Abrir menu principal

Futebol nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016 - Masculino

Futebol masculino nos
Jogos da XXXI Olimpíada
Futebol nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016 - Masculino
Olympic rings with white rims.svg
Football pictogram.svg
Dados
Participantes 16
Organização COI
Anfitrião Brasil Brasil
Período 420 de agosto
Gol(o)s 104
Partidas 32
Média 3,25 gol(o)s por partida
Campeão Brasil Brasil
Vice-campeão Bandeira da Alemanha Alemanha
3º colocado Flag of Nigeria.svg Nigéria
4º colocado Flag of Honduras.svg Honduras
Melhor marcador 6 gols:
Melhor ataque (fase inicial) Bandeira da Alemanha Alemanha – 15 gols
Melhor defesa (fase inicial) Brasil Brasil – 0 gol
Maior goleada
(diferença)
Alemanha Bandeira da Alemanha 10–0 Fiji Fiji
Estádio MineirãoBelo Horizonte
10 de agosto, 3ª rodada
Público 1 008 376
Média 31 511,8 pessoas por partida
◄◄ Reino Unido 2012 Soccerball.svg 2020 Japão ►►
Futebol nos
Jogos Olímpicos de Verão de 2016
Football pictogram.svg
masculino   feminino  

O torneio masculino de futebol nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016 ocorreu entre 4 e 20 de agosto. Foi a vigésima sexta edição do futebol nos Jogos Olímpicos. As partidas foram realizadas em cinco estádios de cinco cidades espalhadas por várias regiões do Brasil.[1]

Um total de 16 equipes se classificaram para competir o evento, sendo divididas em quatro grupos de quatro equipes cada para a disputa da primeira fase. Duas seleções de cada grupo avançaram à segunda fase, onde a disputa passou a ser eliminatória, compreendendo as quartas de final, semifinal e final.

Índice

MedalhistasEditar

QualificaçãoEditar

Confederação Competição Data de encerramento Sede Vagas Seleções qualificadas Melhor resultado
País sede 1   Brasil   Prata (1984, 1988, 2012)
AFC Campeonato Asiático Sub-23 de 2016 30 de janeiro de 2016   Catar 3   Japão   Bronze (1968)
  Coreia do Sul   Bronze (2012)
  Iraque 4º lugar (2004)
CAF Campeonato Africano Sub-23 de 2015 12 de dezembro de 2015   Senegal 3   Nigéria   Ouro (1996)
  Argélia 8º lugar (1980)
  África do Sul 11º lugar (2000)
CONCACAF Torneio Pré-Olímpico da CONCACAF de 2015 13 de outubro de 2015   Estados Unidos 2   Honduras 7º lugar (2012)
  México   Ouro (2012)
CONMEBOL Campeonato Sul-Americano Sub-20 de 2015 7 de fevereiro de 2015   Uruguai 1   Argentina   Ouro (2004, 2008)
OFC Futebol nos Jogos do Pacífico de 2015 18 de julho de 2015   Papua-Nova Guiné 1   Fiji Primeira participação
UEFA Campeonato Europeu Sub-21 de 2015 30 de junho de 2015   República Checa 4   Alemanha   Ouro (1976)
  Dinamarca   Prata (1908, 1912, 1960)
  Portugal 4º lugar (1996)
  Suécia   Ouro (1948)
CONCACAF
CONMEBOL
Repescagem 29 de março de 2016   Colômbia
  Estados Unidos
1   Colômbia 10º lugar (1968)

SorteioEditar

O sorteio dos grupos foi realizado em 14 de abril de 2016.[5] Brasil, México, Argentina e Japão foram escolhidas como cabeças de chave e colocadas nos grupos A, B, C e D respectivamente. As equipes restantes foram divididas em 4 potes, de acordo com a classificação dos últimos 5 Jogos Olímpicos.[6]

Pote 1 Pote 2 Pote 3 Pote 4

ConvocaçõesEditar

Cada equipe deveria enviar um time de 18 jogadores sendo no mínimo dois goleiros. Foi permitido a cada país enviar até três atletas com idade superior a 23 anos. Cada equipe poderia também manter uma lista alternativa de 4 jogadores que poderiam substituir qualquer atleta da lista oficial em caso de lesão.[7]

Além disso, diferentemente de Londres 2012, desta vez o torneio não fez parte da chamada Data FIFA,[8] muito por conta da Eurocopa de 2016 e da Copa América Centenário, que haviam sido disputadas recentemente.[9] Assim, os clubes não foram obrigados a liberar para a disputa dos Jogos os jogadores com idade acima de 23 anos.

