Abrir menu principal

Wikipédia β

Gabriel Boschilia

Gabriel Boschilia (Piracicaba, 05 de março de 1996), mais conhecido por Boschilia, é um futebolista brasileiro que atua como meia. Defende atualmente o Monaco.[1] É neto do falecido árbitro de futebol Dulcídio Wanderley Boschilia.

Boschilia
Informações pessoais
Nome completo Gabriel Boschilia
Data de nasc. 5 de março de 1996 (21 anos)
Local de nasc. Piracicaba (SP), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,72 m
Canhoto
Informações profissionais
Clube atual Monaco
Número 26
Posição Meia
Clubes de juventude
2005–2012
2012–2014
Guarani
São Paulo
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2014–2015
2015–
2016
São Paulo
Monaco
Standard de Liège (emp.)
00044 0000(5)
00024 0000(8)
00010 0000(2)
Seleção nacional3
2013
2014–
2014–
Brasil Sub-17
Brasil Sub-20
Brasil Sub-21
00011 0000(8)
00007 0000(2)
00001 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 17 de outubro de 2017.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 20 de junho de 2014.

Índice

CarreiraEditar

Categorias de baseEditar

Boschilia foi uma das principais revelações da base do Guarani, onde destacou-se e despertou o interesse de diversos clubes como o Valencia da Espanha, mas no final de 2012 acabou sendo vendido ao São Paulo por valores não divulgados, pelo presidente Marcelo Mingone, acusado de má fé e por negociar cerca de 130 jogadores da base do time campineiro num período muito curto.[2]

Pelo clube do Morumbi, Boschilia conquistou a Copa do Brasil de Futebol Sub-17 de 2013, e já como uma grande promessa, disputou a Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2014 sendo o camisa 10 e o grande destaque do time, sendo chamado para os profissionais pelo técnico Muricy Ramalho logo em seguida, ao lado do atacante Ewandro.

São PauloEditar

O jogador fez sua estreia pelos profissionais do São Paulo logo após ter sido integrado no elenco, no dia 22 de janeiro de 2014 em uma partida contra o Mogi Mirim, no Morumbi, válida pelo Campeonato Paulista. Nesta partida ele deu uma assistência para o gol de Douglas fechar a vitória por 4 a 0.

Renovou seu contrato com o clube após ter feito dezoito anos, com o vínculo válido até 4 de março de 2019.[3]

Estreou como titular no dia 20 de abril, diante da vitória por 3 a 0 em cima do Botafogo, válido pela primeira rodada do Brasileirão de 2014.

Seu primeiro gol na equipe profissional do São Paulo, foi no dia 15 de outubro de 2014, válido pela Copa Sul-Americana, contra o Huachipato, marcando o 3º gol, partida onde o Tricolor venceu por 3 a 2.[4] Terminou o ano de 2014 como vice-campeão brasileiro.

MonacoEditar

Em 10 de agosto de 2015 foi contratado pelo Monaco para cinco temporadas.[5]

Standard LiégeEditar

Em Janeiro de 2016 foi emprestado por 6 meses pelo Monaco ao Standard Liége para ganhar experiencia.

Seleção Brasileira de baseEditar

Boschilia foi convocado pelo técnico Alexandre Gallo para a Seleção Brasileira Sub-17 em 2013 e participou do Campeonato Mundial de Futebol Sub-17 de 2013, sendo o principal jogador do time na competição, anotando seis gols em apenas quatro partidas e sendo o vice-artilheiro da competição. Estava suspenso na partida das quartas-de-final aonde o Brasil foi eliminado pelo México nos pênaltis.

Pelo mesmo técnico, o atleta foi chamado para a Seleção Brasileira Sub-21 para um amistoso contra o México, no dia 26 de janeiro de 2014, no estádio Vila Belmiro, em uma partida que resultou no empate por 1 a 1.

Foi convocado para a disputa do Torneio de COTIF em agosto de 2014, pela Seleção Brasileira - Sub 20, na sua estreia, o Brasil empatou com o Catar por 1 a 1.

TítulosEditar

Monaco
Seleção Brasileira Sub-20

Referências

Ligações externasEditar