Abrir menu principal
Gato Barbieri
Gato Barbieri.JPG
Informação geral
Nascimento 28 de novembro de 1932
Origem Rosário, Argentina
Morte 2 de abril de 2016 (83 anos)
Nova York, Estados Unidos
Nacionalidade Argentina argentino
Gênero(s) jazz
Ocupação(ões) Saxofonista
Página oficial http://www.gatobarbierimusic.com/

Gato Barbieri, nascido Leandro José Barbieri[1][2] (Rosário, 28 de Novembro de 1932 - Nova York, 2 de abril de 2016[3]) foi um saxofonista tenor de jazz, argentino[4].

Inicialmente influenciado pelo free jazz, nos anos 1960, Barbieri evoluiu para o jazz latino, na década seguinte. Afetado por problemas de saúde e pela morte de sua mulher, Michelle, o músico permaneceu praticamente inativo ao longo de quase toda a década de 1990. Retornou em 1997, tocando no Playboy Jazz Festival de Los Angeles e gravando, desde então, alguns discos. [5]No final de sua vida, menos activo, Barbieri passou a compor e tocar smooth jazz.

Em 1973 , recebeu um Grammy de melhor composição instrumental, pela banda sonora do filme O Último Tango em Paris, de Bernardo Bertolucci[4][6]. Em 2015, recebeu o Grammy Latino de Excelência Musical.[7][8]

Gato Barbieri morreu de pneumonia em um hospital de Nova York, depois de passar por uma cirurgia para a remoção de um trombo, segundo informou sua esposa, Laura Barbieri.[9]

Discografia (incompleta)Editar

  • Menorama (private pressing, 1960)
  • Gato Barbieri & Don Cherry (1965)
  • Togetherness (Don Cherry (jazz), 1965)
  • Complete Communion (Don Cherry (jazz), 1966)
  • Symphony for Improvisers (Don Cherry (jazz), 1966)
  • Hamba Khale (with Dollar Brand, 1968)
  • Hamba Khale (with Dollar Brand, 1968)
  • Orgasm (Alan Shorter, 1968)
  • Communications (jazz álbum) with the Jazz Composer's Orchestra, (1968)
  • Under fire (1969)
  • The Third World (1969)
  • Liberation Music Orchestra (álbum) (Charlie Haden, 1969)
  • El Pampero (1971)
  • Fenix (1971)
  • Last Tango in Paris (1972)
  • Bolivia (1973)
  • Chapter One: Latin America (1973)
  • Chapter Two: Hasta siempre (1973)
  • Chapter Three: Viva Emiliano Zapata (1974)
  • Chapter Four: Alive in New York (1975)
  • Caliente (1976)
  • I Grandi del Jazz (1976)
  • Ruby Ruby (1977)
  • Apasionado (1982)
  • Qué Pasa (1997)
  • Che Corazón (1999)
  • The Shadow of The Cat (2002)

Referências


  Este artigo sobre músico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.