Funabashi

(Redirecionado de Funabashi (Chiba))
Japão Funabashi

船橋市 (Funabashi-shi)

 
  Cidade  
Centro comercial LaLaPort em Funabashi
Centro comercial LaLaPort em Funabashi
Símbolos
Bandeira de Funabashi
Bandeira
Brasão de armas de Funabashi
Brasão de armas
Localização
Localização de Funabashi
País  Japão
Características geográficas
Área total 85 64 km²
População total (Abril de 2012) 610,572 hab.
Densidade 7,130 hab./km²
Website [1]

Funabashi (船橋市 Funabashi-shi?) é uma cidade japonesa localizada no nordeste da província de Chiba.[1] Recebeu o estatuto de cidade a 1 de Abril de 1937.

Em 2012 a cidade tinha uma população estimada em 610.572 habitantes e uma densidade populacional de 7.130 h/km². Tem uma área total de 85,64 km². É a 7ª cidade mais populosa na Grande Tóquio. A cidade é dirigida por Koshichi Fujishiro (藤代孝七).

GeografiaEditar

Funabashi está localizada no nordeste da província de Chiba e faz parte da região do Planalto de Shimōsa. Se situa de 20 a 30 metros acima do nível do mar, e é relativamente plana. Funabashi é atravessada pelo rio Tone, e possui um pequeno rio chamado Ebi, o qual se localiza inteiramente dentro dos limites da cidade. Antigamente, a cidade tinha grandes praias rasas, mas grande parte da costa foi industrializada e transformada devido ao aterramento marítimo.

Municípios vizinhosEditar

EconomiaEditar

Funabashi é um centro comercial regional e, devido á suas inúmeras conexões de trem, uma cidade-dormitório para as áreas próximas de Chiba e Tóquio.

EducaçãoEditar

Atrações locaisEditar

EstruturasEditar

  • Hipódromo de Funabashi
  • Hipódromo de Nakayama
  • Automobilismo de Funabashi
  • Centro comercial LaLaPort, um dos maiores do Japão
  • Primeira loja de grande porte da IKEA no Japão, construída nos moldes do SSAWS

CulturaisEditar

  • Templo de Funabashi
  • Santuário de Ninomiya
  • Museu Kūtei
  • Monumento Meiji Tennō Chūhitsu no Tokoro no Hi
  • Gyōda Musen
  • Cerejeiras japonesas na beira do rio Ebi

Cidades-irmãsEditar

ReferênciasEditar

  1. «Funabashi». Encyclopædia Britannica Online (em inglês). Consultado em 5 de dezembro de 2019 

Ligações externasEditar