Abrir menu principal

Grande Prêmio de San Marino de 1996

GP de San Marino de F-1 1996
Circuit Imola 1992.png
Grande Prêmio de San Marino de 1996.
Detalhes da corrida
Data 5 de maio de 1996
Nome oficial XVI Gran Premio di San Marino
Local Autodromo Enzo e Dino Ferrari, Ímola, Itália
Total 63 voltas / 308.196 km (192.262 mi) km
Pole
Piloto
Alemanha Michael Schumacher Ferrari
Tempo 1:26.890
Volta mais rápida
Piloto
Reino Unido Damon Hill Williams-Renault
Tempo 1:28.931 (na volta 49)
Pódio
Primeiro
Reino Unido Damon Hill Williams-Renault
Segundo
Alemanha Michael Schumacher Ferrari
Terceiro
Áustria Gerhard Berger Benetton-Renault

Resultados do Grande Prêmio de San Marino realizado em Imola em 5 de maio de 1996.

Índice

Relatório da provaEditar

TreinosEditar

Michael Schumacher superou as Williams nos segundos finais do treino de sábado e alcançou sua primeira pole na Ferrari e a primeira do time italiano em Imola desde 1983 com René Arnoux. Graças a uma quebra na suspensão traseira de seu carro logo após o treino, o alemão fez um desfile pelo circuito a bordo do caminhão de resgate para delírio da torcida.[1]

CorridaEditar

David Coulthard tomou a ponta na largada colocando sua McLaren adiante de Hill e Schumacher que logo passaria o inglês e como se não bastasse tal revés, a Williams foi obrigada a socorrer Jacques Villeneuve com um pneu furado após tocar a Benetton de Jean Alesi. Sobre Coulthard ele segurou a liderança por vinte voltas quando entrou nos boxes um giro antes de Schumacher fazendo com que a liderança caísse no colo de Hill. Apenas na trigésima volta o britânico parou realizando um trabalho que o manteve à frente de Schumacher na casa de um segundo. A necessidade do alemão em fazer uma nova parada, entretanto, impediu um confronto direto entre ele e Hill.

Encerrada a segunda janela de pit stops a liderança era de de Hill com Schumacher em segundo e Berger em terceiro, pois Coulthard saiu da corrida devido a uma falha hidráulica. Quando o piloto da Williams parou faltavam treze voltas para o fim da prova e sua vantagem era de quarenta segundos sobre o rival mais próximo, o que o permitiu voltar à ponta e conservar sua liderança até a segunda vitória consecutiva em Ímola[2] com Michael Schumacher em segundo e Gerhard Berger em terceiro.

Cada um dos presentes no pódio tinha razões para comemorar: Damon Hill venceu e com o abandono de Villeneuve por falhas na suspensão do carro, abriu vinte e um pontos de vantagem sobre o canadense na tabela de classificação, a maior diferença entre ambos até o momento. Para Michael Schumacher foi um alívio chegar em segundo lugar depois de sofrer com uma roda travada a meia volta do final enquanto Berger marcou seus primeiros pontos em seu retorno à Benetton, façanha inédita desde a vitória do austríaco no Grande Prêmio do México de 1986.[3] Eddie Irvine, Rubens Barrichello e Jean Alesi completaram a zona de pontuação.

ClassificaçãoEditar

Pos. Piloto Construtor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 5   Damon Hill Williams-Renault 63 1:35:26.156 2 10
2 1   Michael Schumacher Ferrari 63 +16.460 1 6
3 4   Gerhard Berger Benetton-Renault 63 +46.891 7 4
4 2   Eddie Irvine Ferrari 63 +1:01.583 6 3
5 11   Rubens Barrichello Jordan-Peugeot 63 +1:18.490 9 2
6 3   Jean Alesi Benetton-Renault 62 +1 volta 5 1
7 10   Pedro Diniz Ligier-Mugen-Honda 62 +1 volta 17  
8 7   Mika Häkkinen McLaren-Mercedes 61 Motor 11  
9 20   Pedro Lamy Minardi-Ford 61 +2 voltas 18  
10 22   Luca Badoer Forti-Ford 59 +4 voltas 21  
11 6   Jacques Villeneuve Williams-Renault 57 Suspensão 3  
Ret 9   Olivier Panis Ligier-Mugen-Honda 54 Motor 13  
Ret 18   Ukyo Katayama Tyrrell-Yamaha 45 Spun Off 16  
Ret 8   David Coulthard McLaren-Mercedes 44 Falha hidráulica 4  
Ret 16   Ricardo Rosset Footwork-Hart 40 Motor 20  
Ret 17   Jos Verstappen Footwork-Hart 38 Falha hidráulica 14  
Ret 12   Martin Brundle Jordan-Peugeot 36 Spun Off 12  
Ret 15   Heinz-Harald Frentzen Sauber-Ford 32 Freios 10  
Ret 21   Giancarlo Fisichella Minardi-Ford 30 Motor 19  
Ret 14   Johnny Herbert Sauber-Ford 25 Eléctrico 15  
Ret 19   Mika Salo Tyrrell-Yamaha 23 Motor 8  
DNQ 23   Andrea Montermini Forti-Ford   Acima dos 107% 22  

NotasEditar

  • Volta mais rápida: Damon Hill 1:28.931
  • Pole position: Michael Schumacher 1:26.890

Referências