Abrir menu principal

13ª etapa do Mundial, a corrida teve momentos de pista molhada e pista seca, e presenciou um feroz duelo entre os postulantes do título da temporada, Mika Hakkinen e Michael Schumacher.

Após duas trocas de posições, a prova foi decidida faltando três voltas para o final. Schumacher liderava desde a volta nº 28, quando, com a pista seca, Hakkinen se aproximou. Schumacher estava a colocar uma volta sobre o brasileiro Ricardo Zonta, da BAR, na reta Kemmel, quando Hakkinen, que vinha logo atrás, aproveitou o vácuo gerado pelos dois carros, e protagonizou uma das mais espetaculares ultrapassagens da história da Fórmula 1. Assim, o finlandês da McLaren garantiu a vitória e seis pontos de vantagem sobre o alemão da Ferrari, que cruzou em 2º.

Ralf Schumacher, da Williams, completou o pódio. em 3º. [1]

Resultados do Grande Prémio da Bélgica realizado em Spa-Francorchamps a 27 de Agosto de 2000:

ClassificaçãoEditar

Pos Piloto Equipa Voltas Tempo Grid Pts
1 1   Mika Häkkinen McLaren-Mercedes 44 28:14.4 1 10
2 3   Michael Schumacher Ferrari 44 1.104 2 6
3 9   Ralf Schumacher Williams-BMW 44 38.096 6 4
4 2   David Coulthard McLaren-Mercedes 44 43.281 5 3
5 10   Jenson Button Williams-BMW 44 49.914 3 2
6 5   Heinz-Harald Frentzen Jordan-Mugen-Honda 44 55.984 8 1
7 22   Jacques Villeneuve BAR-Honda 44 +1:12.380 7  
8 8   Johnny Herbert Jaguar-Cosworth 44 +1:27.808 9  
9 17   Mika Salo Sauber-Petronas 44 +1:28.670 18  
10 7   Eddie Irvine Jaguar-Cosworth 44 +1:31.555 12  
11 16   Pedro Diniz Sauber-Petronas 44 +1:34.123 15  
12 23   Ricardo Zonta BAR-Honda 43 +1 Volta 13  
13 12   Alexander Wurz Benetton-Playlife 43 +1 Volta 19  
14 20   Marc Gené Minardi-Fondmetal 43 +1 Volta 21  
15 19   Jos Verstappen Arrows-Supertec 43 +1 Volta 20  
16 18   Pedro de la Rosa Arrows-Supertec 42 +2 Voltas 16  
17 21   Gaston Mazzacane Minardi-Fondmetal 42 +2 Voltas 22  
Ret 4   Rubens Barrichello Ferrari 32 Fuel Pressure 10  
Ret 14   Jean Alesi Prost-Peugeot 32 Fuel Pressure 17  
Ret 15   Nick Heidfeld Prost-Peugeot 12 Motor 14  
Ret 11   Giancarlo Fisichella Benetton-Playlife 8 Eléctrico 11  
Ret 6   Jarno Trulli Jordan-Mugen-Honda 4 Colisão 2  

NotasEditar

  • Volta mais rápida: Rubens Barrichello 1m 53.803s
  • Última vez em que o circuito recebe a F-1 ainda com parte de seu traçado como vias públicas. Entre 2000 e 2001, todo o circuito passou a ser fechado, se tornando, de fato, autódromo permanente.

ReferênciasEditar