ArbitragemEditar

Em 2 de maio de 2016, a FIFA divulgou os dezesseis trios de arbitragem masculinos que atuaram nas Olímpiadas:[10]

  • Ar ^ Árbitro reserva

Fase de gruposEditar

Na primeira fase as seleções foram divididas em quatro grupos de quatro equipas, que deram classificação às quartas de final para as duas primeiras classificadas.[1][11]

Grupo AEditar

 
Dinamarca–África do Sul em Brasília.
Seleções classificadas para as quartas de final.
Seleção P J V E D GP GC SG
  Brasil 5 3 1 2 0 4 0 +4
  Dinamarca 4 3 1 1 1 1 4 –3
  Iraque 3 3 0 3 0 1 1 0
  África do Sul 2 3 0 2 1 1 2 –1

Ordenamento da classificação: 1) Pontos; 2) Diferença de gol(o)s total; 3) Gol(o)s marcados; 4) Sorteio.


4 de agosto Iraque   0 – 0   Dinamarca Estádio Nacional, Brasília
13:00
FIFA
RIO2016
Público: 18 000
Árbitro:  MEX César Ramos
4 de agosto Brasil   0 – 0   África do Sul Estádio Nacional, Brasília
16:00
FIFA
RIO2016
Público: 69 389
Árbitro:  ESP Antonio Mateu Lahoz

7 de agosto Dinamarca   1 – 0   África do Sul Estádio Nacional, Brasília
19:00
Skov   69' FIFA
RIO2016
Público: 32 314
Árbitro:  JPN Ryuji Sato
7 de agosto Brasil   0 – 0   Iraque Estádio Nacional, Brasília
22:00
FIFA
RIO2016
Público: 65 829
Árbitro:  ROU Ovidiu Hațegan

10 de agosto Dinamarca   0 – 4   Brasil Arena Fonte Nova, Salvador
22:00
FIFA
RIO2016
Gabriel   26',   80'
Gabriel Jesus   40'
Luan   50'
Público: 41 067
Árbitro:  IRI Alireza Faghani
10 de agosto África do Sul   1 – 1   Iraque Arena Corinthians, São Paulo
22:00
Motupa   6' FIFA
RIO2016
Abdul-Amir   14' Público: 37 742
Árbitro:  ECU Roddy Zambrano

Grupo BEditar

 
Colômbia–Nigéria em São Paulo.
Seleção P J V E D GP GC SG
  Nigéria 6 3 2 0 1 6 6 0
  Colômbia 5 3 1 2 0 6 4 +2
  Japão 4 3 1 1 1 7 7 0
  Suécia 1 3 0 1 2 2 4 –2

Ordenamento da classificação: 1) Pontos; 2) Diferença de gol(o)s total; 3) Gol(o)s marcados; 4) Sorteio.


4 de agosto Suécia   2 – 2   Colômbia Arena da Amazônia, Manaus
18:00
Ishak   43'
Ajdarević   62'
FIFA
RIO2016
Gutiérrez   17'
Pabón   75' (pen)
Público: 29 996
Árbitro:  KSA Fahad Al-Mirdasi
4 de agosto Nigéria   5 – 4   Japão Arena da Amazônia, Manaus
21:00
Sadiq   6'
Etebo   10',   42',   52' (pen),   66'
FIFA
RIO2016
Koroki   9' (pen)
Minamino   12'
Asano   70'
Suzuki   90+5'
Público: 29 996
Árbitro:  FRA Clément Turpin

7 de agosto Suécia   0 – 1   Nigéria Arena da Amazônia, Manaus
18:00
FIFA
RIO2016
Sadiq   40' Público: 23 892
Árbitro:  NZL Matthew Conger
7 de agosto Japão   2 – 2   Colômbia Arena da Amazônia, Manaus
21:00
Asano   67'
Nakajima   74'
FIFA
RIO2016
Gutiérrez   59'
Fijiharu   65' (g.c)
Público: 26 603
Árbitro:  RUS Sergey Karasev

10 de agosto Colômbia   2 – 0   Nigéria Arena Corinthians, São Paulo
19:00
Gutiérrez   4'
Pabón   63' (pen)
FIFA
RIO2016
Público: 36 702
Árbitro:  MEX César Ramos
10 de agosto Japão   1 – 0   Suécia Arena Fonte Nova, Salvador
19:00
Yajima   65' FIFA
RIO2016
Público: 17 821
Árbitro:  SEN Malang Diedhiou

Grupo CEditar

 
Coreia do Sul–México em Brasília.
Seleção P J V E D GP GC SG
  Coreia do Sul 7 3 2 1 0 12 3 +9
  Alemanha 5 3 1 2 0 15 5 +10
  México 4 3 1 1 1 7 4 +3
  Fiji 0 3 0 0 3 1 23 -22

Ordenamento da classificação: 1) Pontos; 2) Diferença de gol(o)s total; 3) Gol(o)s marcados; 4) Sorteio.


