Griselda Siciliani

atriz argentina

Griselda Siciliani (Buenos Aires, 2 de abril de 1978) é uma atriz, cantora e bailarina argentina, conhecida pelas suas atuações em telenovelas como Sos mi vida, Patito Feo, Para vestir santos, Los Únicos, Farsantes e Educando a Nina.

Griselda Siciliani
Nascimento 2 de abril de 1978
Buenos Aires, Argentina
Nacionalidade Argentina
Cônjuge Adrián Suar (2008-2016)
Filho(a)(s) Margarita Kirzner Siciliani (n. 2012)
Ocupação Atriz, cantora, bailarina

BiografiaEditar

Filha de professores, Siciliani cresceu em Villa Luro[1], bairro de Buenos Aires. Com dez anos de idade, entrou para a «Escuela Nacional de Danzas», onde aprofundou os seus conhecimentos na área da dança contemporânea com Carlos Casella, Ana Garat, Marina Giancaspro, Liliana Nuño e outros. Para além disso, também teve aulas de atuação na escola de Hugo Midón, e aulas de canto com o professor Mariano Moruja.

Aos oito anos decide dançar como vocação. Num ímpeto levado a cabo pelo sonho e pelo desejo, estuda na Escola Nacional de Danças, especializando a sua formação em dança contemporânea. Nas aulas de atuação de Hugo Midón encontra uma paixão não antes conhecida pelo teatro musical.

As suas primeiras atuações públicas surgem em grupos independentes, como bailarina de dança contemporânea. Mais à frente, trabalha em teatro musical infantil, acrescentando pontos à sua já vasta formação no ofício.

Junto a Virginia Kaufmann, Siciliani cria, produz, dirige e interpreta Tan modositas (2003-2005) e Quiero llenarme de ti (2006-2008).

Os seus trabalhos seguintes são em núcleos de teatro tanto comerciais como independentes e alternativos. Participa em De protesta (2004) de Alejandro Tantanian no Teatro San Martín, Revista Nacional (2005), El rebenque show (2005-2006) e Hermosura (2006) do grupo El Descueve. Já no Teatro Lola Membrives, faz parte do musical Sweet Charity (2006), ao lado de Florencia Peña.

Aos vinte e seis anos inicia-se na sua carreira televisiva, começando com a personagem Flor em Sin código (2006). De seguida, dá corpo e alma a personagens como Débora (Deby) Quesada em Sos mi vida, Carmen em Patito Feo (pt: O Mundo de Patty) Virginia em Para vestir santos, María em Los Únicos, Gabriela em Farsantes e as gémeas Nina Peralta/Mara Brunetta em Educando a Nina. Por alguns destes trabalhos recebe as distinções dos prémios Martin Fierro, Clarín e Tato.

Sob a direção de Daniel Veronese La forma de las cosas (2009) trá-la de volta ao teatro comercial. Nesse mesmo ano cria Corazón idiota, junto a Ana Frenkel, Daniel Cúparo, Carlos Casella e Carla Peterson.

Interpreta Alejandra Olemberg no filme premiado El último Elvis (2012), dirigido por Armando Bo.

Em 2006, é convocada para Revista Nacional, espetáculo produzido por Pol-Ka, Aí o dono da produtora, Adrián Suar, propõe-lhe uma participação secundária no programa televisivo Sin código, para interpretar a secretária do protagonista, o próprio Suar. Este primeiro papel permite-lhe arrecadar o Prémio Martín Fierro de atriz revelação — derrotando Mike Amigorena, Carla Conte, Elena Roger e Diego Maradona —, tal como o Prémio Clarín em 2005, na mesma categoria.[2]

No seguimento do seu papel na comédia televisiva Sos mi vida, novela protagonizada por Natalia Oreiro e Facundo Arana, (onde interpreta a prima do protagonista masculino), junta-se ao espetáculo Quiero llenarme de ti, que idealiza e protagoniza junto a Virginia Kauffmann e Diego Bros, obra premiada com o Premio Ace de Melhor espetáculo de Café Concert. É a seguir a esse mesmo espetáculo que participa também no musical Sweet Charity.

No ano de 2007, obtém o seu primeiro papel protagónico, interpretando Carmen na telenovela infantil Patito feo, ao lado de Juan Darthés e Laura Esquivel. Participa também na adaptação ao palco da novela, tal como na respetiva banda sonora. Em 2008 regressa a Patito Feo para realizar a segunda temporada.

