Gerardo Tum

Gerardo Tum, chamado também de Tonque, Tune, Tenque, Thom, ou de Martigues, [1] foi o fundador da ordem dos Cavaleiros Hospitalários, que posteriormente deu origem à Ordem de São Lázaro de Jerusalém, militar e hospitalária, à Ordem dos Cavaleiros de São João de Jerusalém e à Ordem Soberana e Militar de Malta.

Beato Gerard Tum, S.M.O.M.
Beato Gerard Tum
1725. Gravação em cobre por Laurent Cars
Fundador da Ordem Soberana e Militar de Malta
Nascimento c. 1040 em Amalfi?
Morte 3 de setembro de 1120 (80 anos)
Veneração por Igreja Católica
Gloriole.svg Portal dos Santos

Vida e obrasEditar

Possivelmente nascido em Amalfi (segundo outras fontes em Martigues na Provença), foi tanto soldado quanto mercador, dirigindo-se a Jerusalém e criando um xenodóquio (hospício) para abrigar os visitantes desta cidade em busca dos lugares sagrados do Cristianismo. Gerardo tornou-se o guardião e provedor deste xenodóquio até aproximadamente 1100, onde organizou a ordem religiosa de São João, recebendo reconhecimento papal do Papa Pascoal II em 1113 da bula papal Geraudo institutori ac praeposito Hirosolimitani Xenodochii. Esta bula foi renovada e confirmada pelo papa Calixto II pouco após a morte de Gerardo em 1120.

ReferênciasEditar

«Blessed Gérard Tonque and his everlasting brotherhood: The Order of St. John» (em inglês) 

Precedido por
Ordem Soberana e Militar de Malta
1099–1120
Sucedido por
Raymond du Puy de Provence
  Este artigo sobre a biografia de um(a) santo(a) ou um(a) beato(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Estudos sobre a Ordem de Avis (Séc XII-XV), Maria Cristina Almeida e Cunha, Faculdade de Letras. Biblioteca Digital, Porto 2009, p.9