Giovanna Amati

Giovanna Amati
Informações pessoais
Nome completo Giovanna Amati
Nacionalidade italiana
Nascimento 20 de julho de 1959 (61 anos)
Roma, Flag of Lazio.svg Lácio
Registros na Fórmula 1
Temporadas 1992
Equipes Brabham
GPs disputados 3 (0 largadas)
Títulos 0
Vitórias 0
Pódios 0
Pontos 0
Pole positions 0
Voltas mais rápidas 0
Primeiro GP GP da África do Sul (1992)
Último GP GP do Brasil (1992)

Giovanna Amati (Roma, 20 de Julho de 1959) é uma ex-automobilista da Itália. Amati foi a última mulher a disputar o mundial de Fórmula 1, na temporada 1992 quando tentou se classificar para as três primeiras corridas (incluindo o Brasil).[1] Não conseguindo ela foi substituída por Damon Hill, que também não conseguiu classificar o carro nas corridas imediatamente seguintes.

CarreiraEditar

De família rica, aos cinco anos Giovanna foi sequestrada por bandidos em uma tentativa de extrair um resgate de seus pais.[2] Ela era filha de um rico industrial e apaixonada por automobilismo desde a infância. A italiana tinha um 500cc Moto Honda, que, secretamente, dirigia em torno de Roma, à noite e sem uma licença.

Um amigo de infância, Elio de Angelis, deu-lhe aulas de condução e logo ela avançou para o Campeonato Italiano de F3. "Com frequência eu tive que mudar as cores do meu carro para que os outros pilotos não conseguissem me identificar de uma corrida para a próxima. Para alguns deles, era francamente intolerável ser ultrapassado por uma mulher e muitas vezes, deliberadamente, eles preferiam bater em vez de perder uma posição."

Giovanna tem uma personalidade forte, e é acusada de ter tido romances com Niki Lauda e Flavio Briatore, o último, enquanto ele ainda era gerente da equipe Benetton.

Ela assinou contrato para a temporada de 1992 com Brabham, porém não conseguiu se classificar nos três primeiros grandes prêmios e foi substituída por Damon Hill. Ela continuou sua carreira em uma categoria chamada Sport Proto.

Atualmente, ela é uma jornalista da imprensa, bem como da televisão italiana.[3]

Posição de chegada nas corridas de Fórmula 1Editar

Legenda

Ano Nome Oficial da Equipe Chassi Motor 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 Pontos Posição
1992 Motor Racing
Developments Ltd
Brabham
BT60B
Judd GV
V10
RSA
NQ
G
MEX
NQ
G
BRA
NQ
G
ESP SMR MON CAN FRA GBR GER HUN BEL ITA POR JPN AUS

Ver tambémEditar

Referências

  1. F1 na Web Arquivado em 17 de fevereiro de 2009, no Wayback Machine., As Mulheres na F-1
  2. ESPN F1. «Giovanna Amati» (em inglês). Consultado em 23 de abril de 2010  Texto " Formula 1 drivers, live F1 " ignorado (ajuda)
  3. Google Books, Fast Ladies: Female Racing Drivers 1888 to 1970


  Este artigo sobre Automobilismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.