Grupo Algar


Constituída em 1930, a Algar é um Grupo empresarial empreendedor, que atua nos setores de TIC, Entretenimento e Agro. Oferece soluções que garantem valor para pessoas e empresas, de maneira sustentável e inovadora, valorizando os relacionamentos e o potencial humano.

Grupo Algar
Razão social Algar S/A Empreendimentos e Participações
Slogan Gente servindo Gente
Atividade Holding
Gênero Controladora de empresas nos segmentos TIC, Entretenimento e Agro
Fundação 1930
Fundador(es) Alexandrino Garcia
Sede Uberlândia , MG, Brasil Brasil
Área(s) servida(s) América Latina
Presidente Divino Sebastião de Souza
Pessoas-chave Luiz Alexandre Garcia, Eliane Garcia Melgaço e Luiz Alberto Garcia, Divino Sebastião de Souza
Empregados 19 mil
Produtos telefonia móvel, telefonia fixa, serviços de internet, TV por assinatura, tecnologia de informação, BPO, infraestrutura de TI, datacenter, aplicações de negócios, negócios digitais,agronegócios, turismo, mídia.
Subsidiárias Algar Telecom / Algar Tech / Algar Farming / Grupo Aviva
Acionistas Família Garcia
Website oficial www.algar.com.br

Com atuação no Brasil e América Latina, o grupo Algar possui cerca de 19 mil profissionais que atendem seus 2 milhões de clientes.[1].[2][3]

HistóriaEditar

Fundado em 1930 pelo imigrante português Alexandrino Garcia em Uberlândia, MG, o grupo Algar começou a partir da aquisição de uma máquina de beneficiar arroz. [4]

Posteriormente, Alexandrino Garcia adquiriu um posto de serviço automotivo e uma pequena central telefônica.

O grupo Algar é formado por quatro empresas e três unidades corporativas. Sua principal área de atuação é Tecnologias da Informação e Comunicações (TIC), seguido por Entretenimento e Agro. [5][3][6]

O nome Algar veio das iniciais do seu fundador, Alexandrino Garcia.[5][7]

Desde 2019, o grupo Algar é presidido por Divino Sebastião de Souza, que está há mais de 40 anos no Grupo e já ocupou os cargos de vice-presidente de Operações, presidente da Algar Telecom e presidente da Algar Tech. [8][6]

No mesmo ano, Luiz Alexandre Garcia, que até então era CEO, assumiu a presidência do Conselho de Administração do Grupo. Ele é a 3ª geração da família Garcia que esteve à frente da empresa, depois do seu avô Alexandrino Garcia e de seu pai Luiz Alberto Garcia, terceiro filho do fundador e que hoje é presidente de honra do Conselho de Administração .[9][5][7]

A Algar atua no Brasil, na Colômbia, na Argentina e no México. Possui cerca de 19 mil funcionários e quase 2 milhões de clientes.

Documentário "Dr. Luiz Alberto Garcia, um sonhalizador"Editar

Em 2014, o publicitário Celso Machado produziu o documentário Dr. Luiz Alberto Garcia, um sonhalizador, que por meio de cerca de 25 depoimentos de amigos e familiares homenageou o presidente de honra do Conselho de Administração do grupo Algar.

O documentário narra histórias dos 80 anos de vida de Luiz Alberto Garcia mostrando sonhos que foram realizados por ele durante sua trajetória profissional.[10]

Empresas do GrupoEditar

  • Algar Telecom
  • Algar Tech
  • Algar Farming
  • Aviva Unidades corporativas ·        CSC Algar ·        Instituto Algar ·        UniAlgar


Algar TelecomEditar

A Algar Telecom, originalmente nominada por CTBC (Companhia de Telefone Brasil Central) quando fundada na década de 50 por Alexandrino Garcia, teve seu nome alterado para Algar Telecom em 2014 com o objetivo de fortalecer a monomarca do grupo Algar.

Diferenciada pelo relacionamento próximo, serviços de alta qualidade, atendimento ágil e eficaz, a Algar Telecom oferece um conjunto completo e integrado de soluções em TI e Telecom.

