Georges Mathieu

Georges Mathieu, (27 de Janeiro de 1921-10 de Junho de 2012[1]) foi um pintor francês cujo estilo se identifica com o tachismo.

Georges Mathieu
Kunstnik.vol2.jpg
Nascimento 27 de janeiro de 1921
Boulogne-sur-Mer, France
Morte 10 de junho de 2012 (91 anos)
Paris
Nacionalidade França francesa
Ocupação Pintor
Escola/tradição Tachismo, Expressionismo abstrato, Abstracionismo lírico

BiografiaEditar

Mathieu nasceu em Boulogne-sur-Mer, França, e ganhou reputação internacional nos anos 1950 como um dos líderes do Expressionismo abstrato. Suas grandes pinturas eram criadas rápida e impulsivamente. A despeito de sua técnica anticonvencional, ele considerava a si mesmo um pintor tradicional trabalhando com temática subjetiva e abstrata. Suas pinturas estão relacionadas ao Abstracionismo lírico americano e também ao Tachismo.

Georges Mathieu nunca recebeu educação formal em arte. Em 1947, ele trabalhou na American Express em Paris, França, e alugou um chambre de bonne próximo ao Palácio do Luxemburgo. Lá, ele executou uma série de grandes telas com fundo preto no qual pintava ornamentos coloridos, espirais e outras formas. Em seguida, ele redefiniu sua técnica, usando um fundo branco sobre o qual pintava simples formas geométricas, na maioria das vezes uma única linha monocromática. Na década de 1950 ele exibiu 50 dessas telas na Galeria Leicester em Londres.

Ver tambémEditar

BibliografiaEditar

Referências

Ligações externasEditar

 
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Georges Mathieu