Abrir menu principal
Armênia em 150. Gogarena situa-se dentre as províncias mais ao norte

Gogarena (em armênio/arménio: Գուգարք; transl.: Gugark) foi a décima terceira província da Armênia histórica segundo Ananias de Siracena.[1] Seu território corresponde ao norte da atual Armênia, o nordeste da Turquia e o sul da Geórgia. A cidade de Ardaã é seu centro histórico.

Índice

DistritosEditar

A província era constituída por 16 distritos ou cantões (em armênio/arménio: գավառ; transl.: gavar):[2][3]

HistóriaEditar

Sob os artaxíadas e arsácidas, a província foi uma das quatro marcas (vitaxados) que protegiam o Reino da Armênia. Segundo Cyril Toumanoff, foi dirigida por vitaxas ("vice-reis"). [4] Em 387, quando o reino foi dividido entre os romanos e sassânidas, foi integrada à Ibéria.[5] Em 652, os árabes permitiram que o príncipe armênio Teodoro Rexituni incorporasse-a às suas posses.[carece de fontes?] Ao longo dos séculos seguintes, a província teve vários soberanos: no século VIII esteve integrada ao Emirado de Tbilisi e no século IX foi dividida entre os bagrátidas armênios e georgianos.[5]

Referências

  1. Dédéyan 2007, p. 43.
  2. Hewsen 2001, p. 103.
  3. Cappelletti 1841, p. 74.
  4. Toumanoff 1990, p. 227.
  5. a b AAC 1977, p. 240-241.

BibliografiaEditar

  • «Anon. Գուգարք ("Gugark'")». Enciclopédia Soviética Armênia. III. Erevã: Academia Armênia de Ciências. 1977 
  • Cappelletti, Giuseppe (1841). L' Armenia Vol. I. Florença: Stamperia E Fonderia Fabris 
  • Hewsen, Robert H. (2001). Armenia: A historical Atlas. Chicago e Londres: The University of Chicago Press. ISBN 0-226-33228-4 
  • Toumanoff, Cyril (1990). Les dynasties de la Caucasie chrétienne de l'Antiquité jusqu'au xixe siècle : Tables généalogiques et chronologiques. Roma: Edizioni Aquila