Em 2009, encabeça as obras La forma de las cosas, fazendo a personagem Evelyn, e Corazón idiota, obra musical que protagoniza ao lado da sua amiga Carla Peterson.[3] No mesmo ano, realiza alguns episódios da série unitária Tratame bien, interpretando Denise.[4]

No ano de 2010, protagoniza a série unitária de Pol-Ka Para vestir santos, junto a Celeste Cid e Gabriela Toscano. Numa história de tres hermanas; Siciliani interpreta Virginia San Juan, a irmã do meio.[5]

Em 2011, protagoniza a primeira temporada da comédia televisiva de Pol-Ka Los únicos, junto a Mariano Martínez, Nicolás Cabré, Eugenia Tobal e Nicolás Vázquez, onde interpreta María.[6]

No ano de 2013, no seguimento da sua gravidez, é convocada para a protagonista feminina de Farsantes, telenovela emitida pelo canal El trece e co-protagonizada por Facundo Arana, Julio Chávez, Benjamín Vicuña e Alfredo Casero.[7]

Em 2014, depois de ter feito várias obras televisivas produzidas por Pol-Ka e passadas no canal El Trece, é convocada para fazer uma participação especial de índole antagónica na comédia televisiva de Underground Producciones: Viudas e hijos del rock and roll, novela protagonizada por Damián De Santo e Paola Barrientos, e emitida no canal Telefe.[8] Ja no teatro, protagoniza a obra Estás que te pelas, junto a Carlos Casella.

No ano de 2016, protagoniza a comédia de Underground Producciones para o canal Telefe, Educando a Nina, e em 2017 protagoniza o musical Sugar no teatro Lola Membrives.

Em 2019 protagoniza a obra teatral La mujer de al lado. No ano de 2020, no entanto, o seu local de ofício muda-se temporariamente para Espanha, onde grava A las naranjas... agujas para o canal TVE, e o filme Sentimental — filme esse adaptado da peça de teatro Los vecinos de arriba — dirigido por Cesc Gay e co-protagonizado por Javier Cámara, Belén Cuesta e Alberto San Juan, filme esse que lhe garantizou o título de Melhor Atriz no Festival de Cinema de Montecarlo e uma nomeação para os prémios Goya.

Vida pessoalEditar

Esteve casada durante oito anos com o ator, produtor e dono de Pol-ka Producciones, Adrián Suar. Nasceu a 15 de junho de 2012 a sua filha, Margarita Kirzner.[9][10] É também a irmã mais velha da atriz Leticia Siciliani.

FilmografiaEditar

CinemaEditar

Ano Filme Personagem País
2007 La antena Bailarina 2  
2012 El último Elvis Alejandra Olemberg   
2016 Me casé con un boludo Ela mesma  
2020 Recursos humanos Blanca Rias  
2020 Sentimental Ana / Anita  

TelevisãoEditar

Ano Título Personagem Canal
2004-2005 Sin código Florencia "Flor" El Trece
2006-2007 Sos mi vida Débora "Deby" Quesada El Trece
2007-2008 Patito Feo Carmen Castro Disney Channel
2009 Tratame bien Denise El Trece
2010 Para vestir santos Virginia San Juan El Trece
2011 Los Únicos María Soledad Marini El Trece
2013-2014 Farsantes Gabriela Soria El Trece
2014-2015 Viudas e hijos del rock and roll Susana "Susy" Bertolotti Telefe
2016 Educando a Nina Nina Peralta / Mara Brunetta Telefe
2017 De otro planeta Várias personagens TV Pública
2018 Morir de amor Helena Karsten Telefe
2019 Bailando por un sueño 2019 Concorrente (desistiu) El Trece
2019 Bailando por un sueño 2019 Júri convidada El Trece
2020 A las naranjas... agujas Dra. Cornelia Zelarrayán TVE

Vídeos musicaisEditar

Ano Intérprete Vídeo Álbum
2015 La Franela Fue tan bueno Nunca es tarde
2017 Ciro y los Persas Juira! Naranja persa
2019 Meteoros Chica en Buenos Aires Meteoros+

TeatroEditar

Ano Obra Direção Local Nota
2003 La danza cansa Paula Solarz El ombligo de la luna
2004 De protesta Alejandro Maci e Alejandro Tantanian Teatro San Martín
2004-2006 Tan modositas Virginia Kaufmann e Griselda Siciliani Teatro la Comedia
2005 Revista nacional Teatro Opera
2006 El Rebenque Show Vivi Tellas Faena Hotel
2006-2007 Sweet Charity Gerardo Gardelin Lola Membrives Nickie
2007-2008 Patito Feo: La historia más linda en el Teatro Internacional Carmen Castro
2006-2009 Quiero llenarme de tí Diego Bros, Virginia Kaufmann, Griselda Siciliani Velma Café
2009 La forma de las cosas Daniel Veronese Multiteatro
2009 Corazón Idiota Carlos Casella, Daniel Cúparo y Ana Frenkel Paseo la Plaza
2011 Los Únicos Marcos Carnevale Teatro Opera
2014 Estás que te pelas Teatro Maipo
2015-2016 Sputza La Trastienda Club
2017-2018 Sugar Arturo Puig Lola Membrives Sugar Kane
2019 La mujer de al lado Gastón Duprat Multiteatro Comafi