Abrir menu principal
Grande Prêmio da Alemanha
de Fórmula 1 de 1985
Nurburgring 1984.jpg
36º GP da Alemanha realizado em Nürburgring
Detalhes da corrida
Categoria Fórmula 1
Data 4 de agosto de 1985
Nome oficial XLVII Großer Preis von Deutschland
Local Nürburgring, Nürburg, Distrito de Ahrweiler, Renânia-Palatinado, Alemanha Ocidental
Total 67 voltas / 305.252 km
Condições do tempo Seco
Pole
Piloto
Itália Teo Fabi Toleman-Hart
Tempo 1:17.429
Volta mais rápida
Piloto
Áustria Niki Lauda McLaren-TAG/Porsche
Tempo 1:22.806 (na volta 53)
Pódio
Primeiro
Itália Michele Alboreto Ferrari
Segundo
França Alain Prost McLaren-TAG/Porsche
Terceiro
França Jacques Laffite Ligier-Renault

Resultados do Grande Prêmio da Alemanha de Fórmula 1 realizado em Nürburgring à 4 de agosto de 1985. Nona etapa da temporada, foi marcado pela última vitória do italiano Michele Alboreto.[1][2][nota 1]

Índice

ResumoEditar

Ao marcar o melhor tempo nos treinos de sexta-feira, o italiano Teo Fabi terminou por conquistar a primeira pole position de sua carreira e também da Toleman graças à sua decisão de ir à pista antes que chovesse em Nürburgring naquele mesmo dia e também no sábado.[3]

Merece destaque a presença de três carros da Renault no grid de largada, pois além de Derek Warwick e Patrick Tambay (titulares da equipe) a equipe francesa inscreveu François Hesnault com o fito de testar uma inovação: transmitir imagens diretamente do carro para a televisão graças ao uso de uma câmera onboard. Nos treinos o "bólido tecnológico" ficou em vigésimo terceiro lugar e quebrou após oito voltas. Ressalte-se que um acordo de cavalheiros estabeleceu que Hesnault não marcaria pontos caso terminasse entre os seis primeiros.[2]

Esta foi a última corrida na carreira do alemão Manfred Winkelhock, falecido em 12 de agosto em razão de um acidente sofrido no dia anterior durante os 1000 km de Mosport.[4]

Classificação da provaEditar

Pos. Piloto Construtor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 27   Michele Alboreto Ferrari 67 1:35'31"337 8 9
2 2   Alain Prost McLaren-TAG/Porsche 67 + 11"661 3 6
3 26   Jacques Laffite Ligier-Renault 67 + 51"154 13 4
4 18   Thierry Boutsen Arrows-BMW 67 + 55"279 15 3
5 1   Niki Lauda McLaren-TAG/Porsche 67 + 1'13"972 12 2
6 5   Nigel Mansell Williams-Honda 67 + 1'16"820 10 1
7 17   Gerhard Berger Arrows-BMW 66 + 1 volta 17
8 3   Stefan Bellof Tyrrell-Renault 66 + 1 volta 19
9 28   Stefan Johansson Ferrari 66 + 1 volta 2
10 4   Martin Brundle Tyrrell-Ford 63 + 4 voltas 26
11 29   Pierluigi Martini Minardi-Motori Moderni 62 Motor 27
12 6   Keke Rosberg Williams-Honda 61 Freios 4
Ret 23   Eddie Cheever Alfa Romeo 45 Turbo 18
Ret 11   Elio de Angelis Lotus-Renault 40 Motor 7
Ret 24   Huub Rothengatter Osella-Alfa Romeo 32 Câmbio 25
Ret 19   Teo Fabi Toleman-Hart 29 Embreagem 1
Ret 12   Ayrton Senna Lotus-Renault 27 Transmissão 5
Ret 16   Derek Warwick Renault 25 Ignição 20
Ret 7   Nelson Piquet Brabham-BMW 23 Turbo 6
Ret 15   Patrick Tambay Renault 19 Spun Off 16
Ret 8   Marc Surer Brabham-BMW 15 Motor 11
Ret 9   Manfred Winkelhock RAM-Hart 8 Motor 22
Ret 22   Riccardo Patrese Alfa Romeo 8 Câmbio 9
Ret 14   François Hesnault Renault 8 Embreagem 23
Ret 10   Philippe Alliot RAM-Hart 8 Pressão do óleo 21
Ret 30   Jonathan Palmer Zakspeed 7 Alternador 24
Ret 25   Andrea de Cesaris Ligier-Renault 0 Colisão 14

Tabela do campeonato após a corridaEditar

  • Nota: Somente as primeiras cinco posições estão listadas. Entre 1981 e 1990 cada piloto podia computar onze resultados válidos por temporada não havendo descartes no mundial de construtores.

Notas

  1. Voltas na liderança: Keke Rosberg 33 voltas (1-15; 27-44), Ayrton Senna 11 voltas (16-26), Michele Alboreto 23 voltas (45-67).

Referências