Guilherme de Saxe-Gota-Altemburgo

Guilherme de Saxe-Gota-Altemburgo (Guilherme Carlos Cristiano), (12 de março de 1701 - 31 de maio de 1771) foi um duque da linha lateral dos Wettin ernestinos de Saxe-Gota-Altemburgo e Feldzeugmeister (Tenente-General) do Exército Imperial Austríaco.

Guilherme de Saxe-Gota-Altemburgo
Duque de Saxe-Gota-Altemburgo
Cônjuge Ana de Holstein-Gottorp
Nascimento 12 de março de 1701
  Gota, Sacro Império Romano-Germânico
Morte 31 de maio de 1771 (70 anos)
  Tonna, Sacro Império Romano-Germânico
Pai Frederico II de Saxe-Gota-Altemburgo
Mãe Madalena Augusta de Anhalt-Zerbst

BiografiaEditar

Guilherme era o segundo filho do duque Frederico II de Saxe-Gota-Altemburgo e da sua esposa, a princesa Madalena Augusta de Anhalt-Zerbst.

Guilherme começou a prestar serviço no exército do sacro-imperador Carlos VI onde liderou dois regimentos que o seu irmão Frederico III tinha deixado na guerra contra a França. Em 1738 tornou-se Generalfeldmarschall. Depois de deixar esta posição em 1750, retirou-se para a sua residência em Tonna.

Guilherme casou-se no dia 8 de Novembro de 1742 em Hamburgo com a duquesa Ana de Holstein-Gottorp, filha do duque Cristiano Augusto de Holstein-Gottorp e tia da czarina Catarina, a Grande. O casal não teve filhos.

GenealogiaEditar

Os antepassados de Guilherme de Saxe-Gota-Altemburgo em três gerações[1]
Guilherme de Saxe-Gota-Altemburgo Pai:
Frederico II de Saxe-Gota-Altemburgo
Avô paterno:
Frederico I de Saxe-Gota-Altemburgo
Bisavô paterno:
Ernesto I de Saxe-Gota
Bisavó paterna:
Isabel Sofia de Saxe-Altemburgo
Avó paterna:
Madalena Sibila de Saxe-Weissenfels
Bisavô paterno:
Augusto de Saxe-Weissenfels
Bisavó paterna:
Ana Maria de Mecklemburgo-Schwerin
Mãe:
Madalena Augusta de Anhalt-Zerbst
Avô materno:
Carlos de Anhalt-Zerbst
Bisavô materno:
João VI de Anhalt-Zerbst
Bisavó materna:
Sofia Augusta de Holstein-Gottorp
Avó materna:
Sofia de Saxe-Weissenfels
Bisavô materno:
Augusto de Saxe-Weissenfels
Bisavó materna:
Ana Maria de Mecklemburgo-Schwerin

Referências

  1. The Peerage, consultado a 15 de Março de 2013