Gabarito estrutural

Gabarito estrutural é o contorno transversal interno máximo suportado por uma estrutura que se destina à circulação de veículos em seu interior.

O estreito gabarito estrutural do Metropolitano de Londres.
Em curvas estreitas, vagões longos como este vagão de trem expresso de 26,4 metros de comprimento se projetam mais na bitola do que em uma linha reta. (curva de 180° perto de Königstein im Taunus)

No sistema ferroviário, tal termo refere-se às dimensões internas mínimas para as quais pontes e túneis têm de ser especificadas. Isso evita que tais estruturas representem obstáculos intransponíveis para a composição férrea no futuro.

A quantidade de espaço livre entre o gabarito estrutural e o contorno transversal do vagão depende da velocidade do veículo, devido ao balanço comum do trem em funcionamento. Caso haja pouco espaço livre, o trem seria obrigado a viajar em baixa velocidade no trecho onde o gabarito estrutural teve que ser diminuído.

Ver também editar

  Este artigo sobre transporte ferroviário é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.