Abrir menu principal
GERERAÚ
  Bairro do Brasil  
Brasão de Gereraú; em destaque o marreco, simbolo do Bairro e ao fundo, a Lagoa do Gereraú e a carnaúba, árvore ícone do Ceará e do Nordeste. Em Tupi, Gereraú significa "Lagoa dos Marrecos", por isso são representados no brasão.
Brasão de Gereraú; em destaque o marreco, simbolo do Bairro e ao fundo, a Lagoa do Gereraú e a carnaúba, árvore ícone do Ceará e do Nordeste. Em Tupi, Gereraú significa "Lagoa dos Marrecos", por isso são representados no brasão.
Localização
Unidade federativa  Ceará
Distrito Gereraú
Município Itaitinga
Características geográficas
População total (2010) 767 hab.
 • Homens 411
 • Mulheres 356
 • IDH 0,626
Outras informações
Domicílios 215
Distância até o centro 22 km (Centro de Fortaleza)
Fonte: IBGE/2010

Gereraú é um distrito e bairro de classe média baixa, vinculado ao município de Itaitinga, no estado do Ceará, pertencente à microrregião de Fortaleza e à mesorregião Metropolitana de Fortaleza.

EtimologiaEditar

"Gereraú" é uma palavra com origem na língua tupi que significa "lagoa dos marrecos". Devido ao clima, água farta, a pesca e pela imensa plantação de cajueiros, terra fértil e favorável ao plantio da mandioca e outras culturas de subsistência indígena, atraiu a tribo dos Janduíns que eram nômades que transitavam na região de Messejana, Itaitinga à Serra de Aratanha (Pacatuba). O chefe da tribo era chamado de Amanaím, que há anos foi encontrado sepultado em uma urna funerária nas propriedades de uma professora do Distrito. O artefato foi então recolhido e levado para o Centro de antropologia da Universidade Federal do Ceara[1]

PopulaçãoEditar

O bairro possui 767 habitantes, sendo o 16º bairro mais populoso do município. Conforme o Censo do IBGE de 2010, a população de Gereraú é distribuída entre homens e mulheres. A População masculina, representa 411 habitantes, e a população feminina, 356 habitantes. A população masculina representa 53.59% contra 46.41% feminina. A distribuição etária revela a existência de mais jovens do que idosos. Sendo a população composta de 36.2% de jovens e 5.1% de idosos. Há 215 domicílios particulares permanentes.[1][2]

TransporteEditar

O distrito possui uma grande deficiência no transporte público, com apenas uma linha de ônibus em circulação duas vezes ao dia da empresa São Benedito. A maioria dos habitantes possui transporte próprio. Em 2013 a empresa COOTRAMI (Cooperativa dos Transportes Alternativos do Município de Itaitinga), fez testes com duas linhas ligando o distrito à Sede do município e ao Centro de Fortaleza, mas não obteve a quantidade de usuários necessários para manter as linhas, retirando-as posteriormente. Atualmente a linha Gereraú/Fortaleza é realizada pela cooperativa do município quatro vezes ao dia, não existindo integração municipal com ouros bairros.

InfraestruturaEditar

 
Cemitério São José.

Existem duas escolas servindo a população; uma de ensino fundamental (E.E.F. Francisca Ferreira Siqueira) e outra de ensino médio (E.E.M. Raul Tavares Cavalcante, anteriormente, E.E.M. Antonio Geraldo de Lima). Há também uma biblioteca pública (Biblioteca Denise Ferreira Luz), um PSF, um cemitério (Cemitério São José), uma capela Católica (Capela de São José, padroeiro do bairro). Existem dois times de futebol amador: Madureira Esporte Clube e CAGECE Futebol Clube, este último recebe esse nome, por estar sediado em terras da Cia. de Água e Esgoto do Ceará.

