maio de 1584 – 9 de Setembro de 1586), morreu aos dois anos de idade.
  2. João Guilherme, Príncipe-herdeiro de Saxe-Weimar (30 de Junho de 1585 – 23 de Janeiro de 1587), morreu aos dezassete meses de idade.
  3. Frederico de Saxe-Weimar (26 de Setembro de 1586 – 19 de Janeiro de 1587), morreu aos três meses de idade.
  4. Doroteia Sofia de Saxe-Weimar (19 de Dezembro de 1587 – 10 de Fevereiro de 1645), princesa-abadessa de Quedlimburgo (1618)
  5. Ana Maria de Saxe-Weimar (31 de Março de 1589 – 15 de Dezembro de 1626)
  6. Filho nado-morto (21 de Julho de 1590).

Em Neuburg an der Donau a 9 de Setembro de 1591, Frederico Guilherme casou-se com a sua segunda esposa, a princesa Ana Maria, filha de Filipe Luís, Conde Palatino de Neuburgo. Tiveram seis filhos:

  1. João Filipe, Duque de Saxe-Altemburgo (25 de Janeiro de 1597 – 1 de Abril de 1639), duque de Saxe-Altemburgo entre 1602 e 1639. Casou-se com a princesa Isabel de Brunswick-Wolfenbüttel; com descendência.
  2. Ana Sofia de Saxe-Weimar (3 de Fevereiro de 1598 – 20 de Março de 1641), casada com o duque Carlos Frederico de Münsterberg-Öls.
  3. Frederico, Duque de Saxe-Altemburgo (12 de Fevereiro de 1599 – 24 de Outubro de 1625), morreu em batalha sem deixar descendentes.
  4. João Guilherme, Duque de Saxe-Altemburgo (13 de Abril de 1600 – 2 de Dezembro de 1632), morreu num acampamento militar sem deixar descendentes.
  5. Doroteia de Saxe-Altemburgo (26 de Junho de 1601 – 10 de Abril de 1675), casada com Alberto IV, Duque de Saxe-Eisenach.
  6. Frederico Guilherme II, Duque de Saxe-Altemburgo (12 de Fevereiro de 1603 –  22 de Abril de 1669), duque de Saxe-Altemburgo entre 1639 e 1669. Casado primeiro com a princesa Sofia Isabel de Brandemburgo; sem descendência. Casado depois com a condessa Madalena Sibila da Saxónia; com descendência.

GenealogiaEditar

Os antepassados de Frederico Guilherme I, Duque de Saxe-Weimar em três gerações
Frederico Guilherme I, Duque de Saxe-Weimar Pai:
João Guilherme, Duque de Saxe-Weimar
Avô paterno:
João Frederico I, Eleitor da Saxônia
Bisavô paterno:
João, Eleitor da Saxónia
Bisavó paterna:
Sofia de Mecklemburgo
Avó paterna:
Sibila de Cleves
Bisavô paterno:
João III, Duque de Cleves
Bisavó paterna:
Maria de Jülich-Berg
Mãe:
Doroteia Susana do Palatinado-Simmern
Avô materno:
Frederico III, Eleitor Palatino
Bisavô materno:
João II, Conde Palatino de Simmern
Bisavó materna:
Beatriz de Baden
Avó materna:
Maria de Brandemburgo-Kulmbach
Bisavô materno:
Casimiro, Marquês de Brandemburgo-Bayreuth
Bisavó materna:
Susana da Baviera

ReferênciasEditar

German Wikipedia: de:Friedrich_Wilhelm_I._(Sachsen-Weimar)