Frota Doméstica

A Frota Doméstica (em inglês: Home Fleet) foi uma frota da Marinha Real Britânica que operou principalmente no mar territorial do Reino Unido em diferentes intervalos entre 1902 e 1967.

Frota Doméstica
Home Fleet 1904-05.jpg
Couraçados da Frota Doméstica em linha de batalha antes da Primeira Guerra Mundial
País  Reino Unido
Tipo de unidade Frota
Ramo  Marinha Real Britânica
Período de atividade 1902–1904
1907–1914
1932–1967
Comando
Comandantes
notáveis
George Callaghan
John Tovey
Bruce Fraser

A frota foi estabelecida em outubro de 1902 e era inicialmente composta por quatro navios de guarda portuária,[1] porém ela foi desfeita logo em dezembro de 1904, quando se tornou a nova Frota do Canal.[2] A Frota Doméstica foi reestabelecida em 1907, desta vez em quatro divisões como o comando unificado da Marinha Real em mares britânicos. Ela desfeita novamente em agosto de 1914, logo depois do início da Primeira Guerra Mundial, quando se tornou a Grande Frota.

A Frota Doméstica ressurgiu em março de 1932 como o novo nome da Frota do Atlântico depois do Motim de Invergordon.[3] Ela foi a principal força da Marinha Real na Europa durante a Segunda Guerra Mundial, atuando principalmente na Batalha do Atlântico. Depois da guerra, a Frota Doméstica ficou cuidando principalmente do Atlântico Norte contra possíveis ameaças da União Soviética até 1967, quando foi fundida com a Frota do Mediterrâneo para formar a Frota Ocidental.

Referências

  1. Seligmann, Matthew S. (agosto de 2010). «A prelude to the reforms of Admiral Sir John Fisher: the creation of the Home Fleet, 1902–3». Historical Research. 83 (221) 
  2. Massie, Robert K. (2004) [1991]. Dreadnought: Britain, Germany, and the Coming of the Great War. Londres: Pimlico. ISBN 978-1-84413-528-8 
  3. Marder, Arthur (2015). From the Dardanelles to Oran: Studies of the Royal Navy in War and Peace 1915–1914. [S.l.]: Seaforth Publishing. p. 48. ISBN 978-1-47384-927-3 
  Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.