A região vem se valorizando com investimentos públicos e privado; A construtora Walter Mota[3] fez um de seus condomínios sendo um grande sucesso  e atraindo novos empreendimentos para o local. O distrito tem um pequeno parque industrial com empresas que fabricam tintas (Hidrafort e All Tintas), produtos têxteis (Rei do Cotton)[1], lubrificantes automotivos (Dunax Lubrificantes)[4], resíduos sólidos recicláveis (Ambiental Fênix Reciclagem)[5] e, mais recentemente, a detentora dos produtos Brilux para o Ceará (Kaçan Industrial Produtos Limpa Fácil Ltda.)[6], anunciou sua transferência de uma área residencial em Fortaleza para o Polo Industrial do Gereraú. A empresa investiu em um prédio industrial de 4.120 m² com um terreno de 20 mil m²[7].

LimitesEditar

Inicia-se no encontro da Rodovia Edson Queiroz com a reta que parte do cruzamento da estrada Pacatuba/Riachão com a antiga estrada Guaiúba/Itapó em direção ao cume do serrote Jatobá. Segue por esta reta no sentido norte até o cume do serrote Jatobá. Dele traça-se uma reta até o centro da lagoa do Carapió, daí em nova reta no sentido norte vai até a foz do rio Timbó no rio Cocó. Deste ponto por uma reta no sentido sudeste vai ao ápice do serrote do Ancuri. Deste ponto segue por uma linha reta no sentido sudeste até o pontilhão do Carro Quebrado na BR-116. Segue por esta rodovia no sentido sul até a Av. Lídia Alves Cavalcante. Segue por esta avenida no sentido noroeste até encontrar a Estrada das Pedreiras. Segue por esta estrada no sentido oeste e depois sudoeste até encontrar a Rodovia Edson Queiroz. Segue por esta rodovia no sentido noroeste e depois oeste até o ponto inicial.[8]

O distrito de Gereraú tem seu território dividido em área urbana e área rural conforme a descrição apresentada a seguir:

I – Área Urbana

Primeiro Trecho – Inicia-se no encontro da Rodovia Edson Queiroz com a reta que parte do cruzamento da estrada Pacatuba/Riachão com a antiga estrada Guaiúba/Itapó em direção ao cume do serrote Jatobá. Segue por esta reta no sentido norte até o cume do serrote Jatobá. Dele traça-se uma reta até o centro da lagoa do Carapió, daí em nova reta no sentido norte vai até encontrar o canal de ligação Riachão – Gavião. Segue por este canal no sentido sudeste até este cruzar com a estrada das Pedreiras. Segue então por esta estrada no sentido sul até encontrar com a Rodovia Edson Queiroz. Segue por esta rodovia no sentido oeste até o ponto inicial. Segundo Trecho – Inicia-se na foz do rio Timbó no rio Cocó. Deste ponto por uma reta no sentido sudeste vai ao ápice do serrote do Ancuri. Deste ponto segue por uma linha reta no sentido sudeste até o pontilhão do Carro Quebrado na BR-116. Segue por esta rodovia no sentido sul até a Av. Lídia Alves Cavalcante. Segue por esta avenida no sentido noroeste até encontrar a Estrada das Pedreiras. Segue por esta estrada no sentido sudoeste até encontrar uma linha imaginária paralela 400 metros a oeste da rua S.D.O. Segue por esta linha, no sentido noroeste e depois norte, até encontrar uma linha imaginária perpendicular a rua S.D.O. que passa na confluência do limite sul do loteamento Parque das Flores com o limite leste do loteamento. Segue por esta linha, no sentido leste, até encontrar esta confluência. Segue pelo limite sul do loteamento, no sentido noroeste, até encontrar o limite oeste municipal. Segue por este limite, no sentido norte, até o ponto inicial.[8][1]

Cultura e lazerEditar

O bairro é conhecido também pela Lagoa do Gereraú, onde há um complexo turístico denominado Itapark[9] que funciona desde a década de 1990. Conta com um ambiente familiar, completa e moderna estrutura de lazer, gastronomia, diversão e segurança, sendo um importante polo turístico da cidade de Itaitinga.[10] Na decáda de 1990 o Cajueiro Drink's garantia a diversão da cidade de Fortaleza, na época, sendo a maior casa de show do estado, onde predominava o tradicional forró. Artistas e bandas de reconhecimento nacional como Chiclete com Banana, Alcione e a banda É o Tchan faziam parte das atrações da casa.«Relembre casas de shows antigas de Fortaleza.» 