4 de agosto México   2 – 2   Alemanha Arena Fonte Nova, Salvador
17:00
Peralta   52'
Pizarro   60'
FIFA
RIO2016
Gnabry   58'
Ginter   78'
Público: 16 500
Árbitro:  IRI Alireza Faghani
4 de agosto Fiji   0 – 8   Coreia do Sul Arena Fonte Nova, Salvador
20:00
FIFA
RIO2016
Ryu Seung-woo   32',   63',   90+3'
Kwon Chang-hoon   62',   63'
Son Heung-min   72' (pen)
Suk Hyun-jun   77',   90'
Público: 16 000
Árbitro:  SEN Malang Diedhiou

7 de agosto Fiji   1 – 5   México Arena Fonte Nova, Salvador
13:00
Krishna   10' FIFA
RIO2016
Gutiérrez   48',   55',   58',   73'
Salcedo   67'
Público: 11 200
Árbitro:  EGY Gehad Grisha
7 de agosto Alemanha   3 – 3   Coreia do Sul Arena Fonte Nova, Salvador
16:00
Gnabry   33',   90+2'
Selke   55'
FIFA
RIO2016
Hwang Hee-chan   25'
Son Heung-min   57'
Suk Hyun-jun   87'
Público: 17 121
Árbitro:  ARG Néstor Pitana

10 de agosto Alemanha   10 – 0   Fiji Estádio Mineirão, Belo Horizonte
16:00
Gnabry   8',   45'
Petersen   14',   33',   40',   63' (pen),   70'
Meyer   30',   49',   52'
FIFA
RIO2016
Público: 16 521
Árbitro:  KSA Fahad Al-Mirdasi
10 de agosto Coreia do Sul   1 – 0   México Estádio Nacional, Brasília
16:00
Kwon Chang-hoon   77' FIFA
RIO2016
Público: 19 332
Árbitro:  FRA Clément Turpin

Grupo DEditar

 
Portugal–Argentina no Rio de Janeiro.
Seleção P J V E D GP GC SG
  Portugal 7 3 2 1 0 5 2 +3
  Honduras 4 3 1 1 1 5 5 0
  Argentina 4 3 1 1 1 3 4 –1
  Argélia 1 3 0 1 2 4 6 –2

Ordenamento da classificação: 1) Pontos; 2) Diferença de gol(o)s total; 3) Gol(o)s marcados; 4) Sorteio.


4 de agosto Honduras   3 – 2   Argélia Estádio Olímpico, Rio de Janeiro
15:00
Quioto   13'
Pereira   33'
Lozano   79'
FIFA
RIO2016
Bendebka   68'
Bounedjah   85'
Público: 20 000
Árbitro:  BRA Sandro Ricci
4 de agosto Portugal   2 – 0   Argentina Estádio Olímpico, Rio de Janeiro
18:00
Paciência   66'
Pité   84'
FIFA
RIO2016
Público: 37 407
Árbitro:  GUA Walter López

7 de agosto Honduras   1 – 2   Portugal Estádio Olímpico, Rio de Janeiro
15:00
Elis   1' FIFA
RIO2016
Figueiredo   21'
Paciência   36'
Público: 32 928
Árbitro:  ECU Roddy Zambrano
7 de agosto Argentina   2 – 1   Argélia Estádio Olímpico, Rio de Janeiro
18:00
Correa   47'
Calleri   70'
FIFA
RIO2016
Bendebka   64' Público: 37 450
Árbitro:  TUR Cüneyt Çakır

10 de agosto Argélia   1 – 1   Portugal Estádio Mineirão, Belo Horizonte
13:00
Benkablia   25' FIFA
RIO2016
Paciência   30' (pen) Público: 13 787
Árbitro:  NZL Matthew Conger
10 de agosto Argentina   1 – 1   Honduras Estádio Nacional, Brasília
13:00
Martínez   90+3' FIFA
RIO2016
Lozano   75' (pen) Público: 16 029
Árbitro:  ESP Antonio Mateu Lahoz

Fase finalEditar

 
Estádio do Maracanã durante a semifinal entre Brasil e Honduras.

