Grammy Latino de 2000

First Annual Latin Grammy (em inglês)
Primeiro Grammy Latino (BR)
Informação geral
Formato
País de origem  Estados Unidos
Idioma original espanhol
Produção
Apresentador(es) Gloria Estefan, Jennifer Lopez, Andy Garcia, Jimmy Smits, Antonio Banderas

O "Grammy Latino Anual" aconteceu no Staples Center em Los Angeles no dia 13 de novembro de 2000. Os grandes vencedores desse prêmio foram o porto-riquenho Luis Miguel,o mexicano Carlos Santana e a banda mexicana Maná com três prêmios; o dominicano Juan Luis Guerra, a colombiana Shakira, o argentino Fito Páez e o cubano-estadunidense Emilio Estefan receberam dois prêmios cada.

Os vencedores foram escolhidos pela Academia Americana de Arte e Ciências da Gravação para a lista de finalistas.A cerimônia foi transmitida ao vivo na CBS e foi transmitida para mais de 100 países ao redor do mundo.[1].O show,de duas horas,foi a primeira transmissão bilíngue no horário nobre dos Estados Unidos.[2].

Índice

Vencedores-geraisEditar

Gravação do AnoEditar

  "Corazón Espiñado" - Santana e Maná

Álbum do AnoEditar

  Amarte es un placer - Luis Miguel

Canção do AnoEditar

  "Dímelo" - Marc Anthony

Artista revelação do anoEditar

  Ibrahim Ferrer

Vencedores na Categoria PopEditar

Performance Vocal Feminina de Pop do anoEditar

  "Ojos Así" - Shakira

Performance Vocal Masculina Pop do AnoEditar

  "Tu Miranda" - Luis Miguel

Performance Vocal Pop de dupla ou grupo do AnoEditar

  "Se Me Olvidó Otra Vez" - Maná

Performance Instrumental Pop do AnoEditar

  "El Farol" - Santana

Álbum Vocal Pop do AnoEditar

  Amarte es un placer - Luis Miguel

Vencedores na Categoria RockEditar

Performance Vocal Feminina de Rock do AnoEditar

  "Octavo Dia" - Shakira

Performance Vocal Masculina de Rock do AnoEditar

  "Al Lado del Camino" - Fito Páez

Grupo ou Dupla Vocal de RockEditar

 "Corazón Espiñado" - Santana e Maná

Canção de Rock do AnoEditar

  "Al Lado del Camino" - Fito Páez

Álbum de Rock do AnoEditar

  Revés/Yo Soy - Café Tacuba

Vencedores na Categoria TropicalEditar

Performance de Salsa do AnoEditar

  Celia Cruz and Friends: A Night of Salsa - Celia Cruz

Performance de Merengue do AnoEditar

  Ni Es Lo Mismo Ni Es Igual - Juan Luis Guerra

Performance de Tropical Tradioocional do AnoEditar

  Mambo Birdland - Tito Puente

Canção Tropical do AnoEditar

prêmio para compositores

  "El Niágara en Bicicleta" - Juan Luis Guerra

Juan Luis Guerra, compositor
Omar Alfano, compositor
Emilio Estefan e Kike Santander, compositor
Martin Madera, compositor
Robert Blades, Emilio Estefan e Gloria Estefan, compositores

Vencedores na Categoria Regional (Mexicana)Editar

Álbum Ranchero do AnoEditar

  Mi Verdad - Alejandro Fernández

Banda Regional do AnoEditar

  Lo Mejor de Mi Vida - Banda El Recodo

Álbum Grupero do AnoEditar

  En La Madrugada se Fue - Los Temerarios

Álbum Texano do AnoEditar

  Por Eso Te Amo - Los Palominos

Álbum Nortenho do AnoEditar

  Herencia de Familia - Los Tigres del Norte

Música Regional do AnoEditar

Prêmio para compositores

  "Mi Verdad" - Alejandro Fernández

Kike Santander, compositor
Juan Carlos Medrano, compositor
Jorge Massias, compositor
Ricardo Ceratto, compositor
Edel Ramírez, compositor

Vencedores na Categoria TradicionalEditar

Álbum de Folk do AnoEditar

  Misa Criolla - Mercedes Sosa

Álbum de Tango do AnoEditar

  Postales del Alma - Lito Vitale e Juan Carlos Baglietto

Álbum de Flamenco do AnoEditar

  Paris 87 - Camarón e Tomatito

Vencedores na Categoria JazzEditar

Álbum de Jazz do AnoEditar

  Vencedores:

Spain - Michel Camilo e Tomatito
Tropicana Nights - Paquito D'Rivera

Vencedores na Categoria Regional BrasileiraEditar

Álbum Brasileiro de Pop Contemporâneo do AnoEditar

  Crooner - Milton Nascimento

Álbum Brasileiro de Rock do AnoEditar

  Acústico MTV (Os Paralamas do Sucesso) - Paralamas do Sucesso

Álbum Brasileiro de Samba/Pagode do AnoEditar

  Zeca Pagodinho ao Vivo - Zeca Pagodinho

Álbum de MPB do AnoEditar

  Livro - Caetano Veloso

Álbum Brasileiro de Sertanejo do AnoEditar

  Sérgio Reis e Convidados - Sérgio Reis

Álbum Regional ou de Raízes BrasileirasEditar

  Pixinguinha - Paulo Moura e os Batutas

Música Brasileira do AnoEditar

prêmio para compositores

  "Acelerou" - Djavan

Djavan, compositor
Chico César e Vanessa da Mata, compositores
Marcelo Camelo, compositor
Nando Reis, compositor
Cristovão Bastos e Aldir Blanc, compositores

Vencedores na Categoria InfantilEditar

Álbum Infantil do AnoEditar

  A Mis Niños de 30 Años - Miliki

José Morato e Oscar Gómez, produtores
Alejandro Abaroa, produtor
Chacho Gaytán, produtor
Maria del Rey, produtora
Leandro Lehart,Lincoln Olivetti e João Plinta, produtores

Vencedores na Categoria ClássicoEditar

Álbum Clássico do AnoEditar

  La Dolores - Tomás Bretón - Antoni Ros Marbá, Elisabete Matos, Manuel Lanza, Plácido Domingo e Tito Beltrán

Michael Haas,produtor
Pablo Voitzuk e Diego Zapico, produtores
Enrique Pérez Mesa, produtor
David Mottley, produtor
Eduardo Diazmuñoz e Ana Lara, produtores

Vencedores na Categoria ProduçãoEditar

PrêmioEditar

  "Abre (canção)" - Fito Páez

Frank Filipetti, engenheriro
Jerry Boys, engenheiro
Moogie Canazio, engenheiro
Carlos Álvarez, Mike Couzzi, Bolívar Gómez, Miguel Hernández, Luis Mansilla, Carlos Ordehl, Eric Ramos, July Ruiz e Eric Schilling, engenheiros
Joe Chiccarelli, engenheiros

Produtor do AnoEditar

  Emilio Estefan Jr.

Vencedores na Categoria Clipe/Vídeo MusicalEditar

Vídeo musical (curto) do AnoEditar

  "No Me Dejes de Querer" - Gloria Estefan

Douglas Friedman, produtor e Emilio Estefan Jr., produtor
Jose Luis Garcia e Padula, produtores e Jose Luis Garcia, diretor
Edy Enriquez, produtor; Beto Cuevas e Gustavo Garzón
Rhonda Vernet, produtor; Kevin Bray, diretor
Nyenye Kitchings, produtor; Mark Kohr, diretor

Referências