Empresa de telecomunicações com mais de 60 anos no mercado, que oferece serviços de telefonia fixa e móvel; internet banda larga de ultra velocidade fixa e móvel; TV por assinatura; gestão de dados e voz; computação em nuvem; gerenciamento de rede e segurança; infraestrutura de TI; outsourcing; videoconferência. Atende a clientes corporativos (business-to-business ou B2B) – de micro e pequenas empresas a grandes corporações – e varejo (business-to-consumer ou B2C).

Algar TechEditar

A Algar Tech é uma multinacional brasileira especializada em processos de negócios de relacionamento com o cliente e gestão de ambiente de tecnologia.

Ela atua no mercado corporativo desde 1999, com um portfólio de serviços que abrange: gestão de relacionamento com clientes (atendimento, vendas, retenção, backoffice, crédito e cobrança); gestão de ambiente de tecnologia (NOC, SOC, suporte ao usuário final, data center, serviços na nuvem e sustentação de ambientes) e gestão de serviços de telecom (implantação, manutenção e monitoramento de redes e telecom).

A Algar Tech está presente em todos os países da América Latina, com prestação de serviços de tecnologia; e na Argentina, Colômbia e no México, com unidades operacionais e comerciais. No Brasil, está em todos os estados com seu portfólio completo e possui quatro unidades (duas em Minas Gerais e duas em São Paulo) para operações de relacionamento com cliente.

Suas ofertas estão alinhadas à transformação digital, com equipes multidisciplinares, soluções Omnichannel (multiconexão), automação e inteligência artificial, aplicáveis a diferentes segmentos de negócio.

Trabalha com inovação incremental, colaborativa, em parceria com clientes e ecossistema de inovação (com metodologias como Innovatrix, Lean, Six Sigma, Design Thinking, Jornada do Usuário, Prototipação e cocriação) e disruptiva (parceria com a Algar Ventures através da Net Support).

Seus modelos de contratação são atrativos, pois são sob medida e focam a entrega de resultados, e não a alocação de recursos humanos e tecnológicos. Oferece atendimento multicanal em seis idiomas – atualmente, 25% das interações com clientes são realizadas em canais digitais. Conta com 7.500 posições de trabalho para operações de relacionamento com cliente

Algar FarmingEditar

A Algar Farming é uma empresa produtora de commodities agrícolas, que atua integralmente no plantio e na comercialização de grãos, principalmente soja e milho, e também na criação de gado de corte.

As áreas de produção agrícola da Algar Farming estão localizadas em fazendas do Triângulo Mineiro e no Mato Grosso do Sul, no município de Paranaíba. Já a criação extensiva de gado de corte e confinamento está no Mato Grosso do Sul.

AVIVAEditar

A AVIVA, um grupo de resorts e parques 100% nacional, uniu grandes nomes do entretenimento para criar espaços integrados à natureza com resorts, hotéis, atrações e uma infinidade de opções para muita diversão em família. Totalizando 13 hotéis, 5 pousadas e mais de 2.700 apartamentos em dois destinos incríveis: Costa do Sauipe e Rio Quente.

Costa do Sauipe – Parques e Resorts

Um local paradisíaco, referência de destino de praia no Brasil com 6 km de orla no litoral do Norte da Bahia.

Regime all inclusive com 1.564 apartamentos, três experiências de hospedagem, espaço para eventos com capacidade para até 6 mil pessoas, maior espaço kids dentro de um resort do país, muita música, gastronomia e cultura.

Rio Quente – Parques e Resorts

Maior manancial de águas quentes, correntes e naturais do mundo, clima ameno, uma natureza fenomenal em Goiás. 7 experiências de hospedagens com 1.151 apartamentos, abriga o Parque das Fontes com 8 piscinas naturais que se renovam a cada 20m e 24h de lazer para os hóspedes.

Hot Park

Eleito um dos 10 melhores parques aquáticos do mundo, segundo o TripAdvisor. Com a Praia do Cerrado, maior praia artificial de águas quentes e naturais do mundo e o Hotbum, a maior atração temática da américa latina, o Hot Park é a experiência de entretenimento mais legal do Brasil em meio à natureza.