As seleções apuradas depois da fase de grupos seguiram para a fase a eliminar, onde as equipas que chegaram à discussão das medalhas disputaram mais três jogos.[1][11]

Quartas de final Semifinais Medalha de ouro
                   
13 de agosto – São Paulo        
   Brasil  2
17 de agosto – Rio de Janeiro
   Colômbia  0  
   Brasil  6
13 de agosto – Belo Horizonte
     Honduras  0  
   Coreia do Sul  0
20 de agosto – Rio de Janeiro
   Honduras  1  
   Brasil (pen)  1 (5)
13 de agosto – Salvador
     Alemanha  1 (4)
   Nigéria  2
17 de agosto – São Paulo
   Dinamarca  0  
   Nigéria  0 Medalha de bronze
13 de agosto – Brasília
     Alemanha  2  
   Portugal  0    Honduras  2
   Alemanha  4      Nigéria  3
20 de agosto – Belo Horizonte

Quartas de finalEditar

13 de agosto Portugal   0 – 4   Alemanha Estádio Nacional, Brasília
13:00
FIFA
RIO2016
Gnabry   45+1'
Ginter   57'
Selke   75'
Max   87'
Público: 55 412
Árbitro:  GUA Walter López

13 de agosto Nigéria   2 – 0   Dinamarca Arena Fonte Nova, Salvador
16:00
Mikel   16'
Umar   59'
FIFA
RIO2016
Público: 30 307
Árbitro:  BRA Sandro Ricci

13 de agosto Coreia do Sul   0 – 1   Honduras Estádio Mineirão, Belo Horizonte
19:00
FIFA
RIO2016
Elis   59' Público: 36 704
Árbitro:  EGY Gehad Grisha

13 de agosto Brasil   2 – 0   Colômbia Arena Corinthians, São Paulo
22:00
Neymar   12'
Luan   83'
FIFA
RIO2016
Público: 41 560
Árbitro:  TUR Cüneyt Çakır

SemifinaisEditar

17 de agosto Brasil   6 – 0   Honduras Estádio Maracanã, Rio de Janeiro
13:00
Neymar   1',   90+1' (pen)
Gabriel Jesus   26',   35'
Marquinhos   51'
Luan   79'
FIFA
RIO2016
Público: 52 457
Árbitro:  ROU Ovidiu Hațegan

17 de agosto Nigéria   0 – 2   Alemanha Arena Corinthians, São Paulo
16:00
FIFA
RIO2016
Klostermann   9'
Petersen   89'
Público: 35 562
Árbitro:  ARG Néstor Pitana

Disputa pelo bronzeEditar

20 de agosto Honduras   2 – 3   Nigéria   Estádio Mineirão, Belo Horizonte
13:00
Lozano   71'
Pereira   86'
FIFA
RIO2016
Sadiq   34',   56'
Umar   49'
Público: 9 091
Árbitro:  BRA Sandro Ricci

FinalEditar

20 de agosto   Brasil   1 – 1 (pro)   Alemanha   Estádio Maracanã, Rio de Janeiro
17:30
Neymar   26' FIFA
RIO2016
Meyer   59' Público: 63 707
Árbitro:  IRI Alireza Faghani
    Penalidades  
Renato Augusto  
Marquinhos  
Rafinha  
Luan  
Neymar  
5 – 4   Ginter
  Gnabry
  Brandt
  Süle
  Petersen
 

Classificação finalEditar

 
Pela primeira vez o Brasil subiu ao lugar mais alto do pódio no futebol.

Esta foi a classificação final:[11]

Pos. Equipe Campanha (V–E–D)
   BRA Brasil 3–3–0
   GER Alemanha 3–3–0
   NGR Nigéria 4–0–2
4  HON Honduras 2–1–3
5  KOR Coreia do Sul 2–1–1
6  POR Portugal 2–1–1
7  COL Colômbia 1–2–1
8  DEN Dinamarca 1–1–2
9  MEX México 1–1–1
10  JPN Japão 1–1–1
11  ARG Argentina 1–1–1
12  IRQ Iraque 0–3–0
13  RSA África do Sul 0–2–1
14  ALG Argélia 0–1–2
15  SWE Suécia 0–1–2
16  FIJ Fiji 0–0–3

EstatísticasEditar

PúblicosEditar

O jogo com mais público nas bancadas foi o que opôs Brasil a África do Sul na primeira jornada, ao passo que a final ficou com o terceiro maior público. Ao todo, mais de um milhão de espectadores assistiram ao torneio masculino.[13]

