Abrir menu principal
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido de «GAZ» na Wikipédia em inglês (desde novembro de 2017). Ajude e colabore com a tradução.
Gorkovski Avtomobilny Zavod
Gorky Automobile Plant.jpg
Entrada principal da fábrica GAZ
Nome nativo Го́рьковский автомоби́льный заво́д
Subsidiária
Atividade Automobilística
Fundação 1 de janeiro de 1932 (87 anos)
Sede Níjni Novgorod, Oblast de Níjni Novgorod,  Rússia
Proprietário(s) Oleg Deripaska
Presidente Vadim Sorokin
Pessoas-chave Siegfried Wolf, Manfred Eibeck[1]
Produtos Automóveis e peças automotivas
Receita US$2,476 bilhões (Grupo GAZ 2016)
Renda líquida US$17,708 milhões (Grupo GAZ 2016)[2]
Website oficial GAZ

GAZ ou Gorkovsky Avtomobilny Zavod (em português: Fábrica de Automóveis Gorky) é uma fabricante de veículos russa, fundada em 1932. Iniciou em 1932 como NAZ, uma cooperação entre a Ford e a União Soviética, como resultado do plano quinquenal.[3]

Índice

HistóriaEditar

InícioEditar

Em Maio de 1929 a União Soviética assinou um acordo com a Ford Motor Company.[3] Sob seus termos, os soviéticos concordaram em comprar US$13 milhões em automóveis e peças automotivas, enquanto que a Ford concordou em prover assistência técnica até 1938 para construir uma fábrica integrada de manufatura de automóveis em Níjni Novgorod. A produção foi iniciada no dia 1 de Janeiro de 1932, e a fábrica e marca ficaram com o nome Nizhegorodsky Avtomobilny Zavod, ou NAZ, mas também vinha com a logo da "Ford". O primeiro veículo da GAZ foi um automóvel de valor médio Ford Model A, vendido como NAZ-A, e um caminhão leve, o Ford Model AA (NAZ-AA). A produção do NAZ-A iniciou em 1932 e foi até 1936, sendo construídas mais de 100.000 unidades.

Em 1933, o nome da fábrica foi alterado para Gorkovsky Avtomobilny Zavod, ou GAZ, quando a cidade foi renomeada em dedicação a Maxim Gorky; similarmente, os modelos foram renomeados GAZ-A e GAZ-AA. De 1935 a 1956, o nome oficial foi aumentado em imeni Molotova (literalmente, nomeado em dedicação a Molotov).

O GAZ-A foi então substituído pelo mais moderno GAZ-M1 (baseado na versão de quatro cilindros do Ford Model B), produzido entre 1936 e 1942. A letra M vem de Molotovets ('da fama de Molotov'), sendo esta a origem no apelido deste carro, M'ka (Эмка).[3]

Durante a guerra a GAZ produziu Chevrolet G7107 e G7117 (G7107 com guincho) de partes enviadas a partir dos Estados Unidos como parte do Lend Lease.

As experiências com os modelos "A" e "M1" fizeram com que os engenheiros da GAZ desenvolvessem carros próprios independentes da Ford. Seu primeiro projeto independente foi batizado de GAZ-11, tendo um tamanho maior que o seu antecessor o M1 e sendo produzido entre 1942 e durante 1946 foi produzido em menor quantidade devido à Segunda Guerra Mundial.

Pós-guerraEditar

 
GAZ-14, produzido entre 1977-1988

Naquela época, os engenheiros da GAZ trabalhavam para desenvolver um modelo completamente novo para entrar em produção assim que a guerra acabasse. Chamado de GAZ-M20 Pobeda (Vitória), este sedã de preço acessível com um estilo fastback entrou em produção em 1946, sendo produzido pela GAZ até 1958 (uma versão sob licença e sob nome Warszawa continuou a ser produzido na fábrica polonesa FSO até a década de1970). Foi o primeiro carro soviético com limpador de para-brisa elétrico (ao invés de mecânicos ou operados a vácuo).[4] O modelo também vinha equipado com freios hidráulicos nas quatro rodas.[5] O GAZ-72, uma versão com tração nas quatro rodas, foi produzida em baixa escala.

A GAZ fabricou também os modelos GAZ-12 ZIM, GAZ-21 e GAZ-24 Volga, além dos carros de luxo GAZ-13 e GAZ-14 Chaika. O ZIM foi o primeiro carro da GAZ a mostrar o veado saltando como ornamento do capô.[6] O GAZ-21 fez sua primeira aparição pública em 1955, com uma demonstração de três carros indo de Moscou para a Crimeia, sendo dois modelos automáticos e um manual.[7] Foi lançado oficialmente em 1956 e se tornou um símbolo de toda a época soviética. O carro oferecia assentos frontais capazes de reclinar completamente[7] e vinha equipado com um acendedor de cigarros elétrico e um rádio[8], em uma época em que os carros produzidos nos Estados Unidos não vinham equipados com rádio.[9] Um pequeno número de Volga com o motor do Chaika de 195 hp, com câmbio automático e direção assistida foram construídos para a KGB como M23, sendo produzidos um total de 603 veículos entre 1962-1970.[10] Como engenheiro chefe, Boris Dekhtyar disse que o Volga tinha pastilhas de freio melhores e atingia uma velocidade máxima de mais de 170 km/h; o carro foi bem recebido.[11] O novo motor produzia 195 h.p. a 4.400 rpm.[12] A produção do Chaika foi iniciada em 1959. Ao longo dos anos, diversas versões destes dois veículos foram produzidas.

ModelosEditar

ImagensEditar

Referências

  1. «Top Management» (em inglês). Arquivado do original em 21 de Junho de 2017 
  2. «ПАО ГАЗ — ОТЧЕТНОСТЬ ПО МСФО» (em russo). Arquivado do original em 12 de Junho de 2017 
  3. a b c Odin, L.C. (2015). World in Motion 1939 - The whole of the year's automobile production. [S.l.]: Belvedere Publishing. ASIN B00ZLN91ZG 
  4. Thompson, p. 52
  5. Thompson, p. 53
  6. Thompson, p. 68
  7. a b Thompson, p. 61
  8. Thompson, p. 62
  9. Flory, J. "Kelly" (2008). American Cars 1946-1959 (em inglês). Jefferson, NC: McFarland & Coy 
  10. Thompson, pp.120-121
  11. Б. А. Дехтяр. "Хвостовые" автомобили ГАЗ. // Биржа плюс Авто. №36. 13.09.2001. С. 38 Arquivado em 2016-12-23 no Wayback Machine.
  12. Легковой автомобиль ГАЗ-23. Инструкция по уходу. Издание второе. Горький. 1967. С. 114 Arquivado em 2014-01-03 no Wayback Machine.

Ligações externasEditar