Abrir menu principal
Fujiwara no Morosuke
藤原師輔
Fujiwara no Morosuke
藤原師輔
Udaijin
Imperador Murakami
Dados pessoais
Nascimento 11 de janeiro de 909
Morte 31 de maio de 960 (51 anos)
linkWP:PPO#Japão

Fujiwara no Morosuke (藤原師輔 909 - 960?), também conhecido como Kujō-dono ou Bojo-udaijin , foi um estadista, membro da corte e político durante o período Heian da história do Japão [1].

VidaEditar

Morosuke foi o segundo filho de Tadahira , que controlava a muitos anos o governo como Sekkan (regente) e Daijō Daijin .

Por volta de 930 Morosuke teve um caso com a filha do Imperador Daigo , a Princesa Kinshi, e mais tarde foi autorizado a se casar com ela. Esta foi a primeira vez que um vassalo japonês que não pertencesse a Casa Imperial conseguiu se casar com uma princesa imperial - em casos anteriores, onde vassalos se casaram com filhas de imperadores, essas filhas eram despojadas de seu estatus imperial.

CarreiraEditar

Entre 931 e 947 foi constantemente promovido, passando de Sangi até alcançar o posto de Dainagon.

Em 1939 quando Taira no Masakado iniciou sua rebelião, Fujiwara no Tadabumi foi indicado como Shōgun (征東大将軍 grande general encarregado de subjugar o leste ?), mas a rebelião foi sufocada antes que ele pudesse se juntar a batalha. A Corte debateu sobre Tadabumi, o irmão mais velho de Morosuke, Saneyori argumentou que que como Tadabumi não fizera nada, não deveria receber qualquer prêmio. Já Morosuke acreditava que como Tadabumi acatou as ordens e partiu da capital, deveria ser recompensado. Saneyori acabou preso à sua própria posição, mas a opinião pública favorecera Morosuke.

Após este debate, Morosuke foi promovido a Dainagon , e se tornou General da Guarda Imperial (右近衛大将?).

Em 947, o Imperador Suzaku abdicou, e o Imperador Murakami subiu ao trono, promovendo Saneyori ao cargo de Sadaijin , e Morosuke a posição como Udaijin [2]. Essa promoção favoreceu Saneyori, mas este achava que Morosuke poderia lhe causar problemas, pois na prática Morosuke detinha o poder mais do que Saneyori. Já que Morosuke era o avô materno do príncipe herdeiro.

Em 960 Morosuke foi acossado por uma grave doença, e de acordo com as supertições da época tentou cortar o cabelo e fazer a tonsura, mas o Imperador Murakami enviou um mensageiro para dissuadi-lo. Mesmo assim, com o agravamento de sua doença, em 29 de maio cortou seu cabelo, para morrer dois dias depois, em 31 de Maio de 960, aos 51 anos de idade.

Morosuke nunca ocupou o cargo de sekkan (Regente) em sua vida, mas com os sucessivos reinados de seus netos: o Imperador Reizei e o Imperador En'yu após a morte de Murakami colocaram sua família em uma posição de destaque como parentes maternos do imperador. Seu filho mais velho Koretada atuou brevemente como sekkan, e seus outros filhos Kanemichi [1], Kaneie [1], Tamemitsu [3] e Kinsue [1] atingiram a posição de Daijō Daijin. Os descendentes dos filhos de Morosuke, formaram a legítima linha da família de regentes Fujiwara.

Precedido por
Fujiwara no Tadahira
  -- 11º Líder dos Hokke Fujiwara
(949 -960)
Sucedido por
Fujiwara no Kaneie
Precedido por
Fujiwara no Saneyori
44º Udaijin
(947-960)
Sucedido por
Fujiwara no Akitada



Referências

  1. a b c d Louis-Frédéric , Japan Encyclopedia (em inglês) Harvard University Press, 2002 pp 203 - 206 ISBN 9780674017535
  2. Isaac Titsingh, "Morosuke" em Annales des empereurs du japon, (em francês) Paris: Royal Asiatic Society, Oriental Translation Fund of Great Britain and Ireland pp. 139 OCLC 5850691.
  3. Frank Brinkley and Dairoku Kikuchi. A History of the Japanese People from the Earliest Times to the End of the Meiji Era.(em inglês) New York: Encyclopædia Britannica, 1915 p. 259. OCLC 413099