Maiores públicosEditar

Público Seleção Placar Seleção Estádio Data Fase
1 69 389 Brasil   0–0   África do Sul Estádio Nacional 4 de agosto 1ª rodada
2 65 289 Brasil   0–0   Iraque 7 de agosto 2ª rodada
3 63 707 Brasil   1–1 (5–4 p)   Alemanha Estádio do Maracanã 20 de agosto Final
4 55 412 Portugal   0–4   Alemanha Estádio Nacional 13 de agosto Quartas
5 52 457 Brasil   6–0   Honduras Estádio do Maracanã 17 de agosto Semifinal
6 41 560 Brasil   2–0   Colômbia Arena Corinthians 13 de agosto Quartas
7 41 067 Dinamarca   0–4   Brasil Arena Fonte Nova 10 de agosto 3ª rodada
8 37 742 África do Sul   1–1   Iraque Arena Corinthians 10 de agosto 3ª rodada
9 37 450 Argentina   2–1   Argélia Estádio Olímpico 7 de agosto 2ª rodada
10 37 407 Portugal   2–0   Argentina 4 de agosto 1ª rodada

Menores públicosEditar

Público Seleção Placar Seleção Estádio Data Fase
1 9 091 Honduras   2–3   Nigéria Estádio Mineirão 20 de agosto 3º lugar
2 11 200 Fiji   1–5   México Arena Fonte Nova 7 de agosto 2ª rodada
3 13 787 Argélia   1–1   Portugal Estádio Mineirão 10 de agosto 3ª rodada
4 16 000 Fiji   0–8   Coreia do Sul Estádio Nacional 4 de agosto 1ª rodada
5 16 029 Argentina   1–1   Honduras Estádio Olímpico 10 de agosto 3ª rodada
6 16 500 México   2–2   Alemanha Arena Fonte Nova 4 de agosto 1ª rodada
7 16 521 Alemanha   10–0   Fiji Estádio Mineirão 10 de agosto 3ª rodada
8 17 121 Alemanha   3–3   Coreia do Sul Arena Fonte Nova 7 de agosto 2ª rodada
9 17 821 Japão   1–0   Suécia 10 de agosto 3ª rodada
10 18 000 Iraque   0–0   Dinamarca Estádio Nacional 4 de agosto 1ª rodada

Referências

  1. a b c «Football Explanatory Guide» (PDF) (em inglês). Rio 2016. pp. 10, 11, 14, 16, 17, 18. Consultado em 20 de agosto de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 20 de agosto de 2016 
  2. «Futebol Masculino - Medalhistas» (PDF). Rio 2016. 20 de agosto de 2016. Consultado em 21 de agosto de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 21 de agosto de 2016 
  3. «Brasil é campeão olímpico de futebol». Global Media Group. 21 de agosto de 2016. Consultado em 21 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 21 de agosto de 2016 
  4. Felipe Castro, Luiz (20 de agosto de 2016). «Ouro, enfim: Brasil bate Alemanha nos pênaltis e é campeão». Veja. Consultado em 21 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 21 de agosto de 2016 
  5. «Sorteio dos grupos do futebol Olímpico acontece no Maracanã em 14 de abril». Rio 2016. 23 de fevereiro 2016. Consultado em 20 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 20 de agosto de 2016 
  6. «Brasil, Argentina, México e Japão serão cabeças de chave no futebol». globoesporte.com. 8 de abril de 2016. Consultado em 20 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 20 de agosto de 2016 
  7. «Regulations for the Olympic Football Tournaments 2016» (PDF). FIFA. Consultado em 14 de julho de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 20 de agosto de 2016 
  8. «"Jogos Olímpicos? Vai ser um grande problema para o Rui Jorge"». SAPO. 27 de maio de 2016. Consultado em 20 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 20 de agosto de 2016 
  9. «Barça reitera que Neymar terá de escolher: Copa América ou Rio 2016. Ambas, não». Esporte iG. 15 de abril de 2016. Consultado em 20 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 20 de agosto de 2016 
  10. «Olympic Football Tournaments (OFTs) RIO 2016 Men» (PDF) (em inglês). FIFA. 2 de maio de 2016. Consultado em 20 de agosto de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 20 de agosto de 2016 
  11. a b c «Futebol masculino - Resumo da competição» (PDF) (em inglês). Rio 2016. 20 de agosto de 2016. Consultado em 21 de agosto de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 21 de agosto de 2016 
  12. «Futebol Masculino - Estatísticas individuais» (PDF) (em inglês). Rio 2016. 20 de agosto de 2016. Consultado em 21 de agosto de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 21 de agosto de 2016 
  13. «Futebol - Relatório do público presente» (PDF) (em inglês). 20 de agosto de 2016. Consultado em 21 de agosto de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 21 de agosto de 2016 
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Futebol nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016 - Masculino