Abrir menu principal

Gala (esposa de Júlio Constâncio)

Disambig grey.svg Nota: Para outras pessoas de mesmo nome, veja Gala.
Gala
Nascimento 325
Morte Século IV
Cidadania Roma Antiga
Cônjuge Júlio Constâncio
Filho(s) Constâncio Galo

Gala (em latim: Galla; fl. c. 325) era esposa de Júlio Constâncio e membro da dinastia constantiniana, que governava o Império Romano. Gala era irmã do cônsul Nerácio Cereal e do prefeito pretoriano Vulcácio Rufino[1]. Seu marido era filho do imperador romano do ocidente Constâncio Cloro e meio-irmão do imperador Constantino. Desta união nasceram um filho de nome desconhecido que morreu com o pai nos expurgos de 337[2], uma filha de nome desconhecido que se casou com o primo (e imperador) Constâncio II[3] e finalmente Constâncio Galo, um césar do Império Romano do Oriente, nascido por volta de 325[4].

Alguns autores propõem que Gala e Júlio tiveram outra filha, nascida entre 324 e 331, que teria se casado com Justo, pai de Justina, cuja filha, esposa do imperador Teodósio I, se chamava Gala[5].

Gala morreu antes do marido, pois Galo, ainda garoto, foi colocado sob os cuidados do bispo Eusébio de Nicomédia[6].

Referências

  1. É provável que Nerácio fosse seu irmão e Vulcácio, meio-irmão, pois "Galo" é um cognome dos Nerácios (Jones, p. 198).
  2. Juliano, "Carta aos Atenienses", 270D.
  3. É provável que seu nome fosse Gala, Júlia ou Constância, os nomes de seus pais (Noel Emmanuel Lenski, The Cambridge companion to the Age of Constantine, Volume 13, Cambridge University Press, 2006, ISBN 0-521-52157-2, p. 107).
  4. Libânio xviii.10.
  5. Lenski, p. 97.
  6. Banchich, Thomas M. (1997). «Gallus Caesar (15 March 351 – 354 A.D.)» (em inglês). De Imperatoribus Romanis 

BibliografiaEditar