Giro de Lombardia de 2014

carreira ciclista italiana
Giro de Lombardia de 2014 Cycling (road) pictogram.svg
Detalhes
Corrida108. Giro di Lombardia
Válida paraUCI WorldTour de 2014
Data5 outubro 2014
Distância260 km
PaísITA Itália
PartidaComo
ChegadaBérgamo
Nº de equipes25
Velocidade média40,461 km/h
Classificação final
VencedorIRL Daniel Martin (Garmin-Sharp)
SegundoESP Alejandro Valverde (Movistar Team)
TerceiroPOR Rui Costa (Lampre-Merida)
◀ 20132015 ▶
Documentação Wikidata-logo S.svg

A 108.ª edição do Giro de Lombardia foi uma carreira ciclista que se disputou a 5 de outubro de 2014 com um percurso 254 quilómetros entre Como e Bérgamo.[1] Foi a penúltima carreira do UCI World Tour de 2014.

A clássica de outono partiu desde a cidade de Como passando por outras cidades de Lombardia como Cantù, Erba, Asso e Onno antes de chegar a Bellagio, a 58 km, e o início da Madonna del Ghisallo (754m), com uma subida de 10,6 quilómetros com pendentes a mais de 14 por cento.

Após um primeiro passo pela cidade de Bérgamo, iniciava-se uma volta com uma série de subidas onde os corredores enfrentariam o Colle di Massa (413m), Colle Galo (763m) e, após a segunda zona de alimentação em Cene, o Passo di Ganda (1060m). Depois de uma rápida descida através de Selvino e Rigosa para o fundo do vale, o caminho será subir de novo para Bracca (600m) e desfrutar da baixada técnica para Zogno e Brembilla. Os corredores iniciavam então a escalada clássica de Berbenno (695m), a só 26 km da meta.

Uma rápida descida para Almenno San Salvatore levava aos corredores através de Almè e voltariam a Bérgamo para enfrentar-se aos últimos quilómetros pelo muro antigo de Città Alta que lhes levou até a meta na Sentierone.[2]

A vitória foi para o corredor irlandês Daniel Martin (Garmin Sharp) quem superou a Alejandro Valverde (Movistar Team) e Rui Costa (Lampre-Merida).[3]

Equipas participantesEditar

Tomaram parte na carreira 25 equipas: os 18 de categoria UCI Pro Team (ao ser obrigada sua participação); mais 8 de categoria Profissional Continental mediante convite da organização (a Androni Giocattoli, Bardiani CSF, Caja Rural-Seguros RGA, Colombia, IAM Cycling, Neri Sottoli e o NetApp-Endura). As equipas foram integradas por 8 corredores, formando assim um pelotão de 200 ciclistas.[4]

Equipes ProTeam (18)Equipes profissionais Continentais (7)

Classificação finalEditar

As classificações finalizaram da seguinte forma:[5]

 Classificação geral
CiclistaPaísEquipeTempo
1. Daniel Martin   República da IrlandaGarmin-Sharp6h25m33s
2. Alejandro Valverde   EspanhaMovistar Team+ 1s
3. Rui Costa   PortugalLampre-Merida+ 1s
4. Tim Wellens   BélgicaLotto-Belisol+ 1s
5. Samuel Sánchez   EspanhaBMC Racing Team+ 1s
6. Michael Albasini   SuíçaOrica-GreenEDGE+ 1s
7. Philippe Gilbert   BélgicaBMC Racing Team+ 1s
8. Joaquim Rodríguez   EspanhaKatusha+ 1s
9. Fabio Aru   ItáliaAstana+ 1s
10. Rinaldo Nocentini   ItáliaAG2R La Mondiale+ 14s
11. Romain Bardet   FrançaAG2R La Mondiale+ 14s
12. Jelle Vanendert   BélgicaLotto-Belisol+ 18s
13. Alexandr Kolobnev   RússiaKatusha+ 20s
14. Thibaut Pinot   FrançaFDJ.fr+ 25s
15. Alessandro De Marchi   ItáliaCannondale+ 25s
16. Davide Villella   ItáliaCannondale+ 25s
17. Wilco Kelderman   Países BaixosBelkin+ 25s
18. Tiago Machado   PortugalNetApp-Endura+ 25s
19. Mauro Finetto   ItáliaNeri Sottoli+ 25s
20. Ivan Santaromita   ItáliaOrica-GreenEDGE+ 25s
Fonte: ProCyclingStats


ReferênciasEditar

Ligações externasEditar