Em 2009 foi produzido um filme no bairro, chamado "Poço da Pedra"; a produção contou com uma cidade cenográfica (a primeira a ser feita no estado do Ceará) que continha uma praça, igreja, mercearia, além de várias casas tipicamente encontradas no interior do Nordeste. O filme produzido pela ACARTES de Fortaleza em parceria com a Prefeitura Municipal de Itaitinga, Grupo M. Dias Branco e a Fundação Cultural Acauã, contou com atores do Grupo de Teatro Acauã e moradores do município de Itaitinga e de Fortaleza no elenco. Nove atores do Grupo de Teatro Acauã integraram o elenco do longa-metragem "Poço da Pedra" - do cineasta cearense Gerardo Damasceno, produzido pelo Pontão de Cultura ACARTES - Academia de Ciências e Artes. O filme foi lançado em 14 de abril de 2010. A solenidade do lançamento aconteceu no Theatro José de Alencar.«Poço da Pedra». Adoro Cinema 

Selecionados desde 2005, os atores (e técnicos) do município contracenaram ao lado de renomados atores do cinema nacional, dentre eles o global Aramis Trindade, que na trama interpretou o personagem Zé Capote. O filme estreou no cinema e na TV sendo apresentado ao grande público de Fortaleza (Espaço Unibanco de Cinema) e de todo o Nordeste pela emissora TV Diário Canal 22 (Programa Cine Nordeste).Moura, Dawlton. «Luz, câmera, Poço da Pedra.». Diário do Nordeste. [11]

Referências

  1. a b c ibge.gov.br/. «Histórico». Cópia arquivada em 29 de dezembro de 2014  Texto "pacatuba" ignorado (ajuda); Texto "infograficos:-historico" ignorado (ajuda)[ligação inativa]
  2. www.geografos.com.br. «Gereraú» 
  3. Marketing, Tatics Comunicação e. «Walter Mota - 12 vezes eleita ao prêmio Master Imobiliário». Consultado em 8 de junho de 2019 
  4. «Dulub Lubrificantes – Tecnologia em estado líquido.». www.dulub.com.br. Consultado em 9 de agosto de 2018 
  5. «Empresa de Reciclagem em Fortaleza | Reciclagem Fenix». www.reciclagemfenix.com.br. Consultado em 9 de agosto de 2018 
  6. danielteixeirati.github.io. «Limpa Fácil - Facilitando sua vida». www.limpafacil.com.br. Consultado em 9 de agosto de 2018 
  7. «Limpa Fácil aplica R$ 9,5 mi em duplicação no CE - Negócios - Diário do Nordeste». Diário do Nordeste. Consultado em 9 de agosto de 2018 
  8. a b Ceara.gov.br. «PROJETO DE LEI DE ORGANIZAÇÃO TERRITORIAL DO MUNICÍPIO DE ITAITINGA» (PDF). Consultado em 30 de dezembro de 2014. Cópia arquivada (PDF) em 30 de dezemro de 2014  Verifique data em: |arquivodata= (ajuda)
  9. «Itapark | Empreendimentos Turísticos». Itapark. Consultado em 9 de agosto de 2018 
  10. lagoadolazer.com.br. «Lagoa do Gereraú». Consultado em 30 de dezembro de 2014. Arquivado do original em 31 de dezembro de 2014 
  11. https://web.archive.org/web/20150620082230/http://www.lagoadolazer.com.br/. Arquivado do original em 20 de junho de 2015  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  Este artigo sobre Geografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.