CSC AlgarEditar

O Centro de Soluções Corporativas (CSC) da Algar foi consolidado em 2016 para centralizar as funções administrativas, financeiras, contábeis, fiscais, jurídicas, além da gestão dos recursos humanos e de tecnologia das empresas do Grupo. São mais de 400 profissionais de diferentes competências com o desafio de gerenciar a diversidade de linhas de negócio do grupo Algar.

Com foco em profissionais especializados, processos administrativos, suporte de tecnologia e ganhos de escala, as equipes possuem competências multifuncionais e têm como missão padronizar processos de empresas com atuações distintas.

O atendimento do CSC Algar é realizado prioritariamente por canais digitais (intranet, chat e aplicativos de mensagens) e também por telefone. Os associados – como são chamados os colaboradores – do Grupo, espalhados pelo Brasil, podem realizar solicitações como alterações nos benefícios, envio de comprovantes de pagamentos, dúvidas sobre contracheque, entre outros, são mais de mil possibilidades de solicitações disponíveis

O modelo é comprovadamente eficiente, porque possibilita que as empresas se dediquem totalmente ao seu core competence. Os benefícios, inclusive financeiros, se devem à estruturação com base em eficiência operacional, com menor custo e mais qualidade, e governança.

O CSC Algar tem também foco em inovação, que visa aprimorar a experiência do cliente com a desburocratização nos processos, antecipação de entregas e melhoria da qualidade dos serviços prestados.

Instituto AlgarEditar

Desde 1994, o grupo Algar investe em programas sociais voltados à comunidade, com o objetivo de contribuir para a melhoria da qualidade da educação brasileira. Desde 2002, essa decisão da Algar é operacionalizada pelo Instituto Algar, unidade responsável por coordenar e executar as diretrizes de todas as ações.

O Instituto Algar é responsável pelo investimento social do grupo Algar, coordenando e dando diretrizes para as ações nas frentes educacional (contribuindo para a melhoria da educação do Brasil, com atividades e formações para alunos e professores), ambiental (articulando, mobilizando e sensibilizando as empresas da Algar a continuarem implementando iniciativas ambientais) e de incentivos fiscais (ao patrocinar projetos disponibilizados via leis de incentivos: municipais, estaduais e federal).

UniAlgarEditar

Em 1998, o Grupo Algar criou a UniAlgar, uma Universidade Corporativa com foco na capacitação de funcionários do Grupo Algar através de cursos que vão de cultura corporativa a estratégia e inovação.

Em 2015, a UniAlgar abriu suas atividades para o mercado, passando a oferecer seus cursos também para colaboradores de outras empresas.

A UniAlgar trabalha com métodos inovadores, curadoria de conteúdo educacional, plataformas de conhecimento interativas, educação a distância, estudos de caso e outras ferramentas que apoiam a prosperidade dos nossos negócios e dos clientes.

A Universidade Corporativa equilibra os treinamentos com 70% de prática, 20% de mentoria e 10% de conteúdo, privilegiando as experiências para a consolidação de resultados.


