Abrir menu principal
Ha-Joon Chang
Ha-Joon Chang no Institute for Public Policy Research em 10 de outubro de 2011
Nascimento 7 de outubro de 1963 (55 anos)
Seoul, Coreia do Sul
Residência Estados Unidos
Nacionalidade sul-coreano
Alma mater Universidade Nacional de Seul, Universidade de Cambridge
Prêmios Gunnar Myrdal Prize (2003), Wassily Leontief Prize (2005)
Instituições Universidade de Cambridge
Campo(s) Economia institucional

Ha-Joon Chang (Hangul: 장하준; Hanja: 張夏准; nascido em 7 de outubro de 1963) é um economista institucional sul-coreano especializado em economia do desenvolvimento. Atualmente membro do Departamento de Política Econômica do Desenvolvimento na Universidade de Cambridge, Chang é autor de diversos livros de política amplamente discutidos, sendo o mais notável Chutando a Escada: A Estratégia do Desenvolvimento em Perspectiva Histórica (2002).[1] Em 2013 a revista Prospect listou Chang como um dos 20 Maiores Pensadores do Mundo.[2]

Ele já serviu como consultor ao Banco Mundial, ao Banco Asiático de Desenvolvimento, ao Banco Europeu de Investimento, também a Oxfam e várias agências das Nações Unidas. Ele é também membro do Centro de Pesquisa de Economia e Política de Washington, D.C. Em adição, Chang faz parte do conselho do Academics Stand Against Poverty (ASAP).

Índice

BiografiaEditar

Depois de se graduar na Universidade Nacional de Seul, no Departamento de Economia, ele estudou na Universidade de Cambridge, ganhando seu PHD pela tese "A política econômica da política industrial - reflexões sobre o papel da intervenção estatal" (1991).

Sua contribuição para a economia heterodoxa começou durante a orientação do professor Rober Rowthorn, economista britânico marxista, colaborando para o desenvolvimento da teoria em torno da política industrial. Ha-Joon Chang descreve este projeto como um meio termo entre o planejamento central e a ausência de restrições característica do Livre Mercado.

Sua contribuição nesta área fazia parte de uma abordagem econômica conhecida como "Economia Política Institucional", que considera tanto a perspectiva histórica quanto questões sócio-políticas para analisar a evolução de práticas econômicas.

PublicaçõesEditar

LivrosEditar

  • The political economy of industrial policy (1994)
  • Intellectual property rights and economic development: historical lessons and emerging issues (2001)
  • Who benefits from the new international intellectual property rights regime?: and what should Africa do? (2001)
  • Joseph Stiglitz and the World Bank: the rebel within (coleção de discursos do Joseph Stiglitz) (2001)
  • Kicking Away the Ladder: Development Strategy in Historical Perspective (2002)
  • Globalization, Economic Development, and the Role of the State (coleção de ensaios) (2002)
  • Restructuring Korea Inc. (co-autoria de Jang-Sup Shin) (2003)
  • Reclaiming development: an alternative economic policy manual (co-autoria de Ilene Grabel) (2004)
  • The Politics of Trade and Industrial Policy in Africa: Forced Consensus (editado com Charles Chukwuma Soludo & Osita Ogbu) (2004)
  • Gae-Hyuck Ui Dut (The Reform Trap') (coleção de ensaios em coreano) (2004)
  • Kwe-Do Nan-Ma Hankook-Kyungje (Cutting the Gordian Knot – An Analysis of the Korean Economy) (em coreano) (co-autoria de Seung-il Jeong) (2005)
  • Bad Samaritans: The Myth of Free Trade and the Secret History of Capitalism (2008)
  • 23 Things They Don't Tell You About Capitalism (2010)
  • Economics: The User's Guide (2014)

Referências

Ligações externasEditar