Futebolistas do Boa Esporte Clube

Entre os futebolistas do Boa Esporte Clube, quem alcançou a maior fama em sua carreira foi o goleiro Bruno Fernandes, contratado pelo clube em 2017, após receber liberdade provisória enquanto aguardava o julgamento em segunda instância, após a condenação em primeira instância por assassinar a mãe de seu filho.[1]

JogadoresEditar

Por anoEditar

2017Editar

Transferências para 2017Editar
Entradas
  Pos. Jogador T. Clube anterior
  G   Igor Rayan Erro de citação: Elemento <ref> inválido; nomes inválidos (por exemplo, são demasiados)     Tupynambás
  A   Daniel[2]     Araxá
  A   Edinando[2]     Araxá
  M   Ramon[3]     Goiás
  M   Juliano Mineiro[4]     Kashiwa Reysol
  Z   Josué[5]     Vitória
  V   Ilaílson[6]     Paysandu
Saídas
  Pos. Jogador T. Clube de destino
  G   Daniel Luiz[7]     São Bernardo
  Z   Edson Borges[7]     Caxias
  Z   Bruno Maia[7]     Botafogo-PB
  V   Escobar[7]     Guarani
  A   Braian Samúdio[7]     Guarani
  L   Romano[7]     ABC
  A   Daniel Cruz[7]     CSA
Elenco inicialEditar
  • Atualizado em 14 de janeiro de 2017.[8]


Goleiros
Jogador
  Luan Polli
  Kewin
  Igor Rayan
  Fabrício
Defensores
Jogador Pos.
  Igor Brondani Z
  Anderson Mauro Z
  Josué Z
  Luanderson Z
  Douglas Assis Z
  Kaio Cristian LD
  Felipe Mattioni LD
  Nestor LE
  Elivélton LE
  Ferrugem LE
Meio-campistas
Jogador Pos.
  Radamés V
  Leonardo V
  Léo Baiano V
  Jean Henrique V
  Diones V
  Eduardinho V
  Léo Bartholo V
  Luiz Grando V
  Leleu M
  Ramon M
  Juliano Mineiro M
  Guilherme Garré M
  Michael M
Atacantes
Jogador
  Wesley
  Rodolfo Bardella
  Daniel
  Danillo Bala
  João Carlos
  Gindré
  Gilmar
Comissão técnica
Nome Pos.
  Julinho Camargo T
  Cesar Mendes PF
  Júlio Cardoso TG

Em fevereiro de 2017, após seis anos e sete meses preso,[9] Bruno conseguiu habeas corpus por uma liminar deferida pelo ministro do STF Marco Aurélio Mello.[10] No entanto em 25 de abril de 2017, o STF voltou a julga-lo e por três votos a um decidiu que Bruno devia voltar à prisão.[11]

A contratação de Bruno causou grandes repercussão nacional e aumentou a presença de torcedores nos jogos do clube.[12] Por outro lado, também levou à perda de patrocinadores, muitas críticas por parte de moradores da cidade onde o clube é sediado, e provocações de clubes rivais.[13] O goleiro, apesar de tudo, pouco se destacou atuando pelo Boa Esporte, uma vez que ficou apenas aproximadamente dois meses em liberdade.[14]

Referências

  1. Época. «"O Boa é uma equipe pequena que pensa como grande", diz diretor, sobre aposta em Bruno». Consultado em 14 de junho de 2017 
  2. a b «Ainda sem o técnico Julinho Camargo, Boa Esporte inicia pré-temporada 2017». globoesporte.com. 04 de janeiro de 2017  Verifique data em: |data= (ajuda)
  3. «Boa Esporte anuncia retorno do meia Ramon, destaque do clube em 2011». globoesporte.com. 6 de janeiro de 2017 
  4. «Boa Esporte anuncia contratação de Juliano Mineiro, ex-Kashima Reysol». globoesporte.com. 11 de janeiro de 2017 
  5. «Boa Esporte anuncia contratação do zagueiro Josué, ex-Vitória». globoesporte.com. 18 de janeiro de 2017 
  6. «Boa Esporte anuncia contratação de volante Ilaílson, ex-Paysandu». globoesporte.com. 31 de janeiro de 2017 
  7. a b c d e f g «Ainda sem anunciar nomes, Boa se reapresenta em 4 de janeiro». globoesporte.com. 29 de dezembro de 2016 
  8. http://globoesporte.globo.com/mg/sul-de-minas/futebol/times/boa-esporte/noticia/2017/01/ainda-sem-o-tecnico-julinho-camargo-boa-esporte-inicia-pre-temporada-2017.html
  9. Felipe Pontes. «STF manda soltar Bruno, ex-goleiro do Flamengo condenado por homicídio». Agência Brasil. EBC. Consultado em 24 de fevereiro de 2017 
  10. «Goleiro Bruno consegue habeas corpus e deve sair do presídio». Globo Esporte. Globo.com. Consultado em 24 de fevereiro de 2017 
  11. Renan Ramalho (25 de abril de 2017). «Primeira Turma do STF decide mandar goleiro Bruno de volta à prisão». G1. Globo.com. Consultado em 25 de abril de 2017 
  12. Uol. «Muitos rubro-negros na torcida do Boa Esporte para ver o ídolo Bruno...». Consultado em 14 de junho de 2017 
  13. Globo Esporte (17 de abril de 2017). «Vídeo mostra goleiro Bruno sendo provocado em jogo do Boa Esporte». Consultado em 14 de junho de 2017 
  14. Globo Esporte. «Após prisão de Bruno, Boa Esporte tenta se concentrar no Módulo 2». Consultado em 14 de junho de 2017