Girl (filme de 2018)

Girl é um filme de drama belga dirigido por Lukas Dhont. Escrito por Dhont e Angelo Tijssens, foi exibido na mostra paralela Un certain regard no Festival de Cannes 2018. No festival, foi premiado com o Caméra d'Or, bem como pelo Queer Palm.[3][4] No Cannes, Victor Polster venceu a categoria de Melhor Performance no júri da mostra Un certain regard.[5] O filme foi selecionado como a participação belga em Melhor Filme Estrangeiro no Óscar 2019.[6][7] Em 20 de outubro, no Festival de Cinema de Londres, Girl foi premiado com o Troféu Sutherland na categoria de Best First Feature.[8]

Girl
 Bélgica
2018 •  cor •  100 min 
Direção Lukas Dhont
Roteiro Lukas Dhont
Angelo Tijssens
Elenco Victor Polster
Arieh Worthwalter
Oliver Bodart
Música Valentin Hadjadj
Distribuição Netflix
Lançamento  Bélgica 9 de outubro de 2018
Idioma neerlandês
francês
Receita US$ 3,3 milhões[1][2]

EnredoEditar

Lara, uma garota transgênero de 15 anos, estuda numa prestigiosa academia de dança da Bélgica. O rigor para o treinamento como bailarina tornam-se mais complicados assim que deseja realizar uma cirurgia de redesignação sexual.[9]

ElencoEditar

  • Victor Polster como Lara
  • Arieh Worthalter como Mathias
  • Oliver Bodart como Milo
  • Tijmen Govaerts como Lewis
  • Katelijne Damen como Dr. Naert, médica
  • Valentijn Dhaenens como Dr. Pascal, psiquiatra
  • Magali Elali como Christine
  • Alice de Broqueville como Lois
  • Alain Honorez como Alain

ProduçãoEditar

O filme foi inspirado na história real de uma pessoa transexual belga que, neste ínterim, se tornou uma dançarina profissional de sucesso. Originalmente, o papel foi oferecido pela diretora à dançarina para atuar em um documentário sobre sua própria vida, mas ela recusou porque queria uma vida normal e sem exposição pública durante a juventude.[10]

Recepção críticaEditar

No Metacritic, o filme conta com uma nota de 79 de 100 pontos, baseada em 9 críticas que indicam análises favoráveis.[11] Peter Debruge, da revista Variety, escreveu: "Para Lara, a dança é mais importante do que o namoro. Como tal, o filme relativamente modesto de Dhont consegue abranger ambos os temas, "Billy Elliot" e "Tomboy", e merece reconhecimento semelhante."[12] Numa avaliação para a revista cinematográfica Screen Daily, Wendy Ide escreveu: "O que é crucial para o sucesso do filme, no entanto, é o fato de que, apesar de sua franqueza sobre a dor de Lara, o filme se recusa a renunciar a uma nota de esperança."[13] Boyd van Hoeij, do The Hollywood Reporter, escreveu: "Este intrigante longa-metragem de estreia do diretor Lukas Dhont, numa mistura natural de francês e holandês, parece fantástico, sem receio de abordar uma série de assuntos complicados e de apresentar uma atação de dançarino e atuação de Victor Polster."[14]

Referências

  1. «Girl (2018)». Box Office Mojo. IMDb. Consultado em 10 de novembro de 2018 
  2. «Girl (2018)». The Numbers. Consultado em 27 de outubro de 2018 
  3. «The 2018 Official Selection». Cannes. Consultado em 12 de abril de 2018 
  4. «Cannes Lineup Includes New Films From Spike Lee, Jean-Luc Godard». Variety. Consultado em 12 de abril de 2018 
  5. Lodge, Guy (18 de maio de 2018). «Cannes: 'Border' Leads Un Certain Regard Award Winners». Variety. Consultado em 18 de maio de 2017 
  6. «'Girl' is Belgian entry for the Oscars». De Morgen. 24 de agosto de 2018. Consultado em 24 de agosto de 2018 
  7. Tartaglione, Nancy (27 de agosto de 2018). «Oscars: Belgium Selects 'Girl', Cannes' Camera D'Or, As Foreign Language Entry». Deadline. Consultado em 27 de agosto de 2018 
  8. Korsner, Jason (20 de outubro de 2018). «London Film Festival Awards are as Topical as a News Bulletin». What's Worth Seeing. Consultado em 20 de outubro de 2018 
  9. van Hoeij, Boyd (12 de maio de 2018). «'Girl': Film Review». The Hollywood Reporter. Consultado em 31 de agosto de 2018 
  10. Die Tänzerin Nora Monsecour Die Inspiration für den Film "Girl" (TV film and interview) (em German). 30 de novembro de 2018 
  11. «Critic Review for Girl - Metacritic». Metacritic. Consultado em 11 de dezembro de 2018 
  12. Peter Debrudge (12 de maio de 2018). «Film Review: 'Girl'». Variety 
  13. Wendy Ide (12 de maio de 2018). «'Girl': Cannes Review». Screen Daily. Consultado em 11 de dezembro de 2018 
  14. Boyd van Hoeij (12 de maio de 2018). «'Girl' Film Review». The Hollywood Reporter. Consultado em 11 de dezembro de 2018 

Ligações externasEditar