PrêmiosEditar

  • 2012: Prêmio melhor Universidade Corporativa do Brasil, segundo o IQPC - Unialgar[11]
  • 2013: Prêmio Guia Exame Sustentabilidade - Algar Telecom[2]
  • 2013: Prêmio Best Inovator - Época NEGÓCIOS[12]
  • 2014: Prêmio Anuário Telecom- Empresa mais rentável - Algar Telecom.[13]
  • 2014: Prêmio Anuúario Telecom - Melhor empresa em serviços móveis - Algar Telecom.[13]
  • 2014: Prêmio Anuário Telecom - 100 maiores empresas de Telecom do país - Algar Telecom[13]
  • 2014: Prêmio 100+ Inovadoras no uso de TI - IT Mídia e PwC[14]
  • 2014: Prêmio Guia Exame Sustentabilidade - Grupo Rio Quente[15]
  • 2015: Anuário Época Negócios 360 - Melhor Empresa de Telecomunicações - Algar Telecom[16]
  • 2015: Prêmio GPTW - Melhores Empresas para se trabalhar - Algar Telecom[17]
  • 2015: Prêmio GPTW - Melhores Empresas para se trabalhar - Minas Gerais (50-249 funcionários) - Algar Aviation[18]
  • 2015: Prêmio GPTW - Melhores Empresas para se trabalhar - Minas Gerais (250-999 funcionários) - Algar Mídia[18]
  • 2015: Prêmio GPTW - Melhores Empresas para se trabalhar - Minas Gerais (acima de 1000 funcionários) - Algar Tech[18]
  • 2015: Prêmio GPTW - Melhores Empresas para se trabalhar - Centro-Oeste - Grupo Rio Quente[19]
  • 2015: 3º lugar no Prêmio Educorp - Unialgar[20]

Ligações externasEditar

ReferênciasEditar

  1. «Algar avança em soja e milho sob comando de ex-Bunge». Exame. 16 de julho de 2015. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  2. a b Vanessa Barbosa (6 de novembro de 2013). «As empresas premiadas pelo Guia EXAME Sustentabilidade 2013». Exame. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  3. a b «É melhor ter um mau plano do que não ter nenhum». Revista da ESPM. Setembro 2012. Consultado em 18 de dezembro de 2015 [ligação inativa]
  4. Rodrigo Caetano (19 de setembro de 2014). «O sonho americano da Algar». Istoe Dinheiro. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  5. a b c «Empresário Luiz Garcia fala aos jovens, na ACRJ, sobre como e por que ser empreendedor». Telebrasil. 7 de abril de 2008. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  6. a b «A AGROINDÚSTRIA DA ALGAR». Dinheiro Rural. Fevereiro de 2012. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  7. a b «CTBC passa a se chamar Algar Telecom». Meio & Mensagem. 18 de setembro de 2013. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  8. Daniela Barbosa (10 de dezembro de 2013). «Algar compra três empresas de TI por R$ 103 milhões». Exame. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  9. «Presidente da Algar Telecom recebe o Título de Cidadão Francano». GCN. 9 de abril de 2015. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  10. Carolina Monteiro (12 de maio de 2015). «Homenagem: documentário narra a trajetória de Luiz Alberto Garcia». Correio de Uberlandia. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  11. «Universidade corporativa decide abrir seus cursos para o mercado». Revista Melhor. 15 de junho de 2015. Consultado em 18 de dezembro de 2015 [ligação inativa]
  12. «As empresas que São exemplo de inovação». Época Negócios. 5 de novembro de 2015. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  13. a b c Paulo César de Oliveira (1 de setembro de 2015). «Empresas do Grupo Algar entre as melhores do Anuário Telecom». Blog do PCO. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  14. «Correios lideram ranking de As 100+ Inovadoras no Uso de TI». IT Forum 365. 25 de novembro de 2014. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  15. Vanessa Barbosa (5 de novembro de 2014). «As empresas premiadas pelo Guia EXAME Sustentabilidade 2014». Exame. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  16. Edson Caldas (14 de agosto de 2015). «Anuário época negocios 360 elegeitau a empresa do ano». Época Negócios. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  17. «Melhores Empresas para Trabalhar no Brasil: TI & telecomunicações». Great Place to Work. Consultado em 18 de dezembro de 2015. Arquivado do original em 8 de outubro de 2015 
  18. a b c «Melhores Empresas para Trabalhar GPTW - Minas Gerais». Great Place to Work. Consultado em 18 de dezembro de 2015. Arquivado do original em 24 de outubro de 2015 
  19. «Melhores Empresas para Trabalhar na região Centro Oeste do Brasil». Great Place to Work. Consultado em 18 de dezembro de 2015. Arquivado do original em 8 de dezembro de 2015 
  20. «UniAlgar conquista prêmio educorp 2015». Jornal da Cidade. 4 de agosto de 2015. Consultado em 18 de